Aleteia
La fête du jour

Segunda-feira, 5 de junho
São Bonifácio

Bispo e Mártir

Embora fosse de origem inglesa - nasceu em Wessex, aproximadamente no ano 673, ou 680 -, São Bonifácio é considerado como o “apóstolo da Alemanha”. Há mesmo quem diga que sem a sua obra missionária, a organização política e social da Europa, desejada pelo imperador Carlos Magno (742-814), não teria sido possível. Tudo começa com o jovem chamado Winfrid, e que desde jovem tinha um forte desejo de viver uma vida devotada a Deus. Para realizar seu intento, Winfrid entra na ordem monástica beneditina e, ao professar seus votos, toma o nome de Bonifácio. Em seguida ao seu ingresso na vida monástica beneditina, Bonifácio sentiu fortemente o chamado para a evangelização das tribos germânicas, para além do rio Reno. Com essa finalidade, ele ruma para Roma para rezar nos túmulos dos mártires e, se possível, obter também a bênção do papa para sua missão. O papa, São Gregório II, não só lhe concede a bênção desejada, como o incentiva a continuar nesse caminho de missão evangelizadora. A partir dos relatos, São Bonifácio se dirige à Germânia e, no arco de três anos de intensas atividades, chega a visitar a maior parte do imenso território. Sua atividade foi assinalada por grandes lutas contra o paganismo: certa vez ele mandou abater um carvalho considerado sagrado pelas populações germânicas. Todos os presentes aguardavam a vingança do deus pagão se abater sobre Bonifácio, no entanto, ele aproveita da afluência do povo para fazer uma pregação e, aos pés da árvore derrubada, constrói a primeira igreja no território dedicada à São Pedro. Após longos e cansativos trabalhos, foi eleito como primeiro bispo de Mogúncia. Seus métodos de evangelização foram criativos: sabendo da importância que os pagãos davam às árvores sagradas, Bonifácio instituiu um sinal cristão destinado a perdurar: a árvore de Natal. No dia 5 de junho de 754, dia de Pentecostes, ele estava acompanhado por um grupo de 50 monges; ia visitar um grupo de catecúmenos na região da Frísia. No início da celebração da missa, os missionários e todos os presentes foram cercados por um grupo de bárbaros armados com espadas. Nesse momento, ao perceber a morte iminente, antes de ter a cabeça decepada, Bonifácio teria dito a seus companheiros: Não temam! Todas as armas deste mundo não poderão assassinar nossas almas!

Vous voulez découvrir d’autres histoires de saints ? Cliquez ici

Hino

SEGUNDA FEIRA, 05 DE JUNHO
São Bonifácio
Oração da manhã

Vivamos na presença do Senhor, juntamente com seus santos!
Glória ao Pai, ao Filho e ao Espírito Santo,
como era no princípio, agora e sempre.
Amém
Hino

Clarão da glória do Pai,
ó Luz, que a luz origina,
sois Luz da Luz, fonte viva,
sois Luz que ao dia ilumina.

Brilhai, ó Sol verdadeiro,
com vosso imenso esplendor,
e dentro em nós derramai
do Santo Espírito o fulgor.

Também ao Pai suplicamos,
ao Pai a glória imortal,
ao Pai da graça potente,
que a nós preserve do mal.

Na luta fortes nos guarde
vencendo o anjo inimigo.
Nas quedas, dê-nos a graça,
de nós afaste o perigo.

As nossas mentes governe
num corpo casto e sadio.
A nossa fé seja ardente,
e não conheça desvio.

O nosso pão seja o Cristo,
e a fé nos seja a bebida.
O santo Espírito bebamos
nas fontes puras da vida.

Alegre passe este dia,
tão puro quanto o arrebol.
A fé, qual luz cintilante,
refulja em nós como o sol.

A aurora em si traz o dia.
Vós, como aurora, brilhai:
Ó Pai, vós todo no Filho,
e vós, ó Verbo, no Pai. Amém.

Salmo 5,2-10.12-13

Aqueles que acolherem interiormente a Palavra de Cristo nele exultarão eternamente.

- Escutai, ó Senhor Deus, minhas palavras,
atendei o meu gemido!
- Ficai atento ao clamor da minha prece,
ó meu Rei e meu Senhor!

- É a voz que eu dirijo a minha prece;
de manhã já me escutais!
- Desde cedo eu me preparo para vós,
e permaneço a vossa espera.

- Não sois um Deus a quem agrade a iniquidade,
não pode o mau morar convosco;
- nem os ímpios poderão permanecer
perante os vossos olhos.

Detestais o que pratica a iniquidade
e destruís o mentiroso.
Ó Senhor, abominais o sanguinário,
o perverso e enganador.

- Eu, porém, por vossa graça generosa,
posso entrar em vossa casa.
- E, voltado reverente ao vosso templo,
com respeito vos adoro.

- Que me possa conduzir nossa justiça,
por causa do inimigo!
- A minha frente aplainai vosso caminho,
e guiai meu caminhar!

- Não há, nos lábios do inimigo, lealdade:
seu coração trama ciladas;
- sua garganta é um sepulcro escancarado
e sua língua é lisonjeira.

- Mas exulte de alegria todo aquele
que em vós se refugia;
- sob a vossa proteção se regozijem,
os que amam vosso nome!

- Porque ao justo abençoais com vosso amor,
e o protegeis como um escudo!

Glória ao Pai...

Leitura breve 2Ts 3,10b-13
Quem não quer trabalhar, também não deve comer. Ora, ouvimos dizer que entre vós há alguns que vivem a toa, muito ocupados em não fazer nada. Em nome do Senhor Jesus Cristo, ordenamos e exortamos a estas pessoas que, trabalhando, comam na tranquilidade o seu próprio pão. E vós mesmos, irmãos, não vos canseis de fazer o bem.

O Senhor seja bendito, bendito seja eternamente!

BENEDICTUS

Bendito seja o Senhor, nosso Deus!

Bendito seja o Senhor Deus de Israel,
porque a seu povo visitou e libertou;

e fez surgir um poderoso Salvador
na casa de Davi, seu servidor,

como falara pela boca de seus santos,
os profetas desde os tempos mais antigos,

para salvar-nos do poder dos inimigos
e da mão de todos quantos nos odeiam.

Assim mostrou misericórdia a nossos pais,
recordando a sua santa Aliança

e o juramento a Abraão, o nosso pai,
de conceder-nos que, libertos do inimigo,

a ele nós sirvamos sem temor
em santidade e em justiça diante dele,
enquanto perdurarem nossos dias.

Serás profeta do Altíssimo, ó menino,
pois irás andando à frente do Senhor
para aplainar e preparar os seus caminhos,

anunciando ao seu povo a salvação,
que está na remissão de seus pecados;

pela bondade e compaixão de nosso Deus,
que sobre nós fará brilhar o Sol nascente,

para iluminar a quantos jazem entre as trevas
e na sombra da morte estão sentados

e para dirigir os nossos passos,
guiando-os no caminho da paz.

Glória ao Pai...

Preces
Glorifiquemos a Cristo, em quem habita toda a plenitude da graça e do Espírito Santo; e imploremos com amor e confiança:

R. Dai-nos, Senhor, o vosso Espírito!

Concedei-nos que este dia seja agradável, pacífico e sem mancha,
– para que, ao chegar a noite, vos possamos louvar com alegria e pureza de coração. R.

Brilhe hoje sobre nós a vossa luz,
– e dirigi os trabalhos de nossas mãos. R.

Mostrai-nos vosso rosto de bondade, para vivermos este dia em paz,
– e que a vossa mão poderosa nos proteja. R.

Olhai com benignidade aqueles que se confiaram as nossas orações,
– e enriquecei-os com todos os bens da alma e do corpo. R.
(Intenções livres)
Pai nosso ...

Oração
Inspirai, Senhor, as nossas ações e ajudai-nos a realizá-las, para que em vós comece e termine tudo aquilo que fizermos. Por nosso Senhor Jesus Cristo, vosso Filho, na unidade do Espírito Santo.

Meditação do dia

MEDITAÇÃO DO DIA

Eu sou a verdadeira videira, e meu Pai é o viticultor

Deus disse a santa Catarina: Sabes o que eu faço quando meus servidores querem seguir a doutrina do doce Verbo de amor? Eu os podo para que produzam muito fruto e para que seus frutos sejam doces, e não, selváticos. O viticultor poda os ramos da videira para que produzam um vinho melhor. A meus servidores, eu os podo através de muitas tribulações para que produzam frutos mais abundantes e melhores, e para provar sua virtude; mas àqueles que permanecem estéreis, eu os corto e os deito ao fogo. Os autênticos servidores trabalham bem sua alma; dela arrancam tudo o que é amor próprio e removem a terra de seu amor por mim. Assim fertilizam e fazem crescer a semente da graça que receberam no santo Batismo. Ao cultivar sua vinha, cultivam ao mesmo tempo o seu próximo. Lembra-te de que todo mal e todo bem se fazem sempre por e para o próximo. Por isso, vós sois meus vinhateiros, que brotastes de mim, o eterno vinhateiro. Sou eu quem vos uniu e vos enxertou nesta videira, graças à união que estabeleci convosco. Todos juntos sois uma única videira universal, estais unidos à videira do corpo místico da Santa Igreja, da qual obtestes a vida. Nesta videira está plantado o tronco de meu Filho único, no qual fostes enxertados para ter a vida para sempre.
Santa Catarina de Sena.
Terciária dominicana; Doutora da Igreja (1347-1380).

Oração para esta tarde

Oração da tarde

O Cristo ressuscitou e nós com ele. Aleluia, Aleluia!
Glória ao Pai, ao Filho e ao Espírito Santo,
como era no princípio, agora e sempre.
Amém.

Hino
Ó Deus, organizando
o líquido elemento,
as águas dividistes
firmando o firmamento.

As nuvens fazem sombra,
os rios dão frescor;
assim tempera a água,
dos astros o calor.

Em nós vertei a graça,
a água benfazeja;
do fogo das paixões,
constante, nos proteja.

Que a fé encontre a luz
e espalhe o seu clarão;
que nada impeça a alma
no impulso da ascensão!

Ao Pai e ao Filho, glória;
ao Espírito também:
louvor, honra e vitória
agora e sempre. Amém.

Salmo 10 (11)
Bem-aventurados os que têm fome e sede de justiça, porque serão saciados (Mt 5, 6)

=No Senhor encontro abrigo;
como, então, podeis dizer-me:
"Voa aos montes, passarinho!

- Eis os ímpios de arcos tensos,
pondo as flechas sobre as cordas,
- e alvejando em meio a noite
os de reto coração!

= Quando os próprios fundamentos
do universo se abalaram,
o que pode ainda o justo?"

- Deus está no templo santo,
e no céu tem o seu trono;
- volta os olhos para o mundo,
seu olhar penetra os homens.
- Examina o justo e o ímpio,
e detesta o que ama o mal.
= Sobre os maus fará chover
fogo, enxofre e vento ardente,
como parte de seu cálice.

- Porque justo é nosso Deus,
o Senhor ama a justiça.
- Quem tem reto coração
há de ver a sua face.

Glória ao Pai...

Leitura breve Cl 1,9b-11
Que chegueis a conhecer plenamente a vontade de Deus, com toda a sabedoria e com o discernimento da luz do Espírito. Pois deveis levar uma vida digna do Senhor, para lhe serdes agradáveis em tudo. Deveis produzir frutos em toda a boa obra e crescer no conhecimento de Deus, animados de muita força, pelo poder de sua glória, de muita paciência e constância, com alegria.

Curai-me Senhor, pois pequei contra vós! Eu vos digo: meu Deus, tende compaixão de mim!

MAGNIFICAT

A minh’alma engrandece o Senhor, porque olhou para a minha humildade.

A minha alma engrandece ao Senhor
e se alegrou o meu espírito em Deus, meu Salvador;
pois ele viu a pequenez de sua serva,
desde agora as gerações hão de chamar-me de bendita.

O Poderoso fez por mim maravilhas
e Santo é o seu nome!
Seu amor, de geração em geração,
chega a todos que o respeitam;

demonstrou o poder de seu braço,
dispersou os orgulhosos;
derrubou os poderosos de seus tronos
e os humildes exaltou;

De bens saciou os famintos,
e despediu, sem nada, os ricos.
Acolheu Israel, seu servidor,
fiel ao seu amor,

como havia prometido aos nossos pais,
em favor de Abraão e de seus filhos, para sempre.

Glória ao Pai...

Preces
Demos graças a Deus Pai que, lembrando a sua aliança, não cessa de nos fazer o bem. Cheios de confiança, elevemos a ele nossa oração, dizendo:
R. Dai-nos, Senhor, vossos bens com fartura!

Salvai, Senhor, o vosso povo,
– .abençoai a vossa herança. R.

Congregai na unidade os que têm o nome de cristãos,
– para que o mundo acredite em Cristo, o Salvador que nos enviastes. R.

Concedei a vossa graça a todos os nossos amigos e conhecidos,
– para que em toda parte deem o testemunho de Cristo. R.

, Manifestai o vosso amor aos agonizantes,
– e dai-lhes a vossa salvação. R.

Sede misericordioso para com os nossos irmãos e irmãs falecidos,
– e abri-lhes as portas do paraíso. R.
(Intenções livres)

Pai nosso...

ANTÍFONA MARIANA
Salve Rainha, Mãe de Misericórdia, vida e doçura esperança nossa salve! A vós bradamos os degredados filhos de Eva.
A vós suspiramos gemendo e chorando neste vale de lágrimas.
Eia, pois advogada nossa, esses vossos olhos misericordiosos a nós volvei, e depois deste desterro, mostrai-nos Jesus, bendito fruto do vosso ventre, ó clemente, ó piedosa ó doce e sempre Virgem Maria.
Rogai por nós Santa Mãe de Deus, para que sejamos dignos da promessa de Cristo. Amém

SEJAM SANTOS!
Na escola da santidade.

Evangelho do dia

Evangelho segundo S. Marcos 12,1-12.
Naquele tempo, Jesus começou a falar em parábolas aos príncipes dos sacerdotes, aos escribas e aos anciãos: «Um homem plantou uma vinha. Cercou-a com uma sebe, construiu um lagar e ergueu uma torre. Depois arrendou-a a uns vinhateiros e partiu para longe.
Quando chegou o tempo, enviou um servo aos vinhateiros para receber deles uma parte dos frutos da vinha.
Os vinhateiros apoderaram-se do servo, espancaram-no e mandaram-no sem nada.
Enviou-lhes de novo outro servo. Também lhe bateram na cabeça e insultaram-no.
Enviou-lhes ainda outro, que eles mataram. Enviou-lhes muitos mais e eles espancaram uns e mataram outros.
O homem tinha ainda alguém para enviar: o seu querido filho; e enviou-o por último, dizendo consigo: «Respeitarão o meu filho».
Mas aqueles vinhateiros disseram entre si: «Este é o herdeiro. Vamos matá-lo e a herança será nossa».
Apoderaram-se dele, mataram-no e lançaram-no fora da vinha.
Que fará então o dono da vinha? Virá ele próprio para exterminar os vinhateiros e entregará a outros a sua vinha.
Não lestes esta passagem da Escritura: ‘A pedra rejeitada pelos construtores tornou-se pedra angular.
Isto veio do Senhor e é admirável aos nossos olhos’?». Procuraram então prender Jesus, pois compreenderam que tinha dito para eles a parábola.
Mas tiveram receio da multidão e por isso deixaram-n’O e foram-se embora.

 

Newsletter
Recevez Aleteia chaque jour. Abonnez-vous gratuitement