Aleteia
La fête du jour

Sábado, 8 de julho
Santos Áquila e Priscila

Esposos e mártires († I Século)

Áquila e Priscila, um casal muito querido por São Paulo Apóstolo pela válida colaboração que eles forneciam ao seu ministério, e à causa do Evangelho. Áquila era um judeu originário do Ponto e casou-se com Priscila (ou Prisca); infelizmente, as informações que dispomos desse casal é muito pequena. Temos apenas alusões aos dois nas cartas paulinas. Nesse sentido, os dois santos encontram-se em Corinto, por ocasião da chegada de Paulo em sua segunda viagem apostólica, por volta do ano 51. É possível que tivessem abraçado o cristianismo antes mesmo de conhecerem a Paulo, embora haja uma tradição que considere eles terem recebido o Batismo do próprio Paulo. Sabemos que Paulo se hospeda na casa deles e que eles exercitavam o mesmo ofício do apóstolo dos gentios: eram fabricantes de tendas. Em outra ocasião, eles parecem hospedar São Paulo, agora na cidade de Éfeso, por volta do ano 55. Ao que parece, o casal tinha grande mobilidade, talvez em virtude de suas necessidades comerciais; o fato, é que em sua carta aos Romanos, logo no início, Paulo manda saudações para Prisca e Áquila “meus colaboradores em Cristo Jesus” que, a quanto parece, moravam naquele momento em Roma. Essas poucas informações, no entanto, são suficientes para perceber a importância e a gratidão que o apóstolo tributava ao casal. A citação desse casal nas cartas paulinas, evidencia o quão importante era a família na estrutura das primeiras comunidades cristãs e na dinâmica da primeira evangelização. Que o exemplo de Santa Priscila e São Áquila possa inspirar famílias inteiras para acolher o Cristo e anunciá-lo nos mais diversos ambientes.

Vous voulez découvrir d’autres histoires de saints ? Cliquez ici

Oração da manhã

Louvemos a nosso Senhor, saudemos a Virgem Maria!
Glória ao Pai, ao Filho e ao Espírito Santo,
como era no princípio, agora e sempre.
Amém

Hino
Do vosso filho, ó filha,
ó Mãe e Virgem pura,
sublime e mais humilde
que toda criatura!

Em seu conselho eterno,
Deus viu vossa beleza,
ó glória e esplendor
da nossa natureza,

a qual se fez tão nobre
que o seu supremo Autor,
de modo admirável,
um corpo em vós tomou,

No seio duma Virgem
revive, em fogo, o Amor.
Na terra a flor celeste
germina ao seu calor

Ao Pai louvor, e ao Filho
da vossa virgindade,
que vos vestiu, no Espírito.
de graça e santidade

Salmo 118(119),145-152

Este é o meu mandamento: Amai-vos uns aos outros, assim como eu vos amei (Jo 15,12).

– Clamo de todo o coração: Senhor, ouvi-me!
Quero cumprir vossa vontade fielmente!
–Clamo a vós: Senhor, salvai-me, eu vos suplico,
e então eu guardarei vossa Aliança!

–Chego antes que a aurora e vos imploro,
e espero confiante em vossa lei.
– Os meus olhos antecipam as vigílias,
para de noite meditar vossa palavra.

– Por vosso amor ouvi atento a minha voz
e dai-me a vida, como é vossa decisão!
–Meus opressores se aproximam com maldade;
como estão longe, ó Senhor, de vossa lei!

–Vós estais perto, ó Senhor, perto de mim;
todos os vossos mandamentos são verdade!
–Desde criança aprendi vossa Aliança
que firmastes para sempre, eternamente.

Glória ao Pai...

Leitura breve 2Pd 1,10-11
Irmãos, cuidai cada vez mais de confirmar a vossa vocação e eleição. Procedendo assim, jamais tropeçareis. Desta maneira vos será largamente proporcionado o acesso ao reino eterno de nosso Senhor e Salvador, Jesus Cristo.
A vós grito, ó Senhor, a vós clamo e vos digo: Sois vós meu abrigo!
Minha herança na terra dos vivos.

BENEDICTUS
Ó Maria, sempre virgem, Mãe de Deus, sois bendita do Senhor,
o Deus Altíssimo, entre todas as mulheres sobre a terra!

Bendito seja o Senhor Deus de Israel,
porque a seu povo visitou e libertou;

e fez surgir um poderoso Salvador
na casa de Davi, seu servidor,

como falara pela boca de seus santos,
os profetas desde os tempos mais antigos,

para salvar-nos do poder dos inimigos
e da mão de todos quantos nos odeiam.

Assim mostrou misericórdia a nossos pais,
recordando a sua santa Aliança

e o juramento a Abraão, o nosso pai,
de conceder-nos que, libertos do inimigo,

a ele nós sirvamos sem temor
em santidade e em justiça diante dele,
enquanto perdurarem nossos dias.

Serás profeta do Altíssimo, ó menino,
pois irás andando à frente do Senhor
para aplainar e preparar os seus caminhos,

anunciando ao seu povo a salvação,
que está na remissão de seus pecados;

pela bondade e compaixão de nosso Deus,
que sobre nós fará brilhar o Sol nascente,

para iluminar a quantos jazem entre as trevas
e na sombra da morte estão sentados

e para dirigir os nossos passos,
guiando-os no caminho da paz.

Glória ao Pai...

Preces
Bendigamos a Cristo que se fez em tudo semelhante a seus irmãos para ser um sumo-sacerdote fiel e misericordioso junto de Deus, em nosso favor. Peçamos-lhe, dizendo:

R. Dai-nos, Senhor, as riquezas da vossa graça!

Sol de justiça, que no batismo nos destes a luz da vida,
– nós vos consagramos este novo dia. R.

Nós vos bendiremos em cada momento deste dia,
– e glorificaremos vosso nome em todas as nossas ações. R.

Vós, que tivestes por mãe a Virgem Maria, sempre dócil à vossa palavra,
– dirigi hoje os nossos passos segundo a vossa vontade. R.

Concedei-nos que, enquanto peregrinamos em meio às coisas deste mundo passageiro, aspiremos à imortalidade celeste,
– e que, pela fé, esperança e caridade, saboreemos desde já as alegrias do vosso reino. R.

(Intenções livres)
Pai nosso ...

Oração
Perdoai, ó Deus, os pecados dos vossos filhos e filhas, e salvai-nos pela intercessão da Virgem Maria, uma vez que não podemos agradar-vos apenas com os nossos méritos. Por nosso Senhor Jesus Cristo, vosso Filho, na unidade do Espírito Santo.

Meditação

Por acaso os amigos do noivo podem estar de luto enquanto o noivo está com eles?

O jejum é um arado maravilhoso para lavrar o campo da santidade: muda os corações, desenraiza o mal, arranca o pecado, tira o vício, semeia caridade, mantém a fecundidade e prepara a ceifa do inocente. Os discípulos de Cristo no próprio coração do campo maduro da santidade, reúnem o broto das virtudes, alegram o Pão da nova colheita; não podem, pois, praticar jejuns que passaram de moda...
“Por que teus discípulos não jejuam?”. O Senhor lhes responde: “Os amigos do Esposo podem jejuar enquanto o Esposo está com eles?”. Aquele que se casa deixa o jejum de lado, deixa a austeridade; entrega-se por inteiro à alegria, participa no banquete; mostra-se em tudo afável, amável e contente pelo carinho que sente por sua esposa. Cristo celebrava então suas bodas com sua Igreja; também aceitava participar em seus manjares, não rejeitava os banquetes aos quais lhe convidavam; cheio de benevolência e de amor, mostrava-se humano, acessível, amável. Queria unir o homem à Deus e fazer de seus companheiros membros da família divina.

São Pedro Crisólogo
Bispo de Ravena (380-450)

Oração da tarde

Louvemos o Senhor, ele que é
lâmpada que ilumina nossos passos.
Glória ao Pai, ao Filho e ao Espírito Santo,
como era no princípio, agora e sempre.
Amém.

Hino
Ó Deus, fonte de todas as coisas,
vós enchestes o mundo de dons
e, depois de criar o universo,
concluístes que tudo era bom.

Terminando tão grande trabalho,
decidistes entrar em repouso,
ensinando aos que cansam na luta,
que o descanso é também dom precioso.

Concedei aos mortais que suplicam,
os seus erros lavarem no pranto
e andarem nos vossos caminhos,
descobrindo da vida o encanto.

Deste modo, ao chegar para a terra
a aflição do temível Juiz,
possam todos, repletos de paz,
se alegrar pela vida feliz.

Esse dom concedei-nos, Deus Pai,
pelo Filho Jesus, Sumo Bem,
no Espírito Santo Paráclito,
que reinais para sempre. Amém.

Salmo 118(119),105-112

Este é o meu mandamento: amai-vos uns aos outros (Jo 15,12).

– Vossa palavra é uma luz para os meus passos,
é uma lâmpada luzente em meu caminho.
– Eu fiz um juramento e vou cumpri-lo:
'Hei de guardar os vossos justos julgamentos!'

– Ó Senhor, estou cansado de sofrer;
vossa palavra me devolva a minha vida!
–Que vos agrade a oferenda dos meus lábios;
ensinai-me, ó Senhor, vossa vontade!

–Constantemente está em perigo a minha vida,
mas não esqueço, ó Senhor, a vossa lei.
– Os pecadores contra mim armaram laços;
eu porém não reneguei vossos preceitos.

–Vossa palavra é minha herança para sempre,
porque ela é que me alegra o coração!
– Acostumei meu coração a obedecer-vos,
a obedecer-vos para sempre, até o fim!

Glória ao Pai...

Leitura breve Cl 1,2b-6a
A vós, graça e paz da parte de Deus nosso Pai. Damos graças a Deus, Pai de nosso Senhor Jesus Cristo, sempre rezando por vós, pois ouvimos acerca da vossa fé em Cristo Jesus e do amor que mostrais para com todos os santos, animados pela esperança na posse do céu. Disso já ouvistes falar no Evangelho, cuja palavra de verdade chegou até vós. E como no mundo inteiro, assim também entre vós ela está produzindo frutos e se desenvolve.

Do nascer do sol até o seu ocaso, louvado seja o nome do Senhor!
Sua glória vai além dos altos céus.

MAGNIFICAT
Eu te louvo e bendigo, meu Pai,
dos céus e da terra Senhor,
porque ocultaste estas coisas
aos sábios e aos entendidos
e as revelaste aos pequenos!

A minha alma engrandece ao Senhor
e se alegrou o meu espírito em Deus, meu Salvador;
pois ele viu a pequenez de sua serva,
desde agora as gerações hão de chamar-me de bendita.

O Poderoso fez por mim maravilhas
e Santo é o seu nome!
Seu amor, de geração em geração,
chega a todos que o respeitam;

demonstrou o poder de seu braço,
dispersou os orgulhosos;
derrubou os poderosos de seus tronos
e os humildes exaltou;

De bens saciou os famintos,
e despediu, sem nada, os ricos.
Acolheu Israel, seu servidor,
fiel ao seu amor,

como havia prometido aos nossos pais,
em favor de Abraão e de seus filhos, para sempre.

Glória ao Pai...

Preces
Demos graças a Deus que auxilia e protege o povo que escolheu como sua herança para que
viva feliz. Recordando seu amor, aclamemos dizendo:

R. Senhor, nós confiamos em vós!

Deus de bondade, nós vos pedimos pelo nosso Papa Francisco e por todos os bispos;
– protegei-os com o vosso poder e santificai-os com a vossa graça. R.

Confortai os doentes e tornai-os participantes da paixão de Cristo por seus sofrimentos,
– para que sintam continuamente a sua consolação. R.

Olhai com amor para os que não têm onde morar,
– e fazei que encontrem uma digna habitação. R.

Dignai-vos multiplicar e conservar os frutos da terra,
– para que a ninguém falte o pão de cada dia. R.
Ou:
(Defendei o nosso povo de todo mal,
– para que desfrute da vossa paz e prosperidade). R.

(Intenções livres)

Envolvei com vossa misericórdia os que morreram,
– e dai-lhes um lugar no céu. R.

Pai nosso...

ANTÍFONA MARIANA
Salve Rainha, Mãe de Misericórdia, vida e doçura esperança nossa salve! A vós bradamos os degredados filhos de Eva.
A vós suspiramos gemendo e chorando neste vale de lágrimas.
Eia, pois advogada nossa, esses vossos olhos misericordiosos a nós volvei, e depois deste desterro, mostrai-nos Jesus, bendito fruto do vosso ventre, ó clemente, ó piedosa ó doce e sempre Virgem Maria.
Rogai por nós Santa Mãe de Deus, para que sejamos dignos das promessas de Cristo. Amém
SEJAM SANTOS!
Na escola da santidade.

Evangelho

Evangelho segundo S. Mateus 9,14-17.
Naquele tempo, os discípulos de João Baptista foram ter com Jesus e perguntaram-Lhe: «Por que motivo nós e os fariseus jejuamos e os teus discípulos não jejuam?».
Jesus respondeu-lhes: «Podem os companheiros do esposo ficar de luto, enquanto o esposo estiver com eles? Dias virão em que o esposo lhes será tirado: nesses dias jejuarão.
Ninguém põe remendo de pano novo em vestido velho, porque o remendo repuxa o vestido e o rasgão fica maior.
Nem se deita vinho novo em odres velhos; aliás, os odres rebentam, derrama-se o vinho e perdem-se os odres. Mas deita-se o vinho novo em odres novos e assim ambas as coisas se conservam».

Newsletter
Recevez Aleteia chaque jour. Abonnez-vous gratuitement