Aleteia
La fête du jour

Sexta-feira, 20 de outubro
São Cornélio

Centurião romano

No capítulo 10 do livro dos Atos dos Apóstolos, fala-se do centurião Cornélio, talvez um militar já na reserva, do momento que nesse trecho dos Atos se falará de sua casa - que ficava na cidade de Cesareia, na Palestina, sede do governador romano - e de sua família. Sua patente militar denota seu posto de comando: é um “centurião”, isto é, um militar que tem sob seu comando um grupo de “cem” legionários romanos. Seu nome talvez o ligue à gens Cornelia, portanto, isso o tornaria alguém de ascendência itálica. É descrito ainda como um homem “piedoso e temente a Deus” - que nesse caso, pode indicar o seu seguimento, como simpatizante, da Lei de Moisés; também é dito que ele se dedicava às orações e às esmolas. Em certo dia, enquanto rezava fervorosamente, teve uma visão de um anjo que o chamou pelo nome e lhe diz que suas orações e esmolas eram agradáveis a Deus. Disse-lhe também para enviar alguns homens até Jope com a finalidade de convidar Simão Pedro para que este lhe fizesse uma visita em sua casa. Cornélio enviou dois servidores e um soldado; nesse ínterim, o apóstolo Pedro teve também uma visão simbólica, em que Deus esclarecia-lhe sua vontade de abrir aos gentios a entrada na Igreja. Logo em seguida Pedro recebe os forasteiros e aceita seu convite; ao chegar até a casa de Cornélio, é cumprimentado por este e por toda sua família. Cornélio recebe a evangelização de Pedro e, enquanto Pedro prosseguia com sua fala, o Espírito Santo desce sobre todos os presentes, manifestando o dom das línguas: diante desse fato extraordinário, Pedro compreende a vontade de Deus, e batiza a Cornélio e toda sua família. Assim é apresentada a “entrada” oficial dos pagãos no cristianismo. No que diz respeito a essa história singela, o que se quer afirmar é o caráter da iniciativa livre de Deus, que elegeu os pagãos para entrarem na comunidade do novo Israel que é a Igreja. Dessa forma, no relato, não apenas se justifica a entrada dos pagãos, mas também se ratifica essa entrada como uma vontade irreversível do próprio Deus.

Sobre Cornélio, algumas tradições que surgiram fora das páginas bíblicas, o descrevem como bispo e mártir. Consta também que sua casa teria sido transformada em igreja e seria meta de peregrinações no IV século. Na Igreja Latina, sua comemoração ocorre no dia 20 de outubro.

Vous voulez découvrir d’autres histoires de saints ? Cliquez ici

Oração da manhã

É suave o Senhor: bendizei o seu nome!
Glória ao Pai, ao Filho e ao Espírito Santo,
como era no princípio, agora e sempre.
Amém
Hino
Deus, que criastes a luz,
sois luz do céu radiosa.
O firmamento estendestes
com vossa mão poderosa.

A aurora esconde as estrelas,
e o seu clarão vos bendiz.
A brisa espalha o orvalho,
a terra acorda feliz.

A noite escura se afasta,
as trevas fogem da luz.
A estrela d'alva fulgura,
sinal de Cristo Jesus.

Ó Deus, sois dia dos dias,
sois luz da luz, na Unidade,
num só poder sobre os seres,
numa só glória, Trindade.

Perante vós, Salvador,
a nossa fronte inclinamos.
A vós, ao Pai e ao Espírito
louvor eterno cantamos.
Salmo 147(147 B)

Vou mostrar-te a noiva, a esposa do Cordeiro (Ap 21,9).

Glorifica o Senhor, Jerusalém!
Ó Sião, canta louvores ao teu Deus!

Pois reforçou com segurança as tuas portas,
e os teus filhos em teu seio abençoou;
a paz em teus limites garantiu
e te dá como alimento a flor do trigo.

Ele envia suas ordens para a terra,
e a palavra que ele diz corre veloz;
ele faz cair a neve como lã
e espalha a geada como cinza. –

Como de pão lança as migalhas do granizo,
a seu frio as águas ficam congeladas.
Ele envia sua palavra e as derrete,
sopra o vento e de novo as águas correm.

Anuncia a Jacó sua palavra,
seus preceitos e suas leis a Israel.
Nenhum povo recebeu tanto carinho,
a nenhum outro revelou os seus preceitos.

Glória ao Pai...

Leitura breve .................. ............... Gl 2,19b-20 Com Cristo, eu fui pregado na cruz. Eu vivo, mas não eu, é Cristo que vive em mim. Esta minha vida presente, na carne, eu a vivo na fé, crendo no Filho de Deus, que me amou e por mim se entregou.

Lanço um grito ao Senhor, Deus Altíssimo, este Deus que me dá todo bem.
Que me envie do céu sua ajuda!

BENEDICTUS
Pelo amor do coração de nosso Deus,
o Sol nascente nos veio visitar.

Bendito seja o Senhor Deus de Israel,
porque a seu povo visitou e libertou;

e fez surgir um poderoso Salvador
na casa de Davi, seu servidor,

como falara pela boca de seus santos,
os profetas desde os tempos mais antigos,

para salvar-nos do poder dos inimigos
e da mão de todos quantos nos odeiam.

Assim mostrou misericórdia a nossos pais,
recordando a sua santa Aliança

e o juramento a Abraão, o nosso pai,
de conceder-nos que, libertos do inimigo,

a ele nós sirvamos sem temor
em santidade e em justiça diante dele,
enquanto perdurarem nossos dias.

Serás profeta do Altíssimo, ó menino,
pois irás andando à frente do Senhor
para aplainar e preparar os seus caminhos,

anunciando ao seu povo a salvação,
que está na remissão de seus pecados;

pela bondade e compaixão de nosso Deus,
que sobre nós fará brilhar o Sol nascente,

para iluminar a quantos jazem entre as trevas
e na sombra da morte estão sentados

e para dirigir os nossos passos,
guiando-os no caminho da paz.

Glória ao Pai...

Preces
Cheios de confiança em Deus, que ama e protege todos aqueles que redimiu por seu Filho Jesus Cristo, façamos nossa oração; e digamos:

R. Confirmai, Senhor, o que em nós realizastes!

Deus de misericórdia, dirigi nossos passos nos caminhos da santidade,
– para pensarmos somente o que é verdadeiro, justo e digno de ser amado. R.

Por amor do vosso nome, não nos abandoneis para sempre,
– mas lembrai-vos, Senhor, da vossa aliança. R.

De coração contrito e humilde, sejamos acolhidos por vós,
– pois não serão confundidos aqueles que em vós esperam. R.

Vós, que, em Cristo, nos chamastes para uma missão profética,
– dai-nos a graça de proclamarmos sem temor as maravilhas do vosso poder. R.

(Intenções livres)

Pai nosso ...

Oração
Derramai, Senhor, sobre o povo suplicante a abundância da vossa graça, para que, seguindo os vossos mandamentos, receba estímulo e ajuda na vida presente e felicidade sem fim na pátria futura. Por nosso Senhor Jesus Cristo, vosso Filho, na unidade do Espírito Santo.

Meditação

Não temais: os cabelos de vossa cabeça estão todos contados

Deus não se agrada com a ânsia e com a inquietação de espírito: o Senhor quer que os nossos limites e as nossas debilidades se apoiem sobre a sua força e sobre a sua onipotência, quer que esperemos em sua bondade, que ela suprirá à imperfeição de nossos meios. Aqueles que se encarregam de numerosas tarefas, ainda que com reta intenção, devem se decidir em fazer simplesmente apenas aquilo que está em seu poder... Se é necessário que algumas coisas devam ser deixadas de lado, ocorre se munir de paciência, e não pensar que Deus espera de nós aquilo que nós mesmos não podemos fazer. Ele não quer que o homem se aflija por causa de seus limites [...]; não é necessário se cansar exageradamente. Antes, quando nos esforçamos em dar o nosso melhor, podemos abandonar todo o resto àquele que tem o poder de realizar tudo aquilo que quer. Queira a divina bondade nos comunicar sempre a luz da sabedoria, para que possamos ver claramente e cumprir firmemente aquilo que nos manda, em nós e nos outros [...]; para que acolhamos de sua mão aquilo que ele nos envia, tendo sempre presente aquilo que é mais importante: a paciência, a humildade, a obediência e a caridade.

Santo Inácio de Loyola
Fundador dos jesuítas (1491-1556).

O que esperar agora, ó Senhor?
Em vós depositamos nossa esperança.
Glória ao Pai, ao Filho e ao Espírito Santo,
como era no princípio, agora e sempre.
Amém.

Hino
Onze horas havendo passado,
chega a tarde e o dia termina;
entoemos louvores a Cristo,
que é imagem da glória divina.

Já passaram as lutas do dia,
o trabalho por vós contratado;
dai aos bons operários da vinha
dons de glória no Reino esperado.

Ó Senhor, aos que agora chamais
e que ireis premiar no futuro,
por salário, dai força na luta,
e, na paz, um repouso seguro.

Glória a vós, Cristo, Rei compassivo,
glória ao Pai e ao Espírito também.
Unidade e Trindade indivisa,
Deus e Rei pelos séculos. Amém.
Cântico Ap 15,3-4

Como são grandes e admiráveis vossas obras,
ó Senhor e nosso Deus onipotente!
Vossos caminhos são verdade, são justiça,
ó Rei dos povos todos do universo!

Quem, Senhor, não haveria de temer-vos,
e quem não honraria o vosso nome? *
Pois somente vós, Senhor, é que sois santo!

As nações todas hão de vir perante vós,
e prostradas haverão de adorar-vos,
pois vossas justas decisões são manifestas!

Glória ao Pai...

Leitura .....Rm 8, 1-2
Não há mais condenação para aqueles que estão em Cristo Jesus. Pois a lei do Espírito que dá a vida em Jesus Cristo te libertou da lei do pecado e da morte.

O Cristo morreu pelos nossos pecados; pelos ímpios, o justo e conduziu-nos a Deus.
Foi morto na carne, mas vive no Espírito.

MAGNIFICAT
Ó Senhor, sede fiel ao vosso amor,
como havíeis prometido a nossos pais.

A minha alma engrandece ao Senhor
e se alegrou o meu espírito em Deus, meu Salvador;
pois ele viu a pequenez de sua serva,
desde agora as gerações hão de chamar-me de bendita.

O Poderoso fez por mim maravilhas
e Santo é o seu nome!
Seu amor, de geração em geração,
chega a todos que o respeitam;

demonstrou o poder de seu braço,
dispersou os orgulhosos;
derrubou os poderosos de seus tronos
e os humildes exaltou;

De bens saciou os famintos,
e despediu, sem nada, os ricos.
Acolheu Israel, seu servidor,
fiel ao seu amor,

como havia prometido aos nossos pais,
em favor de Abraão e de seus filhos, para sempre.

Glória ao Pai...

Preces
Bendigamos a Cristo nosso Senhor, que se compadeceu dos que choravam e enxugou suas lágrimas. Cheios de confiança lhe peçamos:

R. Senhor, tende compaixão do vosso povo!

Senhor Jesus Cristo, que consolais os humildes e os aflitos,
olhai para as lágrimas dos pobres e oprimidos. R.

Deus de misericórdia, ouvi o gemido dos agonizantes,
e enviai os vossos anjos para que os aliviem e confortem. R.

Fazei que todos os exilados sintam a ação da vossa providência,
para que regressem à sua pátria e também alcancem, um dia, a pátria eterna. R.

Mostrai os caminhos do vosso amor aos que vivem no pecado,
para que se reconciliem convosco e com a Igreja. R.

(Intenções livres)

Salvai, na vossa bondade, os nossos irmãos e irmãs que morreram,
e dai-lhes a plenitude da redenção. R.

Pai nosso...

ANTÍFONA MARIANA
Salve Rainha, Mãe de Misericórdia, vida e doçura esperança nossa salve! A vós bradamos os degredados filhos de Eva.
A vós suspiramos gemendo e chorando neste vale de lágrimas.
Eia, pois advogada nossa, esses vossos olhos misericordiosos a nós volvei, e depois deste desterro, mostrai-nos Jesus, bendito fruto do vosso ventre, ó clemente, ó piedosa ó doce e sempre Virgem Maria.
Rogai por nós Santa Mãe de Deus, para que sejamos dignos das promessas de Cristo. Amém

SEJAM SANTOS!
Na escola da santidade.

Evangelho segundo S. Lucas 12,1-7.
Naquele tempo, a multidão afluía aos milhares, a ponto de se atropelarem uns aos outros. E Jesus começou a dizer, em primeiro lugar para os seus discípulos: «Acautelai-vos do fermento dos fariseus, que é a hipocrisia.
Não há nada encoberto que não venha a descobrir-se, nem há nada oculto que não venha a conhecer-se.
Por isso, tudo o que tiverdes dito às escuras será ouvido à luz do dia e o que tiverdes dito aos ouvidos, nos aposentos interiores, será proclamado sobre os telhados.
Digo-vos a vós, meus amigos: Não temais os que matam o corpo e depois nada mais podem fazer.
Vou mostrar-vos a quem deveis temer: Temei Aquele que, depois de matar, tem poder para lançar na Geena. Sim, Eu vos digo, a Esse é que deveis temer.
Não se vendem cinco passarinhos por duas moedas? Contudo, nenhum deles é esquecido diante de Deus.
Mais ainda, até os cabelos da vossa cabeça estão todos contados. Não temais. Valeis mais do que todos os passarinhos».

Newsletter
Recevez Aleteia chaque jour. Abonnez-vous gratuitement