Aleteia
La fête du jour

domingo, 5 de novembro
Bem-aventurado Bernardo Lichtenberg

Sacerdote e mártir (†1943)    

Bernardo Lichtenberg

Bernardo Lichtenberg foi proclamado bem-aventurado pelo papa S√£o Jo√£o Paulo II no dia 23 de junho de 1996, em Berlim, capital da Alemanha. Durante os tristes anos do nazismo, Padre Bernardo foi uma das vozes fortes que se levantou em defesa dos desvalidos, enfrentando o regime e se colocando contra o assassinato dos doentes mentais e dos judeus. Por esse fato, ele mesmo pagaria com sua pr√≥pria vida. Em 1935 ele foi encarregado de substituir o Vig√°rio do cap√≠tulo, ficando √† frente de v√°rios assuntos concernentes √† diocese de Berlim. Nessa posi√ß√£o, veio a saber da terr√≠vel situa√ß√£o dos campos de concentra√ß√£o e das movimenta√ß√Ķes do nazismo em rela√ß√£o √† assim chamada ‚Äúsolu√ß√£o final‚ÄĚ, isto √©, a execu√ß√£o de milh√Ķes de judeus. Tomando conhecimento da situa√ß√£o, ele n√£o recuou: solicitou uma audi√™ncia com o primeiro ministro Hermann G√∂ring. N√£o conseguindo uma conversa particular com o primeiro ministro, escreveu uma carta de den√ļncia contr√°ria a todos os abusos perpetrados pelo regime. Sua atitude despertou a ira da Gestapo. Mas, apesar de tudo, ele continuou seu protesto, tamb√©m contra a elimina√ß√£o dos doentes mentais, escrevendo a esse prop√≥sito uma carta aberta para as autoridades. Nela, dizia com coragem e valentia:
‚ÄúEu, ainda que seja um cidad√£o comum, protesto como homem, crist√£o, sacerdote e alem√£o, e pe√ßo contas ao senhor, Chefe da Ordem dos M√©dicos do Reich, pelos crimes que s√£o perpetrados por sua ordem ou com sua aprova√ß√£o...‚ÄĚ.
Ao mesmo tempo em que fazia as den√ļncias, ele come√ßou a fazer a√ß√Ķes que procurassem aliviar os sofrimentos dos judeus perseguidos. Em 1941 ap√≥s a divulga√ß√£o de folhetos an√īnimos que alertavam para que qualquer um que ajudasse os judeus estaria cometendo um ato de trai√ß√£o √† p√°tria, padre Bernardo foi preso por homens da Gestapo, a pol√≠cia nazista. Pela sua a√ß√£o de ajuda aos judeus foi condenado a dois anos de pris√£o. Ap√≥s ter passado o per√≠odo da pena, pediu que fosse liberado para prestar assist√™ncia ao gueto de Litzmannstadt, aos judeus batizados, mas, apenas tendo sa√≠do da pris√£o, foi transferido para um campo de concentra√ß√£o, primeiro em Berlim e depois para o tem√≠vel campo de Dachau. Com a sa√ļde debilitada, e sem atendimento m√©dico, ele chegou √† localidade ap√≥s seis dias de viagem, dentro de um vag√£o de trem. Chegou j√° em coma, morrendo no dia 5 de novembro de 1943 com grande serenidade.

Vous voulez découvrir d’autres histoires de saints ? Cliquez ici

Oração para esta manhã

Ao Senhor glorificado na assembleia de seus santos,
vinde todos, adoremos!
Glória ao Pai, ao Filho e ao Espírito Santo,
como era no princípio, agora e sempre.
Amém
Hino
Jesus, que o mundo salvastes,
dos que remistes cuidai.
E vós, Mãe santa de Deus,
por nós a Deus suplicai.

Os coros todos dos Anjos,
patriarcal legi√£o,
Profetas de tantos méritos,
pedi por nós o perdão.

√ď Precursor do Messias,
ó Ostiário dos céus,
com os Apóstolos todos,
quebrai os laços dos réus.

Santa Assembleia dos M√°rtires;
vós, Confessores, Pastores,
Virgens prudentes e castas,
rogai por nós pecadores.

Que os monges peçam por nós
e todos que o céu habitam:
a vida eterna consigam
os que na terra militam.

Honra e louvor tributemos
ao Pai e ao Filho também,
com seu Amor, um só Deus,
por todo o sempre. Amém.

Salmo                                               8

√ď Senhor nosso Deus, como √© grande
vosso nome por todo o universo! 

Desdobrastes nos céus vossa glória 
com grandeza, esplendor, majestade. 
O perfeito louvor vos é dado
pelos lábios dos mais pequeninos,  
de crianças que a mãe amamenta. 

Eis a força que opondes aos maus, 
reduzindo o inimigo ao silêncio. 
Contemplando estes céus que plasmastes  
e formastes com dedos de artista; 

vendo a lua e estrelas brilhantes,  
perguntamos: 'Senhor, que é o homem,
para dele assim vos lembrardes  
e o tratardes com tanto carinho?' 

Pouco abaixo de Deus o fizestes,
coroando-o de glória e esplendor;
vós lhe destes poder sobre tudo,
vossas obras aos pés lhe pusestes: 

as ovelhas, os bois, os rebanhos,
todo o gado e as feras da mata; 
passarinhos e peixes dos mares,
todo ser que se move nas águas. 

√ď Senhor nosso Deus, como √© grande
vosso nome por todo o universo!

Glória ao Pai...

Leitura breve                        ..........................  ........    Ez  1,17-18
Que o Deus de nosso Senhor Jesus Cristo, o Pai a quem pertence a glória, vos dê um espírito de sabedoria que vo-lo revele e faça verdadeiramente conhecer. Que ele abra o vosso coração à sua luz, para que saibais qual a esperança que o seu chamamento vos dá, qual a riqueza da glória que está na vossa herança com os santos.

Os justos se alegram na presença do Senhor.
Rejubilam satisfeitos e exultam de alegria.

BENEDICTUS
Os justos brilhar√£o como o sol
no Reino de seu Pai, aleluia.

Bendito seja o Senhor Deus de Israel,
porque a seu povo visitou e libertou;

e fez surgir um poderoso Salvador
na casa de Davi, seu servidor,

como falara pela boca de seus santos,
os profetas desde os tempos mais antigos, 

para salvar-nos do poder dos inimigos
e da mão de todos quantos nos odeiam. 

Assim mostrou misericórdia a nossos pais,
recordando a sua santa Aliança 

e o juramento a Abra√£o, o nosso pai,
de conceder-nos que, libertos do inimigo, 

a ele nós sirvamos sem temor
em santidade e em justiça diante dele,
enquanto perdurarem nossos dias.

Serás profeta do Altíssimo, ó menino, 
pois irás andando à frente do Senhor
para aplainar e preparar os seus caminhos, 

anunciando ao seu povo a salvação,
que est√° na remiss√£o de seus pecados;

pela bondade e compaix√£o de nosso Deus,
que sobre nós fará brilhar o Sol nascente,

para iluminar a quantos jazem entre as trevas
e na sombra da morte estão sentados 

e para dirigir os nossos passos,
guiando-os no caminho da paz. 

Glória ao Pai...

Preces
Repletos de alegria, invoquemos a Deus, recompensa e glória de todos os santos e santas; e digamos:

R. Salvai-nos, Senhor, por intercess√£o de vossos santos!

Deus, fonte de santidade, que fizestes brilhar nos vossos santos e santas as maravilhas da vossa graça multiforme,
‚Äď concedei-nos celebrar neles a vossa bondade infinita. R.

Deus eterno e misericordioso, que mostrastes nos vossos santos e santas as imagens mais perfeitas do vosso Filho,
‚Äď fazei que, por eles, sejamos conduzidos a uma vida de maior uni√£o com Cristo. R.

Rei dos céus, que por meio dos fiéis seguidores de Cristo nos estimulais a buscar a cidade futura,
‚Äď ensinai-nos a seguir, com os vossos santos e santas, o melhor caminho para chegar √† p√°tria eterna. R.

Deus eterno, que pelo sacrifício eucarístico de vosso Filho nos unis mais intimamente aos habitantes do céu,
‚Äď fazei que os celebremos devotamente em esp√≠rito e verdade. R.

(Inten√ß√Ķes livres)

Pai nosso ...

Oração
Deus eterno e todo-poderoso, que nos dais celebrar numa só festa os méritos de todos os Santos, concedei-nos, por intercessores tão numerosos, a plenitude da vossa misericórdia. Por nosso Senhor Jesus Cristo, vosso Filho, na unidade do Espírito Santo.

Ao Senhor glorificado na assembleia de seus santos,

vinde todos, adoremos!

Glória ao Pai, ao Filho e ao Espírito Santo,

como era no princípio, agora e sempre.

Amém

Hino

Jesus, que o mundo salvastes,

dos que remistes cuidai.

E vós, Mãe santa de Deus,

por nós a Deus suplicai.

Ao Senhor glorificado na assembleia de seus santos,
vinde todos, adoremos!
Glória ao Pai, ao Filho e ao Espírito Santo,
como era no princípio, agora e sempre.
Amém
Hino
Jesus, que o mundo salvastes,
dos que remistes cuidai.
E vós, Mãe santa de Deus,
por nós a Deus suplicai.

Os coros todos dos Anjos,
patriarcal legi√£o,
Profetas de tantos méritos,
pedi por nós o perdão.

√ď Precursor do Messias,
ó Ostiário dos céus,
com os Apóstolos todos,
quebrai os laços dos réus.

Santa Assembleia dos M√°rtires;
vós, Confessores, Pastores,
Virgens prudentes e castas,
rogai por nós pecadores.

Que os monges peçam por nós
e todos que o céu habitam:
a vida eterna consigam
os que na terra militam.

Honra e louvor tributemos
ao Pai e ao Filho também,
com seu Amor, um só Deus,
por todo o sempre. Amém.

Salmo                                               8

√ď Senhor nosso Deus, como √© grande
vosso nome por todo o universo! 

Desdobrastes nos céus vossa glória 
com grandeza, esplendor, majestade. 
O perfeito louvor vos é dado
pelos lábios dos mais pequeninos,  
de crianças que a mãe amamenta. 

Eis a força que opondes aos maus, 
reduzindo o inimigo ao silêncio. 
Contemplando estes céus que plasmastes  
e formastes com dedos de artista; 

vendo a lua e estrelas brilhantes,  
perguntamos: 'Senhor, que é o homem,
para dele assim vos lembrardes  
e o tratardes com tanto carinho?' 

Pouco abaixo de Deus o fizestes,
coroando-o de glória e esplendor;
vós lhe destes poder sobre tudo,
vossas obras aos pés lhe pusestes: 

as ovelhas, os bois, os rebanhos,
todo o gado e as feras da mata; 
passarinhos e peixes dos mares,
todo ser que se move nas águas. 

√ď Senhor nosso Deus, como √© grande
vosso nome por todo o universo!

Glória ao Pai...

Leitura breve                        ..........................  ........    Ez  1,17-18
Que o Deus de nosso Senhor Jesus Cristo, o Pai a quem pertence a glória, vos dê um espírito de sabedoria que vo-lo revele e faça verdadeiramente conhecer. Que ele abra o vosso coração à sua luz, para que saibais qual a esperança que o seu chamamento vos dá, qual a riqueza da glória que está na vossa herança com os santos.

Os justos se alegram na presença do Senhor.
Rejubilam satisfeitos e exultam de alegria.

BENEDICTUS
Os justos brilhar√£o como o sol
no Reino de seu Pai, aleluia.

Bendito seja o Senhor Deus de Israel,
porque a seu povo visitou e libertou;

e fez surgir um poderoso Salvador
na casa de Davi, seu servidor,

como falara pela boca de seus santos,
os profetas desde os tempos mais antigos, 

para salvar-nos do poder dos inimigos
e da mão de todos quantos nos odeiam. 

Assim mostrou misericórdia a nossos pais,
recordando a sua santa Aliança 

e o juramento a Abra√£o, o nosso pai,
de conceder-nos que, libertos do inimigo, 

a ele nós sirvamos sem temor
em santidade e em justiça diante dele,
enquanto perdurarem nossos dias.

Serás profeta do Altíssimo, ó menino, 
pois irás andando à frente do Senhor
para aplainar e preparar os seus caminhos, 

anunciando ao seu povo a salvação,
que est√° na remiss√£o de seus pecados;

pela bondade e compaix√£o de nosso Deus,
que sobre nós fará brilhar o Sol nascente,

para iluminar a quantos jazem entre as trevas
e na sombra da morte estão sentados 

e para dirigir os nossos passos,
guiando-os no caminho da paz. 

Glória ao Pai...

Preces
Repletos de alegria, invoquemos a Deus, recompensa e glória de todos os santos e santas; e digamos:

R. Salvai-nos, Senhor, por intercess√£o de vossos santos!

Deus, fonte de santidade, que fizestes brilhar nos vossos santos e santas as maravilhas da vossa graça multiforme,
‚Äď concedei-nos celebrar neles a vossa bondade infinita. R.

Deus eterno e misericordioso, que mostrastes nos vossos santos e santas as imagens mais perfeitas do vosso Filho,
‚Äď fazei que, por eles, sejamos conduzidos a uma vida de maior uni√£o com Cristo. R.

Rei dos céus, que por meio dos fiéis seguidores de Cristo nos estimulais a buscar a cidade futura,
‚Äď ensinai-nos a seguir, com os vossos santos e santas, o melhor caminho para chegar √† p√°tria eterna. R.

Deus eterno, que pelo sacrifício eucarístico de vosso Filho nos unis mais intimamente aos habitantes do céu,
‚Äď fazei que os celebremos devotamente em esp√≠rito e verdade. R.

(Inten√ß√Ķes livres)

Pai nosso ...

Oração
Deus eterno e todo-poderoso, que nos dais celebrar numa só festa os méritos de todos os Santos, concedei-nos, por intercessores tão numerosos, a plenitude da vossa misericórdia. Por nosso Senhor Jesus Cristo, vosso Filho, na unidade do Espírito Santo.

Os coros todos dos Anjos,

patriarcal legi√£o,

Profetas de tantos méritos,

pedi por nós o perdão.

Ao Senhor glorificado na assembleia de seus santos,
vinde todos, adoremos!
Glória ao Pai, ao Filho e ao Espírito Santo,
como era no princípio, agora e sempre.
Amém
Hino
Jesus, que o mundo salvastes,
dos que remistes cuidai.
E vós, Mãe santa de Deus,
por nós a Deus suplicai.

Os coros todos dos Anjos,
patriarcal legi√£o,
Profetas de tantos méritos,
pedi por nós o perdão.

√ď Precursor do Messias,
ó Ostiário dos céus,
com os Apóstolos todos,
quebrai os laços dos réus.

Santa Assembleia dos M√°rtires;
vós, Confessores, Pastores,
Virgens prudentes e castas,
rogai por nós pecadores.

Que os monges peçam por nós
e todos que o céu habitam:
a vida eterna consigam
os que na terra militam.

Honra e louvor tributemos
ao Pai e ao Filho também,
com seu Amor, um só Deus,
por todo o sempre. Amém.

Salmo                                               8

√ď Senhor nosso Deus, como √© grande
vosso nome por todo o universo! 

Desdobrastes nos céus vossa glória 
com grandeza, esplendor, majestade. 
O perfeito louvor vos é dado
pelos lábios dos mais pequeninos,  
de crianças que a mãe amamenta. 

Eis a força que opondes aos maus, 
reduzindo o inimigo ao silêncio. 
Contemplando estes céus que plasmastes  
e formastes com dedos de artista; 

vendo a lua e estrelas brilhantes,  
perguntamos: 'Senhor, que é o homem,
para dele assim vos lembrardes  
e o tratardes com tanto carinho?' 

Pouco abaixo de Deus o fizestes,
coroando-o de glória e esplendor;
vós lhe destes poder sobre tudo,
vossas obras aos pés lhe pusestes: 

as ovelhas, os bois, os rebanhos,
todo o gado e as feras da mata; 
passarinhos e peixes dos mares,
todo ser que se move nas águas. 

√ď Senhor nosso Deus, como √© grande
vosso nome por todo o universo!

Glória ao Pai...

Leitura breve                        ..........................  ........    Ez  1,17-18
Que o Deus de nosso Senhor Jesus Cristo, o Pai a quem pertence a glória, vos dê um espírito de sabedoria que vo-lo revele e faça verdadeiramente conhecer. Que ele abra o vosso coração à sua luz, para que saibais qual a esperança que o seu chamamento vos dá, qual a riqueza da glória que está na vossa herança com os santos.

Os justos se alegram na presença do Senhor.
Rejubilam satisfeitos e exultam de alegria.

BENEDICTUS
Os justos brilhar√£o como o sol
no Reino de seu Pai, aleluia.

Bendito seja o Senhor Deus de Israel,
porque a seu povo visitou e libertou;

e fez surgir um poderoso Salvador
na casa de Davi, seu servidor,

como falara pela boca de seus santos,
os profetas desde os tempos mais antigos, 

para salvar-nos do poder dos inimigos
e da mão de todos quantos nos odeiam. 

Assim mostrou misericórdia a nossos pais,
recordando a sua santa Aliança 

e o juramento a Abra√£o, o nosso pai,
de conceder-nos que, libertos do inimigo, 

a ele nós sirvamos sem temor
em santidade e em justiça diante dele,
enquanto perdurarem nossos dias.

Serás profeta do Altíssimo, ó menino, 
pois irás andando à frente do Senhor
para aplainar e preparar os seus caminhos, 

anunciando ao seu povo a salvação,
que est√° na remiss√£o de seus pecados;

pela bondade e compaix√£o de nosso Deus,
que sobre nós fará brilhar o Sol nascente,

para iluminar a quantos jazem entre as trevas
e na sombra da morte estão sentados 

e para dirigir os nossos passos,
guiando-os no caminho da paz. 

Glória ao Pai...

Preces
Repletos de alegria, invoquemos a Deus, recompensa e glória de todos os santos e santas; e digamos:

R. Salvai-nos, Senhor, por intercess√£o de vossos santos!

Deus, fonte de santidade, que fizestes brilhar nos vossos santos e santas as maravilhas da vossa graça multiforme,
‚Äď concedei-nos celebrar neles a vossa bondade infinita. R.

Deus eterno e misericordioso, que mostrastes nos vossos santos e santas as imagens mais perfeitas do vosso Filho,
‚Äď fazei que, por eles, sejamos conduzidos a uma vida de maior uni√£o com Cristo. R.

Rei dos céus, que por meio dos fiéis seguidores de Cristo nos estimulais a buscar a cidade futura,
‚Äď ensinai-nos a seguir, com os vossos santos e santas, o melhor caminho para chegar √† p√°tria eterna. R.

Deus eterno, que pelo sacrifício eucarístico de vosso Filho nos unis mais intimamente aos habitantes do céu,
‚Äď fazei que os celebremos devotamente em esp√≠rito e verdade. R.

(Inten√ß√Ķes livres)

Pai nosso ...

Oração
Deus eterno e todo-poderoso, que nos dais celebrar numa só festa os méritos de todos os Santos, concedei-nos, por intercessores tão numerosos, a plenitude da vossa misericórdia. Por nosso Senhor Jesus Cristo, vosso Filho, na unidade do Espírito Santo.

√ď Precursor do Messias,

ó Ostiário dos céus,

com os Apóstolos todos,

quebrai os laços dos réus.

Ao Senhor glorificado na assembleia de seus santos,
vinde todos, adoremos!
Glória ao Pai, ao Filho e ao Espírito Santo,
como era no princípio, agora e sempre.
Amém
Hino
Jesus, que o mundo salvastes,
dos que remistes cuidai.
E vós, Mãe santa de Deus,
por nós a Deus suplicai.

Os coros todos dos Anjos,
patriarcal legi√£o,
Profetas de tantos méritos,
pedi por nós o perdão.

√ď Precursor do Messias,
ó Ostiário dos céus,
com os Apóstolos todos,
quebrai os laços dos réus.

Santa Assembleia dos M√°rtires;
vós, Confessores, Pastores,
Virgens prudentes e castas,
rogai por nós pecadores.

Que os monges peçam por nós
e todos que o céu habitam:
a vida eterna consigam
os que na terra militam.

Honra e louvor tributemos
ao Pai e ao Filho também,
com seu Amor, um só Deus,
por todo o sempre. Amém.

Salmo                                               8

√ď Senhor nosso Deus, como √© grande
vosso nome por todo o universo! 

Desdobrastes nos céus vossa glória 
com grandeza, esplendor, majestade. 
O perfeito louvor vos é dado
pelos lábios dos mais pequeninos,  
de crianças que a mãe amamenta. 

Eis a força que opondes aos maus, 
reduzindo o inimigo ao silêncio. 
Contemplando estes céus que plasmastes  
e formastes com dedos de artista; 

vendo a lua e estrelas brilhantes,  
perguntamos: 'Senhor, que é o homem,
para dele assim vos lembrardes  
e o tratardes com tanto carinho?' 

Pouco abaixo de Deus o fizestes,
coroando-o de glória e esplendor;
vós lhe destes poder sobre tudo,
vossas obras aos pés lhe pusestes: 

as ovelhas, os bois, os rebanhos,
todo o gado e as feras da mata; 
passarinhos e peixes dos mares,
todo ser que se move nas águas. 

√ď Senhor nosso Deus, como √© grande
vosso nome por todo o universo!

Glória ao Pai...

Leitura breve                        ..........................  ........    Ez  1,17-18
Que o Deus de nosso Senhor Jesus Cristo, o Pai a quem pertence a glória, vos dê um espírito de sabedoria que vo-lo revele e faça verdadeiramente conhecer. Que ele abra o vosso coração à sua luz, para que saibais qual a esperança que o seu chamamento vos dá, qual a riqueza da glória que está na vossa herança com os santos.

Os justos se alegram na presença do Senhor.
Rejubilam satisfeitos e exultam de alegria.

BENEDICTUS
Os justos brilhar√£o como o sol
no Reino de seu Pai, aleluia.

Bendito seja o Senhor Deus de Israel,
porque a seu povo visitou e libertou;

e fez surgir um poderoso Salvador
na casa de Davi, seu servidor,

como falara pela boca de seus santos,
os profetas desde os tempos mais antigos, 

para salvar-nos do poder dos inimigos
e da mão de todos quantos nos odeiam. 

Assim mostrou misericórdia a nossos pais,
recordando a sua santa Aliança 

e o juramento a Abra√£o, o nosso pai,
de conceder-nos que, libertos do inimigo, 

a ele nós sirvamos sem temor
em santidade e em justiça diante dele,
enquanto perdurarem nossos dias.

Serás profeta do Altíssimo, ó menino, 
pois irás andando à frente do Senhor
para aplainar e preparar os seus caminhos, 

anunciando ao seu povo a salvação,
que est√° na remiss√£o de seus pecados;

pela bondade e compaix√£o de nosso Deus,
que sobre nós fará brilhar o Sol nascente,

para iluminar a quantos jazem entre as trevas
e na sombra da morte estão sentados 

e para dirigir os nossos passos,
guiando-os no caminho da paz. 

Glória ao Pai...

Preces
Repletos de alegria, invoquemos a Deus, recompensa e glória de todos os santos e santas; e digamos:

R. Salvai-nos, Senhor, por intercess√£o de vossos santos!

Deus, fonte de santidade, que fizestes brilhar nos vossos santos e santas as maravilhas da vossa graça multiforme,
‚Äď concedei-nos celebrar neles a vossa bondade infinita. R.

Deus eterno e misericordioso, que mostrastes nos vossos santos e santas as imagens mais perfeitas do vosso Filho,
‚Äď fazei que, por eles, sejamos conduzidos a uma vida de maior uni√£o com Cristo. R.

Rei dos céus, que por meio dos fiéis seguidores de Cristo nos estimulais a buscar a cidade futura,
‚Äď ensinai-nos a seguir, com os vossos santos e santas, o melhor caminho para chegar √† p√°tria eterna. R.

Deus eterno, que pelo sacrifício eucarístico de vosso Filho nos unis mais intimamente aos habitantes do céu,
‚Äď fazei que os celebremos devotamente em esp√≠rito e verdade. R.

(Inten√ß√Ķes livres)

Pai nosso ...

Oração
Deus eterno e todo-poderoso, que nos dais celebrar numa só festa os méritos de todos os Santos, concedei-nos, por intercessores tão numerosos, a plenitude da vossa misericórdia. Por nosso Senhor Jesus Cristo, vosso Filho, na unidade do Espírito Santo.

Santa Assembleia dos M√°rtires;

vós, Confessores, Pastores,

Virgens prudentes e castas,

rogai por nós pecadores.

Ao Senhor glorificado na assembleia de seus santos,
vinde todos, adoremos!
Glória ao Pai, ao Filho e ao Espírito Santo,
como era no princípio, agora e sempre.
Amém
Hino
Jesus, que o mundo salvastes,
dos que remistes cuidai.
E vós, Mãe santa de Deus,
por nós a Deus suplicai.

Os coros todos dos Anjos,
patriarcal legi√£o,
Profetas de tantos méritos,
pedi por nós o perdão.

√ď Precursor do Messias,
ó Ostiário dos céus,
com os Apóstolos todos,
quebrai os laços dos réus.

Santa Assembleia dos M√°rtires;
vós, Confessores, Pastores,
Virgens prudentes e castas,
rogai por nós pecadores.

Que os monges peçam por nós
e todos que o céu habitam:
a vida eterna consigam
os que na terra militam.

Honra e louvor tributemos
ao Pai e ao Filho também,
com seu Amor, um só Deus,
por todo o sempre. Amém.

Salmo                                               8

√ď Senhor nosso Deus, como √© grande
vosso nome por todo o universo! 

Desdobrastes nos céus vossa glória 
com grandeza, esplendor, majestade. 
O perfeito louvor vos é dado
pelos lábios dos mais pequeninos,  
de crianças que a mãe amamenta. 

Eis a força que opondes aos maus, 
reduzindo o inimigo ao silêncio. 
Contemplando estes céus que plasmastes  
e formastes com dedos de artista; 

vendo a lua e estrelas brilhantes,  
perguntamos: 'Senhor, que é o homem,
para dele assim vos lembrardes  
e o tratardes com tanto carinho?' 

Pouco abaixo de Deus o fizestes,
coroando-o de glória e esplendor;
vós lhe destes poder sobre tudo,
vossas obras aos pés lhe pusestes: 

as ovelhas, os bois, os rebanhos,
todo o gado e as feras da mata; 
passarinhos e peixes dos mares,
todo ser que se move nas águas. 

√ď Senhor nosso Deus, como √© grande
vosso nome por todo o universo!

Glória ao Pai...

Leitura breve                        ..........................  ........    Ez  1,17-18
Que o Deus de nosso Senhor Jesus Cristo, o Pai a quem pertence a glória, vos dê um espírito de sabedoria que vo-lo revele e faça verdadeiramente conhecer. Que ele abra o vosso coração à sua luz, para que saibais qual a esperança que o seu chamamento vos dá, qual a riqueza da glória que está na vossa herança com os santos.

Os justos se alegram na presença do Senhor.
Rejubilam satisfeitos e exultam de alegria.

BENEDICTUS
Os justos brilhar√£o como o sol
no Reino de seu Pai, aleluia.

Bendito seja o Senhor Deus de Israel,
porque a seu povo visitou e libertou;

e fez surgir um poderoso Salvador
na casa de Davi, seu servidor,

como falara pela boca de seus santos,
os profetas desde os tempos mais antigos, 

para salvar-nos do poder dos inimigos
e da mão de todos quantos nos odeiam. 

Assim mostrou misericórdia a nossos pais,
recordando a sua santa Aliança 

e o juramento a Abra√£o, o nosso pai,
de conceder-nos que, libertos do inimigo, 

a ele nós sirvamos sem temor
em santidade e em justiça diante dele,
enquanto perdurarem nossos dias.

Serás profeta do Altíssimo, ó menino, 
pois irás andando à frente do Senhor
para aplainar e preparar os seus caminhos, 

anunciando ao seu povo a salvação,
que est√° na remiss√£o de seus pecados;

pela bondade e compaix√£o de nosso Deus,
que sobre nós fará brilhar o Sol nascente,

para iluminar a quantos jazem entre as trevas
e na sombra da morte estão sentados 

e para dirigir os nossos passos,
guiando-os no caminho da paz. 

Glória ao Pai...

Preces
Repletos de alegria, invoquemos a Deus, recompensa e glória de todos os santos e santas; e digamos:

R. Salvai-nos, Senhor, por intercess√£o de vossos santos!

Deus, fonte de santidade, que fizestes brilhar nos vossos santos e santas as maravilhas da vossa graça multiforme,
‚Äď concedei-nos celebrar neles a vossa bondade infinita. R.

Deus eterno e misericordioso, que mostrastes nos vossos santos e santas as imagens mais perfeitas do vosso Filho,
‚Äď fazei que, por eles, sejamos conduzidos a uma vida de maior uni√£o com Cristo. R.

Rei dos céus, que por meio dos fiéis seguidores de Cristo nos estimulais a buscar a cidade futura,
‚Äď ensinai-nos a seguir, com os vossos santos e santas, o melhor caminho para chegar √† p√°tria eterna. R.

Deus eterno, que pelo sacrifício eucarístico de vosso Filho nos unis mais intimamente aos habitantes do céu,
‚Äď fazei que os celebremos devotamente em esp√≠rito e verdade. R.

(Inten√ß√Ķes livres)

Pai nosso ...

Oração
Deus eterno e todo-poderoso, que nos dais celebrar numa só festa os méritos de todos os Santos, concedei-nos, por intercessores tão numerosos, a plenitude da vossa misericórdia. Por nosso Senhor Jesus Cristo, vosso Filho, na unidade do Espírito Santo.

Que os monges peçam por nós

e todos que o céu habitam:

a vida eterna consigam

os que na terra militam.

Ao Senhor glorificado na assembleia de seus santos,
vinde todos, adoremos!
Glória ao Pai, ao Filho e ao Espírito Santo,
como era no princípio, agora e sempre.
Amém
Hino
Jesus, que o mundo salvastes,
dos que remistes cuidai.
E vós, Mãe santa de Deus,
por nós a Deus suplicai.

Os coros todos dos Anjos,
patriarcal legi√£o,
Profetas de tantos méritos,
pedi por nós o perdão.

√ď Precursor do Messias,
ó Ostiário dos céus,
com os Apóstolos todos,
quebrai os laços dos réus.

Santa Assembleia dos M√°rtires;
vós, Confessores, Pastores,
Virgens prudentes e castas,
rogai por nós pecadores.

Que os monges peçam por nós
e todos que o céu habitam:
a vida eterna consigam
os que na terra militam.

Honra e louvor tributemos
ao Pai e ao Filho também,
com seu Amor, um só Deus,
por todo o sempre. Amém.

Salmo                                               8

√ď Senhor nosso Deus, como √© grande
vosso nome por todo o universo! 

Desdobrastes nos céus vossa glória 
com grandeza, esplendor, majestade. 
O perfeito louvor vos é dado
pelos lábios dos mais pequeninos,  
de crianças que a mãe amamenta. 

Eis a força que opondes aos maus, 
reduzindo o inimigo ao silêncio. 
Contemplando estes céus que plasmastes  
e formastes com dedos de artista; 

vendo a lua e estrelas brilhantes,  
perguntamos: 'Senhor, que é o homem,
para dele assim vos lembrardes  
e o tratardes com tanto carinho?' 

Pouco abaixo de Deus o fizestes,
coroando-o de glória e esplendor;
vós lhe destes poder sobre tudo,
vossas obras aos pés lhe pusestes: 

as ovelhas, os bois, os rebanhos,
todo o gado e as feras da mata; 
passarinhos e peixes dos mares,
todo ser que se move nas águas. 

√ď Senhor nosso Deus, como √© grande
vosso nome por todo o universo!

Glória ao Pai...

Leitura breve                        ..........................  ........    Ez  1,17-18
Que o Deus de nosso Senhor Jesus Cristo, o Pai a quem pertence a glória, vos dê um espírito de sabedoria que vo-lo revele e faça verdadeiramente conhecer. Que ele abra o vosso coração à sua luz, para que saibais qual a esperança que o seu chamamento vos dá, qual a riqueza da glória que está na vossa herança com os santos.

Os justos se alegram na presença do Senhor.
Rejubilam satisfeitos e exultam de alegria.

BENEDICTUS
Os justos brilhar√£o como o sol
no Reino de seu Pai, aleluia.

Bendito seja o Senhor Deus de Israel,
porque a seu povo visitou e libertou;

e fez surgir um poderoso Salvador
na casa de Davi, seu servidor,

como falara pela boca de seus santos,
os profetas desde os tempos mais antigos, 

para salvar-nos do poder dos inimigos
e da mão de todos quantos nos odeiam. 

Assim mostrou misericórdia a nossos pais,
recordando a sua santa Aliança 

e o juramento a Abra√£o, o nosso pai,
de conceder-nos que, libertos do inimigo, 

a ele nós sirvamos sem temor
em santidade e em justiça diante dele,
enquanto perdurarem nossos dias.

Serás profeta do Altíssimo, ó menino, 
pois irás andando à frente do Senhor
para aplainar e preparar os seus caminhos, 

anunciando ao seu povo a salvação,
que est√° na remiss√£o de seus pecados;

pela bondade e compaix√£o de nosso Deus,
que sobre nós fará brilhar o Sol nascente,

para iluminar a quantos jazem entre as trevas
e na sombra da morte estão sentados 

e para dirigir os nossos passos,
guiando-os no caminho da paz. 

Glória ao Pai...

Preces
Repletos de alegria, invoquemos a Deus, recompensa e glória de todos os santos e santas; e digamos:

R. Salvai-nos, Senhor, por intercess√£o de vossos santos!

Deus, fonte de santidade, que fizestes brilhar nos vossos santos e santas as maravilhas da vossa graça multiforme,
‚Äď concedei-nos celebrar neles a vossa bondade infinita. R.

Deus eterno e misericordioso, que mostrastes nos vossos santos e santas as imagens mais perfeitas do vosso Filho,
‚Äď fazei que, por eles, sejamos conduzidos a uma vida de maior uni√£o com Cristo. R.

Rei dos céus, que por meio dos fiéis seguidores de Cristo nos estimulais a buscar a cidade futura,
‚Äď ensinai-nos a seguir, com os vossos santos e santas, o melhor caminho para chegar √† p√°tria eterna. R.

Deus eterno, que pelo sacrifício eucarístico de vosso Filho nos unis mais intimamente aos habitantes do céu,
‚Äď fazei que os celebremos devotamente em esp√≠rito e verdade. R.

(Inten√ß√Ķes livres)

Pai nosso ...

Oração
Deus eterno e todo-poderoso, que nos dais celebrar numa só festa os méritos de todos os Santos, concedei-nos, por intercessores tão numerosos, a plenitude da vossa misericórdia. Por nosso Senhor Jesus Cristo, vosso Filho, na unidade do Espírito Santo.

Honra e louvor tributemos

ao Pai e ao Filho também,

com seu Amor, um só Deus,

por todo o sempre. Amém.

Ao Senhor glorificado na assembleia de seus santos,
vinde todos, adoremos!
Glória ao Pai, ao Filho e ao Espírito Santo,
como era no princípio, agora e sempre.
Amém
Hino
Jesus, que o mundo salvastes,
dos que remistes cuidai.
E vós, Mãe santa de Deus,
por nós a Deus suplicai.

Os coros todos dos Anjos,
patriarcal legi√£o,
Profetas de tantos méritos,
pedi por nós o perdão.

√ď Precursor do Messias,
ó Ostiário dos céus,
com os Apóstolos todos,
quebrai os laços dos réus.

Santa Assembleia dos M√°rtires;
vós, Confessores, Pastores,
Virgens prudentes e castas,
rogai por nós pecadores.

Que os monges peçam por nós
e todos que o céu habitam:
a vida eterna consigam
os que na terra militam.

Honra e louvor tributemos
ao Pai e ao Filho também,
com seu Amor, um só Deus,
por todo o sempre. Amém.

Salmo                                               8

√ď Senhor nosso Deus, como √© grande
vosso nome por todo o universo! 

Desdobrastes nos céus vossa glória 
com grandeza, esplendor, majestade. 
O perfeito louvor vos é dado
pelos lábios dos mais pequeninos,  
de crianças que a mãe amamenta. 

Eis a força que opondes aos maus, 
reduzindo o inimigo ao silêncio. 
Contemplando estes céus que plasmastes  
e formastes com dedos de artista; 

vendo a lua e estrelas brilhantes,  
perguntamos: 'Senhor, que é o homem,
para dele assim vos lembrardes  
e o tratardes com tanto carinho?' 

Pouco abaixo de Deus o fizestes,
coroando-o de glória e esplendor;
vós lhe destes poder sobre tudo,
vossas obras aos pés lhe pusestes: 

as ovelhas, os bois, os rebanhos,
todo o gado e as feras da mata; 
passarinhos e peixes dos mares,
todo ser que se move nas águas. 

√ď Senhor nosso Deus, como √© grande
vosso nome por todo o universo!

Glória ao Pai...

Leitura breve                        ..........................  ........    Ez  1,17-18
Que o Deus de nosso Senhor Jesus Cristo, o Pai a quem pertence a glória, vos dê um espírito de sabedoria que vo-lo revele e faça verdadeiramente conhecer. Que ele abra o vosso coração à sua luz, para que saibais qual a esperança que o seu chamamento vos dá, qual a riqueza da glória que está na vossa herança com os santos.

Os justos se alegram na presença do Senhor.
Rejubilam satisfeitos e exultam de alegria.

BENEDICTUS
Os justos brilhar√£o como o sol
no Reino de seu Pai, aleluia.

Bendito seja o Senhor Deus de Israel,
porque a seu povo visitou e libertou;

e fez surgir um poderoso Salvador
na casa de Davi, seu servidor,

como falara pela boca de seus santos,
os profetas desde os tempos mais antigos, 

para salvar-nos do poder dos inimigos
e da mão de todos quantos nos odeiam. 

Assim mostrou misericórdia a nossos pais,
recordando a sua santa Aliança 

e o juramento a Abra√£o, o nosso pai,
de conceder-nos que, libertos do inimigo, 

a ele nós sirvamos sem temor
em santidade e em justiça diante dele,
enquanto perdurarem nossos dias.

Serás profeta do Altíssimo, ó menino, 
pois irás andando à frente do Senhor
para aplainar e preparar os seus caminhos, 

anunciando ao seu povo a salvação,
que est√° na remiss√£o de seus pecados;

pela bondade e compaix√£o de nosso Deus,
que sobre nós fará brilhar o Sol nascente,

para iluminar a quantos jazem entre as trevas
e na sombra da morte estão sentados 

e para dirigir os nossos passos,
guiando-os no caminho da paz. 

Glória ao Pai...

Preces
Repletos de alegria, invoquemos a Deus, recompensa e glória de todos os santos e santas; e digamos:

R. Salvai-nos, Senhor, por intercess√£o de vossos santos!

Deus, fonte de santidade, que fizestes brilhar nos vossos santos e santas as maravilhas da vossa graça multiforme,
‚Äď concedei-nos celebrar neles a vossa bondade infinita. R.

Deus eterno e misericordioso, que mostrastes nos vossos santos e santas as imagens mais perfeitas do vosso Filho,
‚Äď fazei que, por eles, sejamos conduzidos a uma vida de maior uni√£o com Cristo. R.

Rei dos céus, que por meio dos fiéis seguidores de Cristo nos estimulais a buscar a cidade futura,
‚Äď ensinai-nos a seguir, com os vossos santos e santas, o melhor caminho para chegar √† p√°tria eterna. R.

Deus eterno, que pelo sacrifício eucarístico de vosso Filho nos unis mais intimamente aos habitantes do céu,
‚Äď fazei que os celebremos devotamente em esp√≠rito e verdade. R.

(Inten√ß√Ķes livres)

Pai nosso ...

Oração
Deus eterno e todo-poderoso, que nos dais celebrar numa só festa os méritos de todos os Santos, concedei-nos, por intercessores tão numerosos, a plenitude da vossa misericórdia. Por nosso Senhor Jesus Cristo, vosso Filho, na unidade do Espírito Santo.

Salmo                                               8

Ao Senhor glorificado na assembleia de seus santos,
vinde todos, adoremos!
Glória ao Pai, ao Filho e ao Espírito Santo,
como era no princípio, agora e sempre.
Amém
Hino
Jesus, que o mundo salvastes,
dos que remistes cuidai.
E vós, Mãe santa de Deus,
por nós a Deus suplicai.

Os coros todos dos Anjos,
patriarcal legi√£o,
Profetas de tantos méritos,
pedi por nós o perdão.

√ď Precursor do Messias,
ó Ostiário dos céus,
com os Apóstolos todos,
quebrai os laços dos réus.

Santa Assembleia dos M√°rtires;
vós, Confessores, Pastores,
Virgens prudentes e castas,
rogai por nós pecadores.

Que os monges peçam por nós
e todos que o céu habitam:
a vida eterna consigam
os que na terra militam.

Honra e louvor tributemos
ao Pai e ao Filho também,
com seu Amor, um só Deus,
por todo o sempre. Amém.

Salmo                                               8

√ď Senhor nosso Deus, como √© grande
vosso nome por todo o universo! 

Desdobrastes nos céus vossa glória 
com grandeza, esplendor, majestade. 
O perfeito louvor vos é dado
pelos lábios dos mais pequeninos,  
de crianças que a mãe amamenta. 

Eis a força que opondes aos maus, 
reduzindo o inimigo ao silêncio. 
Contemplando estes céus que plasmastes  
e formastes com dedos de artista; 

vendo a lua e estrelas brilhantes,  
perguntamos: 'Senhor, que é o homem,
para dele assim vos lembrardes  
e o tratardes com tanto carinho?' 

Pouco abaixo de Deus o fizestes,
coroando-o de glória e esplendor;
vós lhe destes poder sobre tudo,
vossas obras aos pés lhe pusestes: 

as ovelhas, os bois, os rebanhos,
todo o gado e as feras da mata; 
passarinhos e peixes dos mares,
todo ser que se move nas águas. 

√ď Senhor nosso Deus, como √© grande
vosso nome por todo o universo!

Glória ao Pai...

Leitura breve                        ..........................  ........    Ez  1,17-18
Que o Deus de nosso Senhor Jesus Cristo, o Pai a quem pertence a glória, vos dê um espírito de sabedoria que vo-lo revele e faça verdadeiramente conhecer. Que ele abra o vosso coração à sua luz, para que saibais qual a esperança que o seu chamamento vos dá, qual a riqueza da glória que está na vossa herança com os santos.

Os justos se alegram na presença do Senhor.
Rejubilam satisfeitos e exultam de alegria.

BENEDICTUS
Os justos brilhar√£o como o sol
no Reino de seu Pai, aleluia.

Bendito seja o Senhor Deus de Israel,
porque a seu povo visitou e libertou;

e fez surgir um poderoso Salvador
na casa de Davi, seu servidor,

como falara pela boca de seus santos,
os profetas desde os tempos mais antigos, 

para salvar-nos do poder dos inimigos
e da mão de todos quantos nos odeiam. 

Assim mostrou misericórdia a nossos pais,
recordando a sua santa Aliança 

e o juramento a Abra√£o, o nosso pai,
de conceder-nos que, libertos do inimigo, 

a ele nós sirvamos sem temor
em santidade e em justiça diante dele,
enquanto perdurarem nossos dias.

Serás profeta do Altíssimo, ó menino, 
pois irás andando à frente do Senhor
para aplainar e preparar os seus caminhos, 

anunciando ao seu povo a salvação,
que est√° na remiss√£o de seus pecados;

pela bondade e compaix√£o de nosso Deus,
que sobre nós fará brilhar o Sol nascente,

para iluminar a quantos jazem entre as trevas
e na sombra da morte estão sentados 

e para dirigir os nossos passos,
guiando-os no caminho da paz. 

Glória ao Pai...

Preces
Repletos de alegria, invoquemos a Deus, recompensa e glória de todos os santos e santas; e digamos:

R. Salvai-nos, Senhor, por intercess√£o de vossos santos!

Deus, fonte de santidade, que fizestes brilhar nos vossos santos e santas as maravilhas da vossa graça multiforme,
‚Äď concedei-nos celebrar neles a vossa bondade infinita. R.

Deus eterno e misericordioso, que mostrastes nos vossos santos e santas as imagens mais perfeitas do vosso Filho,
‚Äď fazei que, por eles, sejamos conduzidos a uma vida de maior uni√£o com Cristo. R.

Rei dos céus, que por meio dos fiéis seguidores de Cristo nos estimulais a buscar a cidade futura,
‚Äď ensinai-nos a seguir, com os vossos santos e santas, o melhor caminho para chegar √† p√°tria eterna. R.

Deus eterno, que pelo sacrifício eucarístico de vosso Filho nos unis mais intimamente aos habitantes do céu,
‚Äď fazei que os celebremos devotamente em esp√≠rito e verdade. R.

(Inten√ß√Ķes livres)

Pai nosso ...

Oração
Deus eterno e todo-poderoso, que nos dais celebrar numa só festa os méritos de todos os Santos, concedei-nos, por intercessores tão numerosos, a plenitude da vossa misericórdia. Por nosso Senhor Jesus Cristo, vosso Filho, na unidade do Espírito Santo.

√ď Senhor nosso Deus, como √© grande
vosso nome por todo o universo!

Desdobrastes nos céus vossa glória
com grandeza, esplendor, majestade.
O perfeito louvor vos é dado
pelos l√°bios dos mais pequeninos,
de crianças que a mãe amamenta.

Eis a força que opondes aos maus,
reduzindo o inimigo ao silêncio.
Contemplando estes céus que plasmastes
e formastes com dedos de artista;

vendo a lua e estrelas brilhantes,
perguntamos: 'Senhor, que é o homem,
para dele assim vos lembrardes
e o tratardes com tanto carinho?'

Pouco abaixo de Deus o fizestes,
coroando-o de glória e esplendor;
vós lhe destes poder sobre tudo,
vossas obras aos pés lhe pusestes:

as ovelhas, os bois, os rebanhos,
todo o gado e as feras da mata;
passarinhos e peixes dos mares,
todo ser que se move nas √°guas.

√ď Senhor nosso Deus, como √© grande
vosso nome por todo o universo!

Ao Senhor glorificado na assembleia de seus santos,
vinde todos, adoremos!
Glória ao Pai, ao Filho e ao Espírito Santo,
como era no princípio, agora e sempre.
Amém
Hino
Jesus, que o mundo salvastes,
dos que remistes cuidai.
E vós, Mãe santa de Deus,
por nós a Deus suplicai.

Os coros todos dos Anjos,
patriarcal legi√£o,
Profetas de tantos méritos,
pedi por nós o perdão.

√ď Precursor do Messias,
ó Ostiário dos céus,
com os Apóstolos todos,
quebrai os laços dos réus.

Santa Assembleia dos M√°rtires;
vós, Confessores, Pastores,
Virgens prudentes e castas,
rogai por nós pecadores.

Que os monges peçam por nós
e todos que o céu habitam:
a vida eterna consigam
os que na terra militam.

Honra e louvor tributemos
ao Pai e ao Filho também,
com seu Amor, um só Deus,
por todo o sempre. Amém.

Salmo                                               8

√ď Senhor nosso Deus, como √© grande
vosso nome por todo o universo! 

Desdobrastes nos céus vossa glória 
com grandeza, esplendor, majestade. 
O perfeito louvor vos é dado
pelos lábios dos mais pequeninos,  
de crianças que a mãe amamenta. 

Eis a força que opondes aos maus, 
reduzindo o inimigo ao silêncio. 
Contemplando estes céus que plasmastes  
e formastes com dedos de artista; 

vendo a lua e estrelas brilhantes,  
perguntamos: 'Senhor, que é o homem,
para dele assim vos lembrardes  
e o tratardes com tanto carinho?' 

Pouco abaixo de Deus o fizestes,
coroando-o de glória e esplendor;
vós lhe destes poder sobre tudo,
vossas obras aos pés lhe pusestes: 

as ovelhas, os bois, os rebanhos,
todo o gado e as feras da mata; 
passarinhos e peixes dos mares,
todo ser que se move nas águas. 

√ď Senhor nosso Deus, como √© grande
vosso nome por todo o universo!

Glória ao Pai...

Leitura breve                        ..........................  ........    Ez  1,17-18
Que o Deus de nosso Senhor Jesus Cristo, o Pai a quem pertence a glória, vos dê um espírito de sabedoria que vo-lo revele e faça verdadeiramente conhecer. Que ele abra o vosso coração à sua luz, para que saibais qual a esperança que o seu chamamento vos dá, qual a riqueza da glória que está na vossa herança com os santos.

Os justos se alegram na presença do Senhor.
Rejubilam satisfeitos e exultam de alegria.

BENEDICTUS
Os justos brilhar√£o como o sol
no Reino de seu Pai, aleluia.

Bendito seja o Senhor Deus de Israel,
porque a seu povo visitou e libertou;

e fez surgir um poderoso Salvador
na casa de Davi, seu servidor,

como falara pela boca de seus santos,
os profetas desde os tempos mais antigos, 

para salvar-nos do poder dos inimigos
e da mão de todos quantos nos odeiam. 

Assim mostrou misericórdia a nossos pais,
recordando a sua santa Aliança 

e o juramento a Abra√£o, o nosso pai,
de conceder-nos que, libertos do inimigo, 

a ele nós sirvamos sem temor
em santidade e em justiça diante dele,
enquanto perdurarem nossos dias.

Serás profeta do Altíssimo, ó menino, 
pois irás andando à frente do Senhor
para aplainar e preparar os seus caminhos, 

anunciando ao seu povo a salvação,
que est√° na remiss√£o de seus pecados;

pela bondade e compaix√£o de nosso Deus,
que sobre nós fará brilhar o Sol nascente,

para iluminar a quantos jazem entre as trevas
e na sombra da morte estão sentados 

e para dirigir os nossos passos,
guiando-os no caminho da paz. 

Glória ao Pai...

Preces
Repletos de alegria, invoquemos a Deus, recompensa e glória de todos os santos e santas; e digamos:

R. Salvai-nos, Senhor, por intercess√£o de vossos santos!

Deus, fonte de santidade, que fizestes brilhar nos vossos santos e santas as maravilhas da vossa graça multiforme,
‚Äď concedei-nos celebrar neles a vossa bondade infinita. R.

Deus eterno e misericordioso, que mostrastes nos vossos santos e santas as imagens mais perfeitas do vosso Filho,
‚Äď fazei que, por eles, sejamos conduzidos a uma vida de maior uni√£o com Cristo. R.

Rei dos céus, que por meio dos fiéis seguidores de Cristo nos estimulais a buscar a cidade futura,
‚Äď ensinai-nos a seguir, com os vossos santos e santas, o melhor caminho para chegar √† p√°tria eterna. R.

Deus eterno, que pelo sacrifício eucarístico de vosso Filho nos unis mais intimamente aos habitantes do céu,
‚Äď fazei que os celebremos devotamente em esp√≠rito e verdade. R.

(Inten√ß√Ķes livres)

Pai nosso ...

Oração
Deus eterno e todo-poderoso, que nos dais celebrar numa só festa os méritos de todos os Santos, concedei-nos, por intercessores tão numerosos, a plenitude da vossa misericórdia. Por nosso Senhor Jesus Cristo, vosso Filho, na unidade do Espírito Santo.

Glória ao Pai...

Ao Senhor glorificado na assembleia de seus santos,
vinde todos, adoremos!
Glória ao Pai, ao Filho e ao Espírito Santo,
como era no princípio, agora e sempre.
Amém
Hino
Jesus, que o mundo salvastes,
dos que remistes cuidai.
E vós, Mãe santa de Deus,
por nós a Deus suplicai.

Os coros todos dos Anjos,
patriarcal legi√£o,
Profetas de tantos méritos,
pedi por nós o perdão.

√ď Precursor do Messias,
ó Ostiário dos céus,
com os Apóstolos todos,
quebrai os laços dos réus.

Santa Assembleia dos M√°rtires;
vós, Confessores, Pastores,
Virgens prudentes e castas,
rogai por nós pecadores.

Que os monges peçam por nós
e todos que o céu habitam:
a vida eterna consigam
os que na terra militam.

Honra e louvor tributemos
ao Pai e ao Filho também,
com seu Amor, um só Deus,
por todo o sempre. Amém.

Salmo                                               8

√ď Senhor nosso Deus, como √© grande
vosso nome por todo o universo! 

Desdobrastes nos céus vossa glória 
com grandeza, esplendor, majestade. 
O perfeito louvor vos é dado
pelos lábios dos mais pequeninos,  
de crianças que a mãe amamenta. 

Eis a força que opondes aos maus, 
reduzindo o inimigo ao silêncio. 
Contemplando estes céus que plasmastes  
e formastes com dedos de artista; 

vendo a lua e estrelas brilhantes,  
perguntamos: 'Senhor, que é o homem,
para dele assim vos lembrardes  
e o tratardes com tanto carinho?' 

Pouco abaixo de Deus o fizestes,
coroando-o de glória e esplendor;
vós lhe destes poder sobre tudo,
vossas obras aos pés lhe pusestes: 

as ovelhas, os bois, os rebanhos,
todo o gado e as feras da mata; 
passarinhos e peixes dos mares,
todo ser que se move nas águas. 

√ď Senhor nosso Deus, como √© grande
vosso nome por todo o universo!

Glória ao Pai...

Leitura breve                        ..........................  ........    Ez  1,17-18
Que o Deus de nosso Senhor Jesus Cristo, o Pai a quem pertence a glória, vos dê um espírito de sabedoria que vo-lo revele e faça verdadeiramente conhecer. Que ele abra o vosso coração à sua luz, para que saibais qual a esperança que o seu chamamento vos dá, qual a riqueza da glória que está na vossa herança com os santos.

Os justos se alegram na presença do Senhor.
Rejubilam satisfeitos e exultam de alegria.

BENEDICTUS
Os justos brilhar√£o como o sol
no Reino de seu Pai, aleluia.

Bendito seja o Senhor Deus de Israel,
porque a seu povo visitou e libertou;

e fez surgir um poderoso Salvador
na casa de Davi, seu servidor,

como falara pela boca de seus santos,
os profetas desde os tempos mais antigos, 

para salvar-nos do poder dos inimigos
e da mão de todos quantos nos odeiam. 

Assim mostrou misericórdia a nossos pais,
recordando a sua santa Aliança 

e o juramento a Abra√£o, o nosso pai,
de conceder-nos que, libertos do inimigo, 

a ele nós sirvamos sem temor
em santidade e em justiça diante dele,
enquanto perdurarem nossos dias.

Serás profeta do Altíssimo, ó menino, 
pois irás andando à frente do Senhor
para aplainar e preparar os seus caminhos, 

anunciando ao seu povo a salvação,
que est√° na remiss√£o de seus pecados;

pela bondade e compaix√£o de nosso Deus,
que sobre nós fará brilhar o Sol nascente,

para iluminar a quantos jazem entre as trevas
e na sombra da morte estão sentados 

e para dirigir os nossos passos,
guiando-os no caminho da paz. 

Glória ao Pai...

Preces
Repletos de alegria, invoquemos a Deus, recompensa e glória de todos os santos e santas; e digamos:

R. Salvai-nos, Senhor, por intercess√£o de vossos santos!

Deus, fonte de santidade, que fizestes brilhar nos vossos santos e santas as maravilhas da vossa graça multiforme,
‚Äď concedei-nos celebrar neles a vossa bondade infinita. R.

Deus eterno e misericordioso, que mostrastes nos vossos santos e santas as imagens mais perfeitas do vosso Filho,
‚Äď fazei que, por eles, sejamos conduzidos a uma vida de maior uni√£o com Cristo. R.

Rei dos céus, que por meio dos fiéis seguidores de Cristo nos estimulais a buscar a cidade futura,
‚Äď ensinai-nos a seguir, com os vossos santos e santas, o melhor caminho para chegar √† p√°tria eterna. R.

Deus eterno, que pelo sacrifício eucarístico de vosso Filho nos unis mais intimamente aos habitantes do céu,
‚Äď fazei que os celebremos devotamente em esp√≠rito e verdade. R.

(Inten√ß√Ķes livres)

Pai nosso ...

Oração
Deus eterno e todo-poderoso, que nos dais celebrar numa só festa os méritos de todos os Santos, concedei-nos, por intercessores tão numerosos, a plenitude da vossa misericórdia. Por nosso Senhor Jesus Cristo, vosso Filho, na unidade do Espírito Santo.

Leitura breve                        ..........................  ........    Ez  1,17-18

Que o Deus de nosso Senhor Jesus Cristo, o Pai a quem pertence a glória, vos dê um espírito de sabedoria que vo-lo revele e faça verdadeiramente conhecer. Que ele abra o vosso coração à sua luz, para que saibais qual a esperança que o seu chamamento vos dá, qual a riqueza da glória que está na vossa herança com os santos.

Ao Senhor glorificado na assembleia de seus santos,
vinde todos, adoremos!
Glória ao Pai, ao Filho e ao Espírito Santo,
como era no princípio, agora e sempre.
Amém
Hino
Jesus, que o mundo salvastes,
dos que remistes cuidai.
E vós, Mãe santa de Deus,
por nós a Deus suplicai.

Os coros todos dos Anjos,
patriarcal legi√£o,
Profetas de tantos méritos,
pedi por nós o perdão.

√ď Precursor do Messias,
ó Ostiário dos céus,
com os Apóstolos todos,
quebrai os laços dos réus.

Santa Assembleia dos M√°rtires;
vós, Confessores, Pastores,
Virgens prudentes e castas,
rogai por nós pecadores.

Que os monges peçam por nós
e todos que o céu habitam:
a vida eterna consigam
os que na terra militam.

Honra e louvor tributemos
ao Pai e ao Filho também,
com seu Amor, um só Deus,
por todo o sempre. Amém.

Salmo                                               8

√ď Senhor nosso Deus, como √© grande
vosso nome por todo o universo! 

Desdobrastes nos céus vossa glória 
com grandeza, esplendor, majestade. 
O perfeito louvor vos é dado
pelos lábios dos mais pequeninos,  
de crianças que a mãe amamenta. 

Eis a força que opondes aos maus, 
reduzindo o inimigo ao silêncio. 
Contemplando estes céus que plasmastes  
e formastes com dedos de artista; 

vendo a lua e estrelas brilhantes,  
perguntamos: 'Senhor, que é o homem,
para dele assim vos lembrardes  
e o tratardes com tanto carinho?' 

Pouco abaixo de Deus o fizestes,
coroando-o de glória e esplendor;
vós lhe destes poder sobre tudo,
vossas obras aos pés lhe pusestes: 

as ovelhas, os bois, os rebanhos,
todo o gado e as feras da mata; 
passarinhos e peixes dos mares,
todo ser que se move nas águas. 

√ď Senhor nosso Deus, como √© grande
vosso nome por todo o universo!

Glória ao Pai...

Leitura breve                        ..........................  ........    Ez  1,17-18
Que o Deus de nosso Senhor Jesus Cristo, o Pai a quem pertence a glória, vos dê um espírito de sabedoria que vo-lo revele e faça verdadeiramente conhecer. Que ele abra o vosso coração à sua luz, para que saibais qual a esperança que o seu chamamento vos dá, qual a riqueza da glória que está na vossa herança com os santos.

Os justos se alegram na presença do Senhor.
Rejubilam satisfeitos e exultam de alegria.

BENEDICTUS
Os justos brilhar√£o como o sol
no Reino de seu Pai, aleluia.

Bendito seja o Senhor Deus de Israel,
porque a seu povo visitou e libertou;

e fez surgir um poderoso Salvador
na casa de Davi, seu servidor,

como falara pela boca de seus santos,
os profetas desde os tempos mais antigos, 

para salvar-nos do poder dos inimigos
e da mão de todos quantos nos odeiam. 

Assim mostrou misericórdia a nossos pais,
recordando a sua santa Aliança 

e o juramento a Abra√£o, o nosso pai,
de conceder-nos que, libertos do inimigo, 

a ele nós sirvamos sem temor
em santidade e em justiça diante dele,
enquanto perdurarem nossos dias.

Serás profeta do Altíssimo, ó menino, 
pois irás andando à frente do Senhor
para aplainar e preparar os seus caminhos, 

anunciando ao seu povo a salvação,
que est√° na remiss√£o de seus pecados;

pela bondade e compaix√£o de nosso Deus,
que sobre nós fará brilhar o Sol nascente,

para iluminar a quantos jazem entre as trevas
e na sombra da morte estão sentados 

e para dirigir os nossos passos,
guiando-os no caminho da paz. 

Glória ao Pai...

Preces
Repletos de alegria, invoquemos a Deus, recompensa e glória de todos os santos e santas; e digamos:

R. Salvai-nos, Senhor, por intercess√£o de vossos santos!

Deus, fonte de santidade, que fizestes brilhar nos vossos santos e santas as maravilhas da vossa graça multiforme,
‚Äď concedei-nos celebrar neles a vossa bondade infinita. R.

Deus eterno e misericordioso, que mostrastes nos vossos santos e santas as imagens mais perfeitas do vosso Filho,
‚Äď fazei que, por eles, sejamos conduzidos a uma vida de maior uni√£o com Cristo. R.

Rei dos céus, que por meio dos fiéis seguidores de Cristo nos estimulais a buscar a cidade futura,
‚Äď ensinai-nos a seguir, com os vossos santos e santas, o melhor caminho para chegar √† p√°tria eterna. R.

Deus eterno, que pelo sacrifício eucarístico de vosso Filho nos unis mais intimamente aos habitantes do céu,
‚Äď fazei que os celebremos devotamente em esp√≠rito e verdade. R.

(Inten√ß√Ķes livres)

Pai nosso ...

Oração
Deus eterno e todo-poderoso, que nos dais celebrar numa só festa os méritos de todos os Santos, concedei-nos, por intercessores tão numerosos, a plenitude da vossa misericórdia. Por nosso Senhor Jesus Cristo, vosso Filho, na unidade do Espírito Santo.

Os justos se alegram na presença do Senhor.

Rejubilam satisfeitos e exultam de alegria.

Ao Senhor glorificado na assembleia de seus santos,
vinde todos, adoremos!
Glória ao Pai, ao Filho e ao Espírito Santo,
como era no princípio, agora e sempre.
Amém
Hino
Jesus, que o mundo salvastes,
dos que remistes cuidai.
E vós, Mãe santa de Deus,
por nós a Deus suplicai.

Os coros todos dos Anjos,
patriarcal legi√£o,
Profetas de tantos méritos,
pedi por nós o perdão.

√ď Precursor do Messias,
ó Ostiário dos céus,
com os Apóstolos todos,
quebrai os laços dos réus.

Santa Assembleia dos M√°rtires;
vós, Confessores, Pastores,
Virgens prudentes e castas,
rogai por nós pecadores.

Que os monges peçam por nós
e todos que o céu habitam:
a vida eterna consigam
os que na terra militam.

Honra e louvor tributemos
ao Pai e ao Filho também,
com seu Amor, um só Deus,
por todo o sempre. Amém.

Salmo                                               8

√ď Senhor nosso Deus, como √© grande
vosso nome por todo o universo! 

Desdobrastes nos céus vossa glória 
com grandeza, esplendor, majestade. 
O perfeito louvor vos é dado
pelos lábios dos mais pequeninos,  
de crianças que a mãe amamenta. 

Eis a força que opondes aos maus, 
reduzindo o inimigo ao silêncio. 
Contemplando estes céus que plasmastes  
e formastes com dedos de artista; 

vendo a lua e estrelas brilhantes,  
perguntamos: 'Senhor, que é o homem,
para dele assim vos lembrardes  
e o tratardes com tanto carinho?' 

Pouco abaixo de Deus o fizestes,
coroando-o de glória e esplendor;
vós lhe destes poder sobre tudo,
vossas obras aos pés lhe pusestes: 

as ovelhas, os bois, os rebanhos,
todo o gado e as feras da mata; 
passarinhos e peixes dos mares,
todo ser que se move nas águas. 

√ď Senhor nosso Deus, como √© grande
vosso nome por todo o universo!

Glória ao Pai...

Leitura breve                        ..........................  ........    Ez  1,17-18
Que o Deus de nosso Senhor Jesus Cristo, o Pai a quem pertence a glória, vos dê um espírito de sabedoria que vo-lo revele e faça verdadeiramente conhecer. Que ele abra o vosso coração à sua luz, para que saibais qual a esperança que o seu chamamento vos dá, qual a riqueza da glória que está na vossa herança com os santos.

Os justos se alegram na presença do Senhor.
Rejubilam satisfeitos e exultam de alegria.

BENEDICTUS
Os justos brilhar√£o como o sol
no Reino de seu Pai, aleluia.

Bendito seja o Senhor Deus de Israel,
porque a seu povo visitou e libertou;

e fez surgir um poderoso Salvador
na casa de Davi, seu servidor,

como falara pela boca de seus santos,
os profetas desde os tempos mais antigos, 

para salvar-nos do poder dos inimigos
e da mão de todos quantos nos odeiam. 

Assim mostrou misericórdia a nossos pais,
recordando a sua santa Aliança 

e o juramento a Abra√£o, o nosso pai,
de conceder-nos que, libertos do inimigo, 

a ele nós sirvamos sem temor
em santidade e em justiça diante dele,
enquanto perdurarem nossos dias.

Serás profeta do Altíssimo, ó menino, 
pois irás andando à frente do Senhor
para aplainar e preparar os seus caminhos, 

anunciando ao seu povo a salvação,
que est√° na remiss√£o de seus pecados;

pela bondade e compaix√£o de nosso Deus,
que sobre nós fará brilhar o Sol nascente,

para iluminar a quantos jazem entre as trevas
e na sombra da morte estão sentados 

e para dirigir os nossos passos,
guiando-os no caminho da paz. 

Glória ao Pai...

Preces
Repletos de alegria, invoquemos a Deus, recompensa e glória de todos os santos e santas; e digamos:

R. Salvai-nos, Senhor, por intercess√£o de vossos santos!

Deus, fonte de santidade, que fizestes brilhar nos vossos santos e santas as maravilhas da vossa graça multiforme,
‚Äď concedei-nos celebrar neles a vossa bondade infinita. R.

Deus eterno e misericordioso, que mostrastes nos vossos santos e santas as imagens mais perfeitas do vosso Filho,
‚Äď fazei que, por eles, sejamos conduzidos a uma vida de maior uni√£o com Cristo. R.

Rei dos céus, que por meio dos fiéis seguidores de Cristo nos estimulais a buscar a cidade futura,
‚Äď ensinai-nos a seguir, com os vossos santos e santas, o melhor caminho para chegar √† p√°tria eterna. R.

Deus eterno, que pelo sacrifício eucarístico de vosso Filho nos unis mais intimamente aos habitantes do céu,
‚Äď fazei que os celebremos devotamente em esp√≠rito e verdade. R.

(Inten√ß√Ķes livres)

Pai nosso ...

Oração
Deus eterno e todo-poderoso, que nos dais celebrar numa só festa os méritos de todos os Santos, concedei-nos, por intercessores tão numerosos, a plenitude da vossa misericórdia. Por nosso Senhor Jesus Cristo, vosso Filho, na unidade do Espírito Santo.

BENEDICTUS

Os justos brilhar√£o como o sol

no Reino de seu Pai, aleluia.

Ao Senhor glorificado na assembleia de seus santos,
vinde todos, adoremos!
Glória ao Pai, ao Filho e ao Espírito Santo,
como era no princípio, agora e sempre.
Amém
Hino
Jesus, que o mundo salvastes,
dos que remistes cuidai.
E vós, Mãe santa de Deus,
por nós a Deus suplicai.

Os coros todos dos Anjos,
patriarcal legi√£o,
Profetas de tantos méritos,
pedi por nós o perdão.

√ď Precursor do Messias,
ó Ostiário dos céus,
com os Apóstolos todos,
quebrai os laços dos réus.

Santa Assembleia dos M√°rtires;
vós, Confessores, Pastores,
Virgens prudentes e castas,
rogai por nós pecadores.

Que os monges peçam por nós
e todos que o céu habitam:
a vida eterna consigam
os que na terra militam.

Honra e louvor tributemos
ao Pai e ao Filho também,
com seu Amor, um só Deus,
por todo o sempre. Amém.

Salmo                                               8

√ď Senhor nosso Deus, como √© grande
vosso nome por todo o universo! 

Desdobrastes nos céus vossa glória 
com grandeza, esplendor, majestade. 
O perfeito louvor vos é dado
pelos lábios dos mais pequeninos,  
de crianças que a mãe amamenta. 

Eis a força que opondes aos maus, 
reduzindo o inimigo ao silêncio. 
Contemplando estes céus que plasmastes  
e formastes com dedos de artista; 

vendo a lua e estrelas brilhantes,  
perguntamos: 'Senhor, que é o homem,
para dele assim vos lembrardes  
e o tratardes com tanto carinho?' 

Pouco abaixo de Deus o fizestes,
coroando-o de glória e esplendor;
vós lhe destes poder sobre tudo,
vossas obras aos pés lhe pusestes: 

as ovelhas, os bois, os rebanhos,
todo o gado e as feras da mata; 
passarinhos e peixes dos mares,
todo ser que se move nas águas. 

√ď Senhor nosso Deus, como √© grande
vosso nome por todo o universo!

Glória ao Pai...

Leitura breve                        ..........................  ........    Ez  1,17-18
Que o Deus de nosso Senhor Jesus Cristo, o Pai a quem pertence a glória, vos dê um espírito de sabedoria que vo-lo revele e faça verdadeiramente conhecer. Que ele abra o vosso coração à sua luz, para que saibais qual a esperança que o seu chamamento vos dá, qual a riqueza da glória que está na vossa herança com os santos.

Os justos se alegram na presença do Senhor.
Rejubilam satisfeitos e exultam de alegria.

BENEDICTUS
Os justos brilhar√£o como o sol
no Reino de seu Pai, aleluia.

Bendito seja o Senhor Deus de Israel,
porque a seu povo visitou e libertou;

e fez surgir um poderoso Salvador
na casa de Davi, seu servidor,

como falara pela boca de seus santos,
os profetas desde os tempos mais antigos, 

para salvar-nos do poder dos inimigos
e da mão de todos quantos nos odeiam. 

Assim mostrou misericórdia a nossos pais,
recordando a sua santa Aliança 

e o juramento a Abra√£o, o nosso pai,
de conceder-nos que, libertos do inimigo, 

a ele nós sirvamos sem temor
em santidade e em justiça diante dele,
enquanto perdurarem nossos dias.

Serás profeta do Altíssimo, ó menino, 
pois irás andando à frente do Senhor
para aplainar e preparar os seus caminhos, 

anunciando ao seu povo a salvação,
que est√° na remiss√£o de seus pecados;

pela bondade e compaix√£o de nosso Deus,
que sobre nós fará brilhar o Sol nascente,

para iluminar a quantos jazem entre as trevas
e na sombra da morte estão sentados 

e para dirigir os nossos passos,
guiando-os no caminho da paz. 

Glória ao Pai...

Preces
Repletos de alegria, invoquemos a Deus, recompensa e glória de todos os santos e santas; e digamos:

R. Salvai-nos, Senhor, por intercess√£o de vossos santos!

Deus, fonte de santidade, que fizestes brilhar nos vossos santos e santas as maravilhas da vossa graça multiforme,
‚Äď concedei-nos celebrar neles a vossa bondade infinita. R.

Deus eterno e misericordioso, que mostrastes nos vossos santos e santas as imagens mais perfeitas do vosso Filho,
‚Äď fazei que, por eles, sejamos conduzidos a uma vida de maior uni√£o com Cristo. R.

Rei dos céus, que por meio dos fiéis seguidores de Cristo nos estimulais a buscar a cidade futura,
‚Äď ensinai-nos a seguir, com os vossos santos e santas, o melhor caminho para chegar √† p√°tria eterna. R.

Deus eterno, que pelo sacrifício eucarístico de vosso Filho nos unis mais intimamente aos habitantes do céu,
‚Äď fazei que os celebremos devotamente em esp√≠rito e verdade. R.

(Inten√ß√Ķes livres)

Pai nosso ...

Oração
Deus eterno e todo-poderoso, que nos dais celebrar numa só festa os méritos de todos os Santos, concedei-nos, por intercessores tão numerosos, a plenitude da vossa misericórdia. Por nosso Senhor Jesus Cristo, vosso Filho, na unidade do Espírito Santo.

Bendito seja o Senhor Deus de Israel,
porque a seu povo visitou e libertou;

e fez surgir um poderoso Salvador
na casa de Davi, seu servidor,

como falara pela boca de seus santos,
os profetas desde os tempos mais antigos,

para salvar-nos do poder dos inimigos
e da m√£o de todos quantos nos odeiam.

Assim mostrou misericórdia a nossos pais,
recordando a sua santa Aliança

e o juramento a Abra√£o, o nosso pai,
de conceder-nos que, libertos do inimigo,

a ele nós sirvamos sem temor
em santidade e em justiça diante dele,
enquanto perdurarem nossos dias.

Serás profeta do Altíssimo, ó menino,
pois irás andando à frente do Senhor
para aplainar e preparar os seus caminhos,

anunciando ao seu povo a salvação,
que est√° na remiss√£o de seus pecados;

pela bondade e compaix√£o de nosso Deus,
que sobre nós fará brilhar o Sol nascente,

para iluminar a quantos jazem entre as trevas
e na sombra da morte est√£o sentados

e para dirigir os nossos passos,
guiando-os no caminho da paz.

Glória ao Pai...

Ao Senhor glorificado na assembleia de seus santos,
vinde todos, adoremos!
Glória ao Pai, ao Filho e ao Espírito Santo,
como era no princípio, agora e sempre.
Amém
Hino
Jesus, que o mundo salvastes,
dos que remistes cuidai.
E vós, Mãe santa de Deus,
por nós a Deus suplicai.

Os coros todos dos Anjos,
patriarcal legi√£o,
Profetas de tantos méritos,
pedi por nós o perdão.

√ď Precursor do Messias,
ó Ostiário dos céus,
com os Apóstolos todos,
quebrai os laços dos réus.

Santa Assembleia dos M√°rtires;
vós, Confessores, Pastores,
Virgens prudentes e castas,
rogai por nós pecadores.

Que os monges peçam por nós
e todos que o céu habitam:
a vida eterna consigam
os que na terra militam.

Honra e louvor tributemos
ao Pai e ao Filho também,
com seu Amor, um só Deus,
por todo o sempre. Amém.

Salmo                                               8

√ď Senhor nosso Deus, como √© grande
vosso nome por todo o universo! 

Desdobrastes nos céus vossa glória 
com grandeza, esplendor, majestade. 
O perfeito louvor vos é dado
pelos lábios dos mais pequeninos,  
de crianças que a mãe amamenta. 

Eis a força que opondes aos maus, 
reduzindo o inimigo ao silêncio. 
Contemplando estes céus que plasmastes  
e formastes com dedos de artista; 

vendo a lua e estrelas brilhantes,  
perguntamos: 'Senhor, que é o homem,
para dele assim vos lembrardes  
e o tratardes com tanto carinho?' 

Pouco abaixo de Deus o fizestes,
coroando-o de glória e esplendor;
vós lhe destes poder sobre tudo,
vossas obras aos pés lhe pusestes: 

as ovelhas, os bois, os rebanhos,
todo o gado e as feras da mata; 
passarinhos e peixes dos mares,
todo ser que se move nas águas. 

√ď Senhor nosso Deus, como √© grande
vosso nome por todo o universo!

Glória ao Pai...

Leitura breve                        ..........................  ........    Ez  1,17-18
Que o Deus de nosso Senhor Jesus Cristo, o Pai a quem pertence a glória, vos dê um espírito de sabedoria que vo-lo revele e faça verdadeiramente conhecer. Que ele abra o vosso coração à sua luz, para que saibais qual a esperança que o seu chamamento vos dá, qual a riqueza da glória que está na vossa herança com os santos.

Os justos se alegram na presença do Senhor.
Rejubilam satisfeitos e exultam de alegria.

BENEDICTUS
Os justos brilhar√£o como o sol
no Reino de seu Pai, aleluia.

Bendito seja o Senhor Deus de Israel,
porque a seu povo visitou e libertou;

e fez surgir um poderoso Salvador
na casa de Davi, seu servidor,

como falara pela boca de seus santos,
os profetas desde os tempos mais antigos, 

para salvar-nos do poder dos inimigos
e da mão de todos quantos nos odeiam. 

Assim mostrou misericórdia a nossos pais,
recordando a sua santa Aliança 

e o juramento a Abra√£o, o nosso pai,
de conceder-nos que, libertos do inimigo, 

a ele nós sirvamos sem temor
em santidade e em justiça diante dele,
enquanto perdurarem nossos dias.

Serás profeta do Altíssimo, ó menino, 
pois irás andando à frente do Senhor
para aplainar e preparar os seus caminhos, 

anunciando ao seu povo a salvação,
que est√° na remiss√£o de seus pecados;

pela bondade e compaix√£o de nosso Deus,
que sobre nós fará brilhar o Sol nascente,

para iluminar a quantos jazem entre as trevas
e na sombra da morte estão sentados 

e para dirigir os nossos passos,
guiando-os no caminho da paz. 

Glória ao Pai...

Preces
Repletos de alegria, invoquemos a Deus, recompensa e glória de todos os santos e santas; e digamos:

R. Salvai-nos, Senhor, por intercess√£o de vossos santos!

Deus, fonte de santidade, que fizestes brilhar nos vossos santos e santas as maravilhas da vossa graça multiforme,
‚Äď concedei-nos celebrar neles a vossa bondade infinita. R.

Deus eterno e misericordioso, que mostrastes nos vossos santos e santas as imagens mais perfeitas do vosso Filho,
‚Äď fazei que, por eles, sejamos conduzidos a uma vida de maior uni√£o com Cristo. R.

Rei dos céus, que por meio dos fiéis seguidores de Cristo nos estimulais a buscar a cidade futura,
‚Äď ensinai-nos a seguir, com os vossos santos e santas, o melhor caminho para chegar √† p√°tria eterna. R.

Deus eterno, que pelo sacrifício eucarístico de vosso Filho nos unis mais intimamente aos habitantes do céu,
‚Äď fazei que os celebremos devotamente em esp√≠rito e verdade. R.

(Inten√ß√Ķes livres)

Pai nosso ...

Oração
Deus eterno e todo-poderoso, que nos dais celebrar numa só festa os méritos de todos os Santos, concedei-nos, por intercessores tão numerosos, a plenitude da vossa misericórdia. Por nosso Senhor Jesus Cristo, vosso Filho, na unidade do Espírito Santo.

Preces

Repletos de alegria, invoquemos a Deus, recompensa e glória de todos os santos e santas; e digamos:

Ao Senhor glorificado na assembleia de seus santos,
vinde todos, adoremos!
Glória ao Pai, ao Filho e ao Espírito Santo,
como era no princípio, agora e sempre.
Amém
Hino
Jesus, que o mundo salvastes,
dos que remistes cuidai.
E vós, Mãe santa de Deus,
por nós a Deus suplicai.

Os coros todos dos Anjos,
patriarcal legi√£o,
Profetas de tantos méritos,
pedi por nós o perdão.

√ď Precursor do Messias,
ó Ostiário dos céus,
com os Apóstolos todos,
quebrai os laços dos réus.

Santa Assembleia dos M√°rtires;
vós, Confessores, Pastores,
Virgens prudentes e castas,
rogai por nós pecadores.

Que os monges peçam por nós
e todos que o céu habitam:
a vida eterna consigam
os que na terra militam.

Honra e louvor tributemos
ao Pai e ao Filho também,
com seu Amor, um só Deus,
por todo o sempre. Amém.

Salmo                                               8

√ď Senhor nosso Deus, como √© grande
vosso nome por todo o universo! 

Desdobrastes nos céus vossa glória 
com grandeza, esplendor, majestade. 
O perfeito louvor vos é dado
pelos lábios dos mais pequeninos,  
de crianças que a mãe amamenta. 

Eis a força que opondes aos maus, 
reduzindo o inimigo ao silêncio. 
Contemplando estes céus que plasmastes  
e formastes com dedos de artista; 

vendo a lua e estrelas brilhantes,  
perguntamos: 'Senhor, que é o homem,
para dele assim vos lembrardes  
e o tratardes com tanto carinho?' 

Pouco abaixo de Deus o fizestes,
coroando-o de glória e esplendor;
vós lhe destes poder sobre tudo,
vossas obras aos pés lhe pusestes: 

as ovelhas, os bois, os rebanhos,
todo o gado e as feras da mata; 
passarinhos e peixes dos mares,
todo ser que se move nas águas. 

√ď Senhor nosso Deus, como √© grande
vosso nome por todo o universo!

Glória ao Pai...

Leitura breve                        ..........................  ........    Ez  1,17-18
Que o Deus de nosso Senhor Jesus Cristo, o Pai a quem pertence a glória, vos dê um espírito de sabedoria que vo-lo revele e faça verdadeiramente conhecer. Que ele abra o vosso coração à sua luz, para que saibais qual a esperança que o seu chamamento vos dá, qual a riqueza da glória que está na vossa herança com os santos.

Os justos se alegram na presença do Senhor.
Rejubilam satisfeitos e exultam de alegria.

BENEDICTUS
Os justos brilhar√£o como o sol
no Reino de seu Pai, aleluia.

Bendito seja o Senhor Deus de Israel,
porque a seu povo visitou e libertou;

e fez surgir um poderoso Salvador
na casa de Davi, seu servidor,

como falara pela boca de seus santos,
os profetas desde os tempos mais antigos, 

para salvar-nos do poder dos inimigos
e da mão de todos quantos nos odeiam. 

Assim mostrou misericórdia a nossos pais,
recordando a sua santa Aliança 

e o juramento a Abra√£o, o nosso pai,
de conceder-nos que, libertos do inimigo, 

a ele nós sirvamos sem temor
em santidade e em justiça diante dele,
enquanto perdurarem nossos dias.

Serás profeta do Altíssimo, ó menino, 
pois irás andando à frente do Senhor
para aplainar e preparar os seus caminhos, 

anunciando ao seu povo a salvação,
que est√° na remiss√£o de seus pecados;

pela bondade e compaix√£o de nosso Deus,
que sobre nós fará brilhar o Sol nascente,

para iluminar a quantos jazem entre as trevas
e na sombra da morte estão sentados 

e para dirigir os nossos passos,
guiando-os no caminho da paz. 

Glória ao Pai...

Preces
Repletos de alegria, invoquemos a Deus, recompensa e glória de todos os santos e santas; e digamos:

R. Salvai-nos, Senhor, por intercess√£o de vossos santos!

Deus, fonte de santidade, que fizestes brilhar nos vossos santos e santas as maravilhas da vossa graça multiforme,
‚Äď concedei-nos celebrar neles a vossa bondade infinita. R.

Deus eterno e misericordioso, que mostrastes nos vossos santos e santas as imagens mais perfeitas do vosso Filho,
‚Äď fazei que, por eles, sejamos conduzidos a uma vida de maior uni√£o com Cristo. R.

Rei dos céus, que por meio dos fiéis seguidores de Cristo nos estimulais a buscar a cidade futura,
‚Äď ensinai-nos a seguir, com os vossos santos e santas, o melhor caminho para chegar √† p√°tria eterna. R.

Deus eterno, que pelo sacrifício eucarístico de vosso Filho nos unis mais intimamente aos habitantes do céu,
‚Äď fazei que os celebremos devotamente em esp√≠rito e verdade. R.

(Inten√ß√Ķes livres)

Pai nosso ...

Oração
Deus eterno e todo-poderoso, que nos dais celebrar numa só festa os méritos de todos os Santos, concedei-nos, por intercessores tão numerosos, a plenitude da vossa misericórdia. Por nosso Senhor Jesus Cristo, vosso Filho, na unidade do Espírito Santo.

  1. R. Salvai-nos, Senhor, por intercess√£o de vossos santos!

Ao Senhor glorificado na assembleia de seus santos,
vinde todos, adoremos!
Glória ao Pai, ao Filho e ao Espírito Santo,
como era no princípio, agora e sempre.
Amém
Hino
Jesus, que o mundo salvastes,
dos que remistes cuidai.
E vós, Mãe santa de Deus,
por nós a Deus suplicai.

Os coros todos dos Anjos,
patriarcal legi√£o,
Profetas de tantos méritos,
pedi por nós o perdão.

√ď Precursor do Messias,
ó Ostiário dos céus,
com os Apóstolos todos,
quebrai os laços dos réus.

Santa Assembleia dos M√°rtires;
vós, Confessores, Pastores,
Virgens prudentes e castas,
rogai por nós pecadores.

Que os monges peçam por nós
e todos que o céu habitam:
a vida eterna consigam
os que na terra militam.

Honra e louvor tributemos
ao Pai e ao Filho também,
com seu Amor, um só Deus,
por todo o sempre. Amém.

Salmo                                               8

√ď Senhor nosso Deus, como √© grande
vosso nome por todo o universo! 

Desdobrastes nos céus vossa glória 
com grandeza, esplendor, majestade. 
O perfeito louvor vos é dado
pelos lábios dos mais pequeninos,  
de crianças que a mãe amamenta. 

Eis a força que opondes aos maus, 
reduzindo o inimigo ao silêncio. 
Contemplando estes céus que plasmastes  
e formastes com dedos de artista; 

vendo a lua e estrelas brilhantes,  
perguntamos: 'Senhor, que é o homem,
para dele assim vos lembrardes  
e o tratardes com tanto carinho?' 

Pouco abaixo de Deus o fizestes,
coroando-o de glória e esplendor;
vós lhe destes poder sobre tudo,
vossas obras aos pés lhe pusestes: 

as ovelhas, os bois, os rebanhos,
todo o gado e as feras da mata; 
passarinhos e peixes dos mares,
todo ser que se move nas águas. 

√ď Senhor nosso Deus, como √© grande
vosso nome por todo o universo!

Glória ao Pai...

Leitura breve                        ..........................  ........    Ez  1,17-18
Que o Deus de nosso Senhor Jesus Cristo, o Pai a quem pertence a glória, vos dê um espírito de sabedoria que vo-lo revele e faça verdadeiramente conhecer. Que ele abra o vosso coração à sua luz, para que saibais qual a esperança que o seu chamamento vos dá, qual a riqueza da glória que está na vossa herança com os santos.

Os justos se alegram na presença do Senhor.
Rejubilam satisfeitos e exultam de alegria.

BENEDICTUS
Os justos brilhar√£o como o sol
no Reino de seu Pai, aleluia.

Bendito seja o Senhor Deus de Israel,
porque a seu povo visitou e libertou;

e fez surgir um poderoso Salvador
na casa de Davi, seu servidor,

como falara pela boca de seus santos,
os profetas desde os tempos mais antigos, 

para salvar-nos do poder dos inimigos
e da mão de todos quantos nos odeiam. 

Assim mostrou misericórdia a nossos pais,
recordando a sua santa Aliança 

e o juramento a Abra√£o, o nosso pai,
de conceder-nos que, libertos do inimigo, 

a ele nós sirvamos sem temor
em santidade e em justiça diante dele,
enquanto perdurarem nossos dias.

Serás profeta do Altíssimo, ó menino, 
pois irás andando à frente do Senhor
para aplainar e preparar os seus caminhos, 

anunciando ao seu povo a salvação,
que est√° na remiss√£o de seus pecados;

pela bondade e compaix√£o de nosso Deus,
que sobre nós fará brilhar o Sol nascente,

para iluminar a quantos jazem entre as trevas
e na sombra da morte estão sentados 

e para dirigir os nossos passos,
guiando-os no caminho da paz. 

Glória ao Pai...

Preces
Repletos de alegria, invoquemos a Deus, recompensa e glória de todos os santos e santas; e digamos:

R. Salvai-nos, Senhor, por intercess√£o de vossos santos!

Deus, fonte de santidade, que fizestes brilhar nos vossos santos e santas as maravilhas da vossa graça multiforme,
‚Äď concedei-nos celebrar neles a vossa bondade infinita. R.

Deus eterno e misericordioso, que mostrastes nos vossos santos e santas as imagens mais perfeitas do vosso Filho,
‚Äď fazei que, por eles, sejamos conduzidos a uma vida de maior uni√£o com Cristo. R.

Rei dos céus, que por meio dos fiéis seguidores de Cristo nos estimulais a buscar a cidade futura,
‚Äď ensinai-nos a seguir, com os vossos santos e santas, o melhor caminho para chegar √† p√°tria eterna. R.

Deus eterno, que pelo sacrifício eucarístico de vosso Filho nos unis mais intimamente aos habitantes do céu,
‚Äď fazei que os celebremos devotamente em esp√≠rito e verdade. R.

(Inten√ß√Ķes livres)

Pai nosso ...

Oração
Deus eterno e todo-poderoso, que nos dais celebrar numa só festa os méritos de todos os Santos, concedei-nos, por intercessores tão numerosos, a plenitude da vossa misericórdia. Por nosso Senhor Jesus Cristo, vosso Filho, na unidade do Espírito Santo.

Deus, fonte de santidade, que fizestes brilhar nos vossos santos e santas as maravilhas da vossa graça multiforme,

‚Äď concedei-nos celebrar neles a vossa bondade infinita. R.

Ao Senhor glorificado na assembleia de seus santos,
vinde todos, adoremos!
Glória ao Pai, ao Filho e ao Espírito Santo,
como era no princípio, agora e sempre.
Amém
Hino
Jesus, que o mundo salvastes,
dos que remistes cuidai.
E vós, Mãe santa de Deus,
por nós a Deus suplicai.

Os coros todos dos Anjos,
patriarcal legi√£o,
Profetas de tantos méritos,
pedi por nós o perdão.

√ď Precursor do Messias,
ó Ostiário dos céus,
com os Apóstolos todos,
quebrai os laços dos réus.

Santa Assembleia dos M√°rtires;
vós, Confessores, Pastores,
Virgens prudentes e castas,
rogai por nós pecadores.

Que os monges peçam por nós
e todos que o céu habitam:
a vida eterna consigam
os que na terra militam.

Honra e louvor tributemos
ao Pai e ao Filho também,
com seu Amor, um só Deus,
por todo o sempre. Amém.

Salmo                                               8

√ď Senhor nosso Deus, como √© grande
vosso nome por todo o universo! 

Desdobrastes nos céus vossa glória 
com grandeza, esplendor, majestade. 
O perfeito louvor vos é dado
pelos lábios dos mais pequeninos,  
de crianças que a mãe amamenta. 

Eis a força que opondes aos maus, 
reduzindo o inimigo ao silêncio. 
Contemplando estes céus que plasmastes  
e formastes com dedos de artista; 

vendo a lua e estrelas brilhantes,  
perguntamos: 'Senhor, que é o homem,
para dele assim vos lembrardes  
e o tratardes com tanto carinho?' 

Pouco abaixo de Deus o fizestes,
coroando-o de glória e esplendor;
vós lhe destes poder sobre tudo,
vossas obras aos pés lhe pusestes: 

as ovelhas, os bois, os rebanhos,
todo o gado e as feras da mata; 
passarinhos e peixes dos mares,
todo ser que se move nas águas. 

√ď Senhor nosso Deus, como √© grande
vosso nome por todo o universo!

Glória ao Pai...

Leitura breve                        ..........................  ........    Ez  1,17-18
Que o Deus de nosso Senhor Jesus Cristo, o Pai a quem pertence a glória, vos dê um espírito de sabedoria que vo-lo revele e faça verdadeiramente conhecer. Que ele abra o vosso coração à sua luz, para que saibais qual a esperança que o seu chamamento vos dá, qual a riqueza da glória que está na vossa herança com os santos.

Os justos se alegram na presença do Senhor.
Rejubilam satisfeitos e exultam de alegria.

BENEDICTUS
Os justos brilhar√£o como o sol
no Reino de seu Pai, aleluia.

Bendito seja o Senhor Deus de Israel,
porque a seu povo visitou e libertou;

e fez surgir um poderoso Salvador
na casa de Davi, seu servidor,

como falara pela boca de seus santos,
os profetas desde os tempos mais antigos, 

para salvar-nos do poder dos inimigos
e da mão de todos quantos nos odeiam. 

Assim mostrou misericórdia a nossos pais,
recordando a sua santa Aliança 

e o juramento a Abra√£o, o nosso pai,
de conceder-nos que, libertos do inimigo, 

a ele nós sirvamos sem temor
em santidade e em justiça diante dele,
enquanto perdurarem nossos dias.

Serás profeta do Altíssimo, ó menino, 
pois irás andando à frente do Senhor
para aplainar e preparar os seus caminhos, 

anunciando ao seu povo a salvação,
que est√° na remiss√£o de seus pecados;

pela bondade e compaix√£o de nosso Deus,
que sobre nós fará brilhar o Sol nascente,

para iluminar a quantos jazem entre as trevas
e na sombra da morte estão sentados 

e para dirigir os nossos passos,
guiando-os no caminho da paz. 

Glória ao Pai...

Preces
Repletos de alegria, invoquemos a Deus, recompensa e glória de todos os santos e santas; e digamos:

R. Salvai-nos, Senhor, por intercess√£o de vossos santos!

Deus, fonte de santidade, que fizestes brilhar nos vossos santos e santas as maravilhas da vossa graça multiforme,
‚Äď concedei-nos celebrar neles a vossa bondade infinita. R.

Deus eterno e misericordioso, que mostrastes nos vossos santos e santas as imagens mais perfeitas do vosso Filho,
‚Äď fazei que, por eles, sejamos conduzidos a uma vida de maior uni√£o com Cristo. R.

Rei dos céus, que por meio dos fiéis seguidores de Cristo nos estimulais a buscar a cidade futura,
‚Äď ensinai-nos a seguir, com os vossos santos e santas, o melhor caminho para chegar √† p√°tria eterna. R.

Deus eterno, que pelo sacrifício eucarístico de vosso Filho nos unis mais intimamente aos habitantes do céu,
‚Äď fazei que os celebremos devotamente em esp√≠rito e verdade. R.

(Inten√ß√Ķes livres)

Pai nosso ...

Oração
Deus eterno e todo-poderoso, que nos dais celebrar numa só festa os méritos de todos os Santos, concedei-nos, por intercessores tão numerosos, a plenitude da vossa misericórdia. Por nosso Senhor Jesus Cristo, vosso Filho, na unidade do Espírito Santo.

Deus eterno e misericordioso, que mostrastes nos vossos santos e santas as imagens mais perfeitas do vosso Filho,

‚Äď fazei que, por eles, sejamos conduzidos a uma vida de maior uni√£o com Cristo. R.

Ao Senhor glorificado na assembleia de seus santos,
vinde todos, adoremos!
Glória ao Pai, ao Filho e ao Espírito Santo,
como era no princípio, agora e sempre.
Amém
Hino
Jesus, que o mundo salvastes,
dos que remistes cuidai.
E vós, Mãe santa de Deus,
por nós a Deus suplicai.

Os coros todos dos Anjos,
patriarcal legi√£o,
Profetas de tantos méritos,
pedi por nós o perdão.

√ď Precursor do Messias,
ó Ostiário dos céus,
com os Apóstolos todos,
quebrai os laços dos réus.

Santa Assembleia dos M√°rtires;
vós, Confessores, Pastores,
Virgens prudentes e castas,
rogai por nós pecadores.

Que os monges peçam por nós
e todos que o céu habitam:
a vida eterna consigam
os que na terra militam.

Honra e louvor tributemos
ao Pai e ao Filho também,
com seu Amor, um só Deus,
por todo o sempre. Amém.

Salmo                                               8

√ď Senhor nosso Deus, como √© grande
vosso nome por todo o universo! 

Desdobrastes nos céus vossa glória 
com grandeza, esplendor, majestade. 
O perfeito louvor vos é dado
pelos lábios dos mais pequeninos,  
de crianças que a mãe amamenta. 

Eis a força que opondes aos maus, 
reduzindo o inimigo ao silêncio. 
Contemplando estes céus que plasmastes  
e formastes com dedos de artista; 

vendo a lua e estrelas brilhantes,  
perguntamos: 'Senhor, que é o homem,
para dele assim vos lembrardes  
e o tratardes com tanto carinho?' 

Pouco abaixo de Deus o fizestes,
coroando-o de glória e esplendor;
vós lhe destes poder sobre tudo,
vossas obras aos pés lhe pusestes: 

as ovelhas, os bois, os rebanhos,
todo o gado e as feras da mata; 
passarinhos e peixes dos mares,
todo ser que se move nas águas. 

√ď Senhor nosso Deus, como √© grande
vosso nome por todo o universo!

Glória ao Pai...

Leitura breve                        ..........................  ........    Ez  1,17-18
Que o Deus de nosso Senhor Jesus Cristo, o Pai a quem pertence a glória, vos dê um espírito de sabedoria que vo-lo revele e faça verdadeiramente conhecer. Que ele abra o vosso coração à sua luz, para que saibais qual a esperança que o seu chamamento vos dá, qual a riqueza da glória que está na vossa herança com os santos.

Os justos se alegram na presença do Senhor.
Rejubilam satisfeitos e exultam de alegria.

BENEDICTUS
Os justos brilhar√£o como o sol
no Reino de seu Pai, aleluia.

Bendito seja o Senhor Deus de Israel,
porque a seu povo visitou e libertou;

e fez surgir um poderoso Salvador
na casa de Davi, seu servidor,

como falara pela boca de seus santos,
os profetas desde os tempos mais antigos, 

para salvar-nos do poder dos inimigos
e da mão de todos quantos nos odeiam. 

Assim mostrou misericórdia a nossos pais,
recordando a sua santa Aliança 

e o juramento a Abra√£o, o nosso pai,
de conceder-nos que, libertos do inimigo, 

a ele nós sirvamos sem temor
em santidade e em justiça diante dele,
enquanto perdurarem nossos dias.

Serás profeta do Altíssimo, ó menino, 
pois irás andando à frente do Senhor
para aplainar e preparar os seus caminhos, 

anunciando ao seu povo a salvação,
que est√° na remiss√£o de seus pecados;

pela bondade e compaix√£o de nosso Deus,
que sobre nós fará brilhar o Sol nascente,

para iluminar a quantos jazem entre as trevas
e na sombra da morte estão sentados 

e para dirigir os nossos passos,
guiando-os no caminho da paz. 

Glória ao Pai...

Preces
Repletos de alegria, invoquemos a Deus, recompensa e glória de todos os santos e santas; e digamos:

R. Salvai-nos, Senhor, por intercess√£o de vossos santos!

Deus, fonte de santidade, que fizestes brilhar nos vossos santos e santas as maravilhas da vossa graça multiforme,
‚Äď concedei-nos celebrar neles a vossa bondade infinita. R.

Deus eterno e misericordioso, que mostrastes nos vossos santos e santas as imagens mais perfeitas do vosso Filho,
‚Äď fazei que, por eles, sejamos conduzidos a uma vida de maior uni√£o com Cristo. R.

Rei dos céus, que por meio dos fiéis seguidores de Cristo nos estimulais a buscar a cidade futura,
‚Äď ensinai-nos a seguir, com os vossos santos e santas, o melhor caminho para chegar √† p√°tria eterna. R.

Deus eterno, que pelo sacrifício eucarístico de vosso Filho nos unis mais intimamente aos habitantes do céu,
‚Äď fazei que os celebremos devotamente em esp√≠rito e verdade. R.

(Inten√ß√Ķes livres)

Pai nosso ...

Oração
Deus eterno e todo-poderoso, que nos dais celebrar numa só festa os méritos de todos os Santos, concedei-nos, por intercessores tão numerosos, a plenitude da vossa misericórdia. Por nosso Senhor Jesus Cristo, vosso Filho, na unidade do Espírito Santo.

Rei dos céus, que por meio dos fiéis seguidores de Cristo nos estimulais a buscar a cidade futura,

‚Äď ensinai-nos a seguir, com os vossos santos e santas, o melhor caminho para chegar √† p√°tria eterna. R.

Ao Senhor glorificado na assembleia de seus santos,
vinde todos, adoremos!
Glória ao Pai, ao Filho e ao Espírito Santo,
como era no princípio, agora e sempre.
Amém
Hino
Jesus, que o mundo salvastes,
dos que remistes cuidai.
E vós, Mãe santa de Deus,
por nós a Deus suplicai.

Os coros todos dos Anjos,
patriarcal legi√£o,
Profetas de tantos méritos,
pedi por nós o perdão.

√ď Precursor do Messias,
ó Ostiário dos céus,
com os Apóstolos todos,
quebrai os laços dos réus.

Santa Assembleia dos M√°rtires;
vós, Confessores, Pastores,
Virgens prudentes e castas,
rogai por nós pecadores.

Que os monges peçam por nós
e todos que o céu habitam:
a vida eterna consigam
os que na terra militam.

Honra e louvor tributemos
ao Pai e ao Filho também,
com seu Amor, um só Deus,
por todo o sempre. Amém.

Salmo                                               8

√ď Senhor nosso Deus, como √© grande
vosso nome por todo o universo! 

Desdobrastes nos céus vossa glória 
com grandeza, esplendor, majestade. 
O perfeito louvor vos é dado
pelos lábios dos mais pequeninos,  
de crianças que a mãe amamenta. 

Eis a força que opondes aos maus, 
reduzindo o inimigo ao silêncio. 
Contemplando estes céus que plasmastes  
e formastes com dedos de artista; 

vendo a lua e estrelas brilhantes,  
perguntamos: 'Senhor, que é o homem,
para dele assim vos lembrardes  
e o tratardes com tanto carinho?' 

Pouco abaixo de Deus o fizestes,
coroando-o de glória e esplendor;
vós lhe destes poder sobre tudo,
vossas obras aos pés lhe pusestes: 

as ovelhas, os bois, os rebanhos,
todo o gado e as feras da mata; 
passarinhos e peixes dos mares,
todo ser que se move nas águas. 

√ď Senhor nosso Deus, como √© grande
vosso nome por todo o universo!

Glória ao Pai...

Leitura breve                        ..........................  ........    Ez  1,17-18
Que o Deus de nosso Senhor Jesus Cristo, o Pai a quem pertence a glória, vos dê um espírito de sabedoria que vo-lo revele e faça verdadeiramente conhecer. Que ele abra o vosso coração à sua luz, para que saibais qual a esperança que o seu chamamento vos dá, qual a riqueza da glória que está na vossa herança com os santos.

Os justos se alegram na presença do Senhor.
Rejubilam satisfeitos e exultam de alegria.

BENEDICTUS
Os justos brilhar√£o como o sol
no Reino de seu Pai, aleluia.

Bendito seja o Senhor Deus de Israel,
porque a seu povo visitou e libertou;

e fez surgir um poderoso Salvador
na casa de Davi, seu servidor,

como falara pela boca de seus santos,
os profetas desde os tempos mais antigos, 

para salvar-nos do poder dos inimigos
e da mão de todos quantos nos odeiam. 

Assim mostrou misericórdia a nossos pais,
recordando a sua santa Aliança 

e o juramento a Abra√£o, o nosso pai,
de conceder-nos que, libertos do inimigo, 

a ele nós sirvamos sem temor
em santidade e em justiça diante dele,
enquanto perdurarem nossos dias.

Serás profeta do Altíssimo, ó menino, 
pois irás andando à frente do Senhor
para aplainar e preparar os seus caminhos, 

anunciando ao seu povo a salvação,
que est√° na remiss√£o de seus pecados;

pela bondade e compaix√£o de nosso Deus,
que sobre nós fará brilhar o Sol nascente,

para iluminar a quantos jazem entre as trevas
e na sombra da morte estão sentados 

e para dirigir os nossos passos,
guiando-os no caminho da paz. 

Glória ao Pai...

Preces
Repletos de alegria, invoquemos a Deus, recompensa e glória de todos os santos e santas; e digamos:

R. Salvai-nos, Senhor, por intercess√£o de vossos santos!

Deus, fonte de santidade, que fizestes brilhar nos vossos santos e santas as maravilhas da vossa graça multiforme,
‚Äď concedei-nos celebrar neles a vossa bondade infinita. R.

Deus eterno e misericordioso, que mostrastes nos vossos santos e santas as imagens mais perfeitas do vosso Filho,
‚Äď fazei que, por eles, sejamos conduzidos a uma vida de maior uni√£o com Cristo. R.

Rei dos céus, que por meio dos fiéis seguidores de Cristo nos estimulais a buscar a cidade futura,
‚Äď ensinai-nos a seguir, com os vossos santos e santas, o melhor caminho para chegar √† p√°tria eterna. R.

Deus eterno, que pelo sacrifício eucarístico de vosso Filho nos unis mais intimamente aos habitantes do céu,
‚Äď fazei que os celebremos devotamente em esp√≠rito e verdade. R.

(Inten√ß√Ķes livres)

Pai nosso ...

Oração
Deus eterno e todo-poderoso, que nos dais celebrar numa só festa os méritos de todos os Santos, concedei-nos, por intercessores tão numerosos, a plenitude da vossa misericórdia. Por nosso Senhor Jesus Cristo, vosso Filho, na unidade do Espírito Santo.

Deus eterno, que pelo sacrifício eucarístico de vosso Filho nos unis mais intimamente aos habitantes do céu,

‚Äď fazei que os celebremos devotamente em esp√≠rito e verdade. R.

Ao Senhor glorificado na assembleia de seus santos,
vinde todos, adoremos!
Glória ao Pai, ao Filho e ao Espírito Santo,
como era no princípio, agora e sempre.
Amém
Hino
Jesus, que o mundo salvastes,
dos que remistes cuidai.
E vós, Mãe santa de Deus,
por nós a Deus suplicai.

Os coros todos dos Anjos,
patriarcal legi√£o,
Profetas de tantos méritos,
pedi por nós o perdão.

√ď Precursor do Messias,
ó Ostiário dos céus,
com os Apóstolos todos,
quebrai os laços dos réus.

Santa Assembleia dos M√°rtires;
vós, Confessores, Pastores,
Virgens prudentes e castas,
rogai por nós pecadores.

Que os monges peçam por nós
e todos que o céu habitam:
a vida eterna consigam
os que na terra militam.

Honra e louvor tributemos
ao Pai e ao Filho também,
com seu Amor, um só Deus,
por todo o sempre. Amém.

Salmo                                               8

√ď Senhor nosso Deus, como √© grande
vosso nome por todo o universo! 

Desdobrastes nos céus vossa glória 
com grandeza, esplendor, majestade. 
O perfeito louvor vos é dado
pelos lábios dos mais pequeninos,  
de crianças que a mãe amamenta. 

Eis a força que opondes aos maus, 
reduzindo o inimigo ao silêncio. 
Contemplando estes céus que plasmastes  
e formastes com dedos de artista; 

vendo a lua e estrelas brilhantes,  
perguntamos: 'Senhor, que é o homem,
para dele assim vos lembrardes  
e o tratardes com tanto carinho?' 

Pouco abaixo de Deus o fizestes,
coroando-o de glória e esplendor;
vós lhe destes poder sobre tudo,
vossas obras aos pés lhe pusestes: 

as ovelhas, os bois, os rebanhos,
todo o gado e as feras da mata; 
passarinhos e peixes dos mares,
todo ser que se move nas águas. 

√ď Senhor nosso Deus, como √© grande
vosso nome por todo o universo!

Glória ao Pai...

Leitura breve                        ..........................  ........    Ez  1,17-18
Que o Deus de nosso Senhor Jesus Cristo, o Pai a quem pertence a glória, vos dê um espírito de sabedoria que vo-lo revele e faça verdadeiramente conhecer. Que ele abra o vosso coração à sua luz, para que saibais qual a esperança que o seu chamamento vos dá, qual a riqueza da glória que está na vossa herança com os santos.

Os justos se alegram na presença do Senhor.
Rejubilam satisfeitos e exultam de alegria.

BENEDICTUS
Os justos brilhar√£o como o sol
no Reino de seu Pai, aleluia.

Bendito seja o Senhor Deus de Israel,
porque a seu povo visitou e libertou;

e fez surgir um poderoso Salvador
na casa de Davi, seu servidor,

como falara pela boca de seus santos,
os profetas desde os tempos mais antigos, 

para salvar-nos do poder dos inimigos
e da mão de todos quantos nos odeiam. 

Assim mostrou misericórdia a nossos pais,
recordando a sua santa Aliança 

e o juramento a Abra√£o, o nosso pai,
de conceder-nos que, libertos do inimigo, 

a ele nós sirvamos sem temor
em santidade e em justiça diante dele,
enquanto perdurarem nossos dias.

Serás profeta do Altíssimo, ó menino, 
pois irás andando à frente do Senhor
para aplainar e preparar os seus caminhos, 

anunciando ao seu povo a salvação,
que est√° na remiss√£o de seus pecados;

pela bondade e compaix√£o de nosso Deus,
que sobre nós fará brilhar o Sol nascente,

para iluminar a quantos jazem entre as trevas
e na sombra da morte estão sentados 

e para dirigir os nossos passos,
guiando-os no caminho da paz. 

Glória ao Pai...

Preces
Repletos de alegria, invoquemos a Deus, recompensa e glória de todos os santos e santas; e digamos:

R. Salvai-nos, Senhor, por intercess√£o de vossos santos!

Deus, fonte de santidade, que fizestes brilhar nos vossos santos e santas as maravilhas da vossa graça multiforme,
‚Äď concedei-nos celebrar neles a vossa bondade infinita. R.

Deus eterno e misericordioso, que mostrastes nos vossos santos e santas as imagens mais perfeitas do vosso Filho,
‚Äď fazei que, por eles, sejamos conduzidos a uma vida de maior uni√£o com Cristo. R.

Rei dos céus, que por meio dos fiéis seguidores de Cristo nos estimulais a buscar a cidade futura,
‚Äď ensinai-nos a seguir, com os vossos santos e santas, o melhor caminho para chegar √† p√°tria eterna. R.

Deus eterno, que pelo sacrifício eucarístico de vosso Filho nos unis mais intimamente aos habitantes do céu,
‚Äď fazei que os celebremos devotamente em esp√≠rito e verdade. R.

(Inten√ß√Ķes livres)

Pai nosso ...

Oração
Deus eterno e todo-poderoso, que nos dais celebrar numa só festa os méritos de todos os Santos, concedei-nos, por intercessores tão numerosos, a plenitude da vossa misericórdia. Por nosso Senhor Jesus Cristo, vosso Filho, na unidade do Espírito Santo.

(Inten√ß√Ķes livres)

Ao Senhor glorificado na assembleia de seus santos,
vinde todos, adoremos!
Glória ao Pai, ao Filho e ao Espírito Santo,
como era no princípio, agora e sempre.
Amém
Hino
Jesus, que o mundo salvastes,
dos que remistes cuidai.
E vós, Mãe santa de Deus,
por nós a Deus suplicai.

Os coros todos dos Anjos,
patriarcal legi√£o,
Profetas de tantos méritos,
pedi por nós o perdão.

√ď Precursor do Messias,
ó Ostiário dos céus,
com os Apóstolos todos,
quebrai os laços dos réus.

Santa Assembleia dos M√°rtires;
vós, Confessores, Pastores,
Virgens prudentes e castas,
rogai por nós pecadores.

Que os monges peçam por nós
e todos que o céu habitam:
a vida eterna consigam
os que na terra militam.

Honra e louvor tributemos
ao Pai e ao Filho também,
com seu Amor, um só Deus,
por todo o sempre. Amém.

Salmo                                               8

√ď Senhor nosso Deus, como √© grande
vosso nome por todo o universo! 

Desdobrastes nos céus vossa glória 
com grandeza, esplendor, majestade. 
O perfeito louvor vos é dado
pelos lábios dos mais pequeninos,  
de crianças que a mãe amamenta. 

Eis a força que opondes aos maus, 
reduzindo o inimigo ao silêncio. 
Contemplando estes céus que plasmastes  
e formastes com dedos de artista; 

vendo a lua e estrelas brilhantes,  
perguntamos: 'Senhor, que é o homem,
para dele assim vos lembrardes  
e o tratardes com tanto carinho?' 

Pouco abaixo de Deus o fizestes,
coroando-o de glória e esplendor;
vós lhe destes poder sobre tudo,
vossas obras aos pés lhe pusestes: 

as ovelhas, os bois, os rebanhos,
todo o gado e as feras da mata; 
passarinhos e peixes dos mares,
todo ser que se move nas águas. 

√ď Senhor nosso Deus, como √© grande
vosso nome por todo o universo!

Glória ao Pai...

Leitura breve                        ..........................  ........    Ez  1,17-18
Que o Deus de nosso Senhor Jesus Cristo, o Pai a quem pertence a glória, vos dê um espírito de sabedoria que vo-lo revele e faça verdadeiramente conhecer. Que ele abra o vosso coração à sua luz, para que saibais qual a esperança que o seu chamamento vos dá, qual a riqueza da glória que está na vossa herança com os santos.

Os justos se alegram na presença do Senhor.
Rejubilam satisfeitos e exultam de alegria.

BENEDICTUS
Os justos brilhar√£o como o sol
no Reino de seu Pai, aleluia.

Bendito seja o Senhor Deus de Israel,
porque a seu povo visitou e libertou;

e fez surgir um poderoso Salvador
na casa de Davi, seu servidor,

como falara pela boca de seus santos,
os profetas desde os tempos mais antigos, 

para salvar-nos do poder dos inimigos
e da mão de todos quantos nos odeiam. 

Assim mostrou misericórdia a nossos pais,
recordando a sua santa Aliança 

e o juramento a Abra√£o, o nosso pai,
de conceder-nos que, libertos do inimigo, 

a ele nós sirvamos sem temor
em santidade e em justiça diante dele,
enquanto perdurarem nossos dias.

Serás profeta do Altíssimo, ó menino, 
pois irás andando à frente do Senhor
para aplainar e preparar os seus caminhos, 

anunciando ao seu povo a salvação,
que est√° na remiss√£o de seus pecados;

pela bondade e compaix√£o de nosso Deus,
que sobre nós fará brilhar o Sol nascente,

para iluminar a quantos jazem entre as trevas
e na sombra da morte estão sentados 

e para dirigir os nossos passos,
guiando-os no caminho da paz. 

Glória ao Pai...

Preces
Repletos de alegria, invoquemos a Deus, recompensa e glória de todos os santos e santas; e digamos:

R. Salvai-nos, Senhor, por intercess√£o de vossos santos!

Deus, fonte de santidade, que fizestes brilhar nos vossos santos e santas as maravilhas da vossa graça multiforme,
‚Äď concedei-nos celebrar neles a vossa bondade infinita. R.

Deus eterno e misericordioso, que mostrastes nos vossos santos e santas as imagens mais perfeitas do vosso Filho,
‚Äď fazei que, por eles, sejamos conduzidos a uma vida de maior uni√£o com Cristo. R.

Rei dos céus, que por meio dos fiéis seguidores de Cristo nos estimulais a buscar a cidade futura,
‚Äď ensinai-nos a seguir, com os vossos santos e santas, o melhor caminho para chegar √† p√°tria eterna. R.

Deus eterno, que pelo sacrifício eucarístico de vosso Filho nos unis mais intimamente aos habitantes do céu,
‚Äď fazei que os celebremos devotamente em esp√≠rito e verdade. R.

(Inten√ß√Ķes livres)

Pai nosso ...

Oração
Deus eterno e todo-poderoso, que nos dais celebrar numa só festa os méritos de todos os Santos, concedei-nos, por intercessores tão numerosos, a plenitude da vossa misericórdia. Por nosso Senhor Jesus Cristo, vosso Filho, na unidade do Espírito Santo.

Pai nosso ...

Ao Senhor glorificado na assembleia de seus santos,
vinde todos, adoremos!
Glória ao Pai, ao Filho e ao Espírito Santo,
como era no princípio, agora e sempre.
Amém
Hino
Jesus, que o mundo salvastes,
dos que remistes cuidai.
E vós, Mãe santa de Deus,
por nós a Deus suplicai.

Os coros todos dos Anjos,
patriarcal legi√£o,
Profetas de tantos méritos,
pedi por nós o perdão.

√ď Precursor do Messias,
ó Ostiário dos céus,
com os Apóstolos todos,
quebrai os laços dos réus.

Santa Assembleia dos M√°rtires;
vós, Confessores, Pastores,
Virgens prudentes e castas,
rogai por nós pecadores.

Que os monges peçam por nós
e todos que o céu habitam:
a vida eterna consigam
os que na terra militam.

Honra e louvor tributemos
ao Pai e ao Filho também,
com seu Amor, um só Deus,
por todo o sempre. Amém.

Salmo                                               8

√ď Senhor nosso Deus, como √© grande
vosso nome por todo o universo! 

Desdobrastes nos céus vossa glória 
com grandeza, esplendor, majestade. 
O perfeito louvor vos é dado
pelos lábios dos mais pequeninos,  
de crianças que a mãe amamenta. 

Eis a força que opondes aos maus, 
reduzindo o inimigo ao silêncio. 
Contemplando estes céus que plasmastes  
e formastes com dedos de artista; 

vendo a lua e estrelas brilhantes,  
perguntamos: 'Senhor, que é o homem,
para dele assim vos lembrardes  
e o tratardes com tanto carinho?' 

Pouco abaixo de Deus o fizestes,
coroando-o de glória e esplendor;
vós lhe destes poder sobre tudo,
vossas obras aos pés lhe pusestes: 

as ovelhas, os bois, os rebanhos,
todo o gado e as feras da mata; 
passarinhos e peixes dos mares,
todo ser que se move nas águas. 

√ď Senhor nosso Deus, como √© grande
vosso nome por todo o universo!

Glória ao Pai...

Leitura breve                        ..........................  ........    Ez  1,17-18
Que o Deus de nosso Senhor Jesus Cristo, o Pai a quem pertence a glória, vos dê um espírito de sabedoria que vo-lo revele e faça verdadeiramente conhecer. Que ele abra o vosso coração à sua luz, para que saibais qual a esperança que o seu chamamento vos dá, qual a riqueza da glória que está na vossa herança com os santos.

Os justos se alegram na presença do Senhor.
Rejubilam satisfeitos e exultam de alegria.

BENEDICTUS
Os justos brilhar√£o como o sol
no Reino de seu Pai, aleluia.

Bendito seja o Senhor Deus de Israel,
porque a seu povo visitou e libertou;

e fez surgir um poderoso Salvador
na casa de Davi, seu servidor,

como falara pela boca de seus santos,
os profetas desde os tempos mais antigos, 

para salvar-nos do poder dos inimigos
e da mão de todos quantos nos odeiam. 

Assim mostrou misericórdia a nossos pais,
recordando a sua santa Aliança 

e o juramento a Abra√£o, o nosso pai,
de conceder-nos que, libertos do inimigo, 

a ele nós sirvamos sem temor
em santidade e em justiça diante dele,
enquanto perdurarem nossos dias.

Serás profeta do Altíssimo, ó menino, 
pois irás andando à frente do Senhor
para aplainar e preparar os seus caminhos, 

anunciando ao seu povo a salvação,
que est√° na remiss√£o de seus pecados;

pela bondade e compaix√£o de nosso Deus,
que sobre nós fará brilhar o Sol nascente,

para iluminar a quantos jazem entre as trevas
e na sombra da morte estão sentados 

e para dirigir os nossos passos,
guiando-os no caminho da paz. 

Glória ao Pai...

Preces
Repletos de alegria, invoquemos a Deus, recompensa e glória de todos os santos e santas; e digamos:

R. Salvai-nos, Senhor, por intercess√£o de vossos santos!

Deus, fonte de santidade, que fizestes brilhar nos vossos santos e santas as maravilhas da vossa graça multiforme,
‚Äď concedei-nos celebrar neles a vossa bondade infinita. R.

Deus eterno e misericordioso, que mostrastes nos vossos santos e santas as imagens mais perfeitas do vosso Filho,
‚Äď fazei que, por eles, sejamos conduzidos a uma vida de maior uni√£o com Cristo. R.

Rei dos céus, que por meio dos fiéis seguidores de Cristo nos estimulais a buscar a cidade futura,
‚Äď ensinai-nos a seguir, com os vossos santos e santas, o melhor caminho para chegar √† p√°tria eterna. R.

Deus eterno, que pelo sacrifício eucarístico de vosso Filho nos unis mais intimamente aos habitantes do céu,
‚Äď fazei que os celebremos devotamente em esp√≠rito e verdade. R.

(Inten√ß√Ķes livres)

Pai nosso ...

Oração
Deus eterno e todo-poderoso, que nos dais celebrar numa só festa os méritos de todos os Santos, concedei-nos, por intercessores tão numerosos, a plenitude da vossa misericórdia. Por nosso Senhor Jesus Cristo, vosso Filho, na unidade do Espírito Santo.

Oração

Deus eterno e todo-poderoso, que nos dais celebrar numa só festa os méritos de todos os Santos, concedei-nos, por intercessores tão numerosos, a plenitude da vossa misericórdia. Por nosso Senhor Jesus Cristo, vosso Filho, na unidade do Espírito Santo.

Ao Senhor glorificado na assembleia de seus santos,
vinde todos, adoremos!
Glória ao Pai, ao Filho e ao Espírito Santo,
como era no princípio, agora e sempre.
Amém
Hino
Jesus, que o mundo salvastes,
dos que remistes cuidai.
E vós, Mãe santa de Deus,
por nós a Deus suplicai.

Os coros todos dos Anjos,
patriarcal legi√£o,
Profetas de tantos méritos,
pedi por nós o perdão.

√ď Precursor do Messias,
ó Ostiário dos céus,
com os Apóstolos todos,
quebrai os laços dos réus.

Santa Assembleia dos M√°rtires;
vós, Confessores, Pastores,
Virgens prudentes e castas,
rogai por nós pecadores.

Que os monges peçam por nós
e todos que o céu habitam:
a vida eterna consigam
os que na terra militam.

Honra e louvor tributemos
ao Pai e ao Filho também,
com seu Amor, um só Deus,
por todo o sempre. Amém.

Salmo                                               8

√ď Senhor nosso Deus, como √© grande
vosso nome por todo o universo! 

Desdobrastes nos céus vossa glória 
com grandeza, esplendor, majestade. 
O perfeito louvor vos é dado
pelos lábios dos mais pequeninos,  
de crianças que a mãe amamenta. 

Eis a força que opondes aos maus, 
reduzindo o inimigo ao silêncio. 
Contemplando estes céus que plasmastes  
e formastes com dedos de artista; 

vendo a lua e estrelas brilhantes,  
perguntamos: 'Senhor, que é o homem,
para dele assim vos lembrardes  
e o tratardes com tanto carinho?' 

Pouco abaixo de Deus o fizestes,
coroando-o de glória e esplendor;
vós lhe destes poder sobre tudo,
vossas obras aos pés lhe pusestes: 

as ovelhas, os bois, os rebanhos,
todo o gado e as feras da mata; 
passarinhos e peixes dos mares,
todo ser que se move nas águas. 

√ď Senhor nosso Deus, como √© grande
vosso nome por todo o universo!

Glória ao Pai...

Leitura breve                        ..........................  ........    Ez  1,17-18
Que o Deus de nosso Senhor Jesus Cristo, o Pai a quem pertence a glória, vos dê um espírito de sabedoria que vo-lo revele e faça verdadeiramente conhecer. Que ele abra o vosso coração à sua luz, para que saibais qual a esperança que o seu chamamento vos dá, qual a riqueza da glória que está na vossa herança com os santos.

Os justos se alegram na presença do Senhor.
Rejubilam satisfeitos e exultam de alegria.

BENEDICTUS
Os justos brilhar√£o como o sol
no Reino de seu Pai, aleluia.

Bendito seja o Senhor Deus de Israel,
porque a seu povo visitou e libertou;

e fez surgir um poderoso Salvador
na casa de Davi, seu servidor,

como falara pela boca de seus santos,
os profetas desde os tempos mais antigos, 

para salvar-nos do poder dos inimigos
e da mão de todos quantos nos odeiam. 

Assim mostrou misericórdia a nossos pais,
recordando a sua santa Aliança 

e o juramento a Abra√£o, o nosso pai,
de conceder-nos que, libertos do inimigo, 

a ele nós sirvamos sem temor
em santidade e em justiça diante dele,
enquanto perdurarem nossos dias.

Serás profeta do Altíssimo, ó menino, 
pois irás andando à frente do Senhor
para aplainar e preparar os seus caminhos, 

anunciando ao seu povo a salvação,
que est√° na remiss√£o de seus pecados;

pela bondade e compaix√£o de nosso Deus,
que sobre nós fará brilhar o Sol nascente,

para iluminar a quantos jazem entre as trevas
e na sombra da morte estão sentados 

e para dirigir os nossos passos,
guiando-os no caminho da paz. 

Glória ao Pai...

Preces
Repletos de alegria, invoquemos a Deus, recompensa e glória de todos os santos e santas; e digamos:

R. Salvai-nos, Senhor, por intercess√£o de vossos santos!

Deus, fonte de santidade, que fizestes brilhar nos vossos santos e santas as maravilhas da vossa graça multiforme,
‚Äď concedei-nos celebrar neles a vossa bondade infinita. R.

Deus eterno e misericordioso, que mostrastes nos vossos santos e santas as imagens mais perfeitas do vosso Filho,
‚Äď fazei que, por eles, sejamos conduzidos a uma vida de maior uni√£o com Cristo. R.

Rei dos céus, que por meio dos fiéis seguidores de Cristo nos estimulais a buscar a cidade futura,
‚Äď ensinai-nos a seguir, com os vossos santos e santas, o melhor caminho para chegar √† p√°tria eterna. R.

Deus eterno, que pelo sacrifício eucarístico de vosso Filho nos unis mais intimamente aos habitantes do céu,
‚Äď fazei que os celebremos devotamente em esp√≠rito e verdade. R.

(Inten√ß√Ķes livres)

Pai nosso ...

Oração
Deus eterno e todo-poderoso, que nos dais celebrar numa só festa os méritos de todos os Santos, concedei-nos, por intercessores tão numerosos, a plenitude da vossa misericórdia. Por nosso Senhor Jesus Cristo, vosso Filho, na unidade do Espírito Santo.

Meditação do dia

Alegrai-vos e exultai, porque será grande a vossa recompensa nos céus.

Cristo Senhor nosso mostrou seu amor √† esposa imaculada n√£o s√≥ trabalhando incansavelmente e orando constantemente, sen√£o tamb√©m com as dores e ignom√≠nias que, por ela, espont√Ęnea e amorosamente tolerou. "Tendo amado aos seus... amou-os at√© ao fim" (Jo 13,1) e foi com seu sangue que ele adquiriu a Igreja (cf. At 20,28). Sigamos de boa vontade as sanguinolentas pisadas de nosso Rei, como exige a necessidade de assegurarmos a nossa salva√ß√£o: "Se fomos enxertados nele pela semelhan√ßa da sua morte, s√™-lo-emos tamb√©m pela ressurrei√ß√£o" (Rm 6,5) e "se morrermos com ele, com ele viveremos" (2Tm 2,11). Exige-o igualmente a caridade verdadeira e efetiva para com a Igreja e para com as almas, que ela continuamente gera a Cristo. Com efeito, ainda que o Salvador, pelos seus cru√©is tormentos e morte doloros√≠ssima, mereceu √† Igreja um tesouro infinito de gra√ßas, contudo essas gra√ßas, por disposi√ß√£o da provid√™ncia divina, s√£o-nos comunicadas por partes; e a sua maior ou menor abund√Ęncia depende n√£o pouco tamb√©m das nossas boas obras, com que impetramos da bondade divina e atra√≠mos sobre os pr√≥ximos a chuva dos dons celestes. Ser√° esta chuva abundant√≠ssima, se n√£o nos contentarmos em oferecer a Deus fervorosas preces, sobretudo participando devotamente e, quanto poss√≠vel, todos os dias, ao sacrif√≠cio eucar√≠stico, mas tamb√©m procuramos, com obras de miseric√≥rdia crist√£, aliviar os sofrimentos de tantos indigentes; se preferirmos os bens eternos √†s coisas caducas deste mundo; se refrearmos este corpo mortal com volunt√°ria mortifica√ß√£o, negando-lhe todo o il√≠cito, e impondo-lhe fadigas e austeridades; se recebermos com humildade, como da m√£o de Deus, os trabalhos e dores desta vida presente. E assim que, segundo o Ap√≥stolo, "completaremos o que falta √† paix√£o de Cristo na nossa carne, por amor do seu corpo que √© a Igreja" (cf. Cl 1,24). Enquanto isto escrevemos, depara-se-nos √† vista uma quase infinita multid√£o de infelizes, cuja sorte nos arranca l√°grimas da maior compaix√£o: doentes, pobres, mutilados, ca√≠dos na viuvez ou na orfandade, e muit√≠ssimos que em consequ√™ncia dos sofrimentos pr√≥prios ou dos seus se veem √†s portas da morte. A todos os que assim, por um motivo ou por outro, jazem imersos na tristeza e na ang√ļstia, exortamos com cora√ß√£o paterno a que levantem confiadamente os olhos ao c√©u e ofere√ßam os seus trabalhos √†quele que um dia os recompensar√° divinamente. Lembrem-se todos que a sua dor n√£o √© in√ļtil; mas que ser√° proveitos√≠ssima a eles, e tamb√©m √† Igreja, se com esta inten√ß√£o a sofrerem pacientemente. Para isso ajud√°-los-√° muit√≠ssimo o oferecimento cotidiano de si mesmos a Deus, como usam fazer os membros do Apostolado da ora√ß√£o, pia associa√ß√£o, que n√≥s aqui encarecidamente recomendamos, como sumamente aceita ao Senhor.
Papa Pio XII
Encíclica Mystici corporis, n. 103 (1943).

Alegrai-vos e exultai, porque será grande a vossa recompensa nos céus.

Alegrai-vos e exultai, porque será grande a vossa recompensa nos céus.

Cristo Senhor nosso mostrou seu amor √† esposa imaculada n√£o s√≥ trabalhando incansavelmente e orando constantemente, sen√£o tamb√©m com as dores e ignom√≠nias que, por ela, espont√Ęnea e amorosamente tolerou. "Tendo amado aos seus... amou-os at√© ao fim" (Jo 13,1) e foi com seu sangue que ele adquiriu a Igreja (cf. At 20,28). Sigamos de boa vontade as sanguinolentas pisadas de nosso Rei, como exige a necessidade de assegurarmos a nossa salva√ß√£o: "Se fomos enxertados nele pela semelhan√ßa da sua morte, s√™-lo-emos tamb√©m pela ressurrei√ß√£o" (Rm 6,5) e "se morrermos com ele, com ele viveremos" (2Tm 2,11). Exige-o igualmente a caridade verdadeira e efetiva para com a Igreja e para com as almas, que ela continuamente gera a Cristo. Com efeito, ainda que o Salvador, pelos seus cru√©is tormentos e morte doloros√≠ssima, mereceu √† Igreja um tesouro infinito de gra√ßas, contudo essas gra√ßas, por disposi√ß√£o da provid√™ncia divina, s√£o-nos comunicadas por partes; e a sua maior ou menor abund√Ęncia depende n√£o pouco tamb√©m das nossas boas obras, com que impetramos da bondade divina e atra√≠mos sobre os pr√≥ximos a chuva dos dons celestes. Ser√° esta chuva abundant√≠ssima, se n√£o nos contentarmos em oferecer a Deus fervorosas preces, sobretudo participando devotamente e, quanto poss√≠vel, todos os dias, ao sacrif√≠cio eucar√≠stico, mas tamb√©m procuramos, com obras de miseric√≥rdia crist√£, aliviar os sofrimentos de tantos indigentes; se preferirmos os bens eternos √†s coisas caducas deste mundo; se refrearmos este corpo mortal com volunt√°ria mortifica√ß√£o, negando-lhe todo o il√≠cito, e impondo-lhe fadigas e austeridades; se recebermos com humildade, como da m√£o de Deus, os trabalhos e dores desta vida presente. E assim que, segundo o Ap√≥stolo, "completaremos o que falta √† paix√£o de Cristo na nossa carne, por amor do seu corpo que √© a Igreja" (cf. Cl 1,24). Enquanto isto escrevemos, depara-se-nos √† vista uma quase infinita multid√£o de infelizes, cuja sorte nos arranca l√°grimas da maior compaix√£o: doentes, pobres, mutilados, ca√≠dos na viuvez ou na orfandade, e muit√≠ssimos que em consequ√™ncia dos sofrimentos pr√≥prios ou dos seus se veem √†s portas da morte. A todos os que assim, por um motivo ou por outro, jazem imersos na tristeza e na ang√ļstia, exortamos com cora√ß√£o paterno a que levantem confiadamente os olhos ao c√©u e ofere√ßam os seus trabalhos √†quele que um dia os recompensar√° divinamente. Lembrem-se todos que a sua dor n√£o √© in√ļtil; mas que ser√° proveitos√≠ssima a eles, e tamb√©m √† Igreja, se com esta inten√ß√£o a sofrerem pacientemente. Para isso ajud√°-los-√° muit√≠ssimo o oferecimento cotidiano de si mesmos a Deus, como usam fazer os membros do Apostolado da ora√ß√£o, pia associa√ß√£o, que n√≥s aqui encarecidamente recomendamos, como sumamente aceita ao Senhor.
Papa Pio XII
Encíclica Mystici corporis, n. 103 (1943).

Cristo Senhor nosso mostrou seu amor √† esposa imaculada n√£o s√≥ trabalhando incansavelmente e orando constantemente, sen√£o tamb√©m com as dores e ignom√≠nias que, por ela, espont√Ęnea e amorosamente tolerou. "Tendo amado aos seus... amou-os at√© ao fim" (Jo 13,1) e foi com seu sangue que ele adquiriu a Igreja (cf. At 20,28). Sigamos de boa vontade as sanguinolentas pisadas de nosso Rei, como exige a necessidade de assegurarmos a nossa salva√ß√£o: "Se fomos enxertados nele pela semelhan√ßa da sua morte, s√™-lo-emos tamb√©m pela ressurrei√ß√£o" (Rm 6,5) e "se morrermos com ele, com ele viveremos" (2Tm 2,11). Exige-o igualmente a caridade verdadeira e efetiva para com a Igreja e para com as almas, que ela continuamente gera a Cristo. Com efeito, ainda que o Salvador, pelos seus cru√©is tormentos e morte doloros√≠ssima, mereceu √† Igreja um tesouro infinito de gra√ßas, contudo essas gra√ßas, por disposi√ß√£o da provid√™ncia divina, s√£o-nos comunicadas por partes; e a sua maior ou menor abund√Ęncia depende n√£o pouco tamb√©m das nossas boas obras, com que impetramos da bondade divina e atra√≠mos sobre os pr√≥ximos a chuva dos dons celestes. Ser√° esta chuva abundant√≠ssima, se n√£o nos contentarmos em oferecer a Deus fervorosas preces, sobretudo participando devotamente e, quanto poss√≠vel, todos os dias, ao sacrif√≠cio eucar√≠stico, mas tamb√©m procuramos, com obras de miseric√≥rdia crist√£, aliviar os sofrimentos de tantos indigentes; se preferirmos os bens eternos √†s coisas caducas deste mundo; se refrearmos este corpo mortal com volunt√°ria mortifica√ß√£o, negando-lhe todo o il√≠cito, e impondo-lhe fadigas e austeridades; se recebermos com humildade, como da m√£o de Deus, os trabalhos e dores desta vida presente. E assim que, segundo o Ap√≥stolo, "completaremos o que falta √† paix√£o de Cristo na nossa carne, por amor do seu corpo que √© a Igreja" (cf. Cl 1,24). Enquanto isto escrevemos, depara-se-nos √† vista uma quase infinita multid√£o de infelizes, cuja sorte nos arranca l√°grimas da maior compaix√£o: doentes, pobres, mutilados, ca√≠dos na viuvez ou na orfandade, e muit√≠ssimos que em consequ√™ncia dos sofrimentos pr√≥prios ou dos seus se veem √†s portas da morte. A todos os que assim, por um motivo ou por outro, jazem imersos na tristeza e na ang√ļstia, exortamos com cora√ß√£o paterno a que levantem confiadamente os olhos ao c√©u e ofere√ßam os seus trabalhos √†quele que um dia os recompensar√° divinamente. Lembrem-se todos que a sua dor n√£o √© in√ļtil; mas que ser√° proveitos√≠ssima a eles, e tamb√©m √† Igreja, se com esta inten√ß√£o a sofrerem pacientemente. Para isso ajud√°-los-√° muit√≠ssimo o oferecimento cotidiano de si mesmos a Deus, como usam fazer os membros do Apostolado da ora√ß√£o, pia associa√ß√£o, que n√≥s aqui encarecidamente recomendamos, como sumamente aceita ao Senhor.

Papa Pio XII

Encíclica Mystici corporis, n. 103 (1943).

Oração para esta tarde

Só em Deus encontramos repouso:
somente dele nos vem o auxílio!
Glória ao Pai, ao Filho e ao Espírito Santo,
como era no princípio, agora e sempre.
Amém.

Hino
Redentor de todos, Cristo,
vossos servos conservais,
abrandado pela Virgem
com suas preces maternais.

Multid√Ķes celestiais
dos espíritos amigos,
ontem, hoje e no futuro
defendei-nos do inimigo.

Do eternal Juiz profetas
e apóstolos do Senhor,
nos salvai com vossos rogos,
escutai nosso clamor.

Santos m√°rtires de Deus,
confessores luminosos,
vossas preces nos conduzam
para o céu, vitoriosos.

Santos monges e eremitas,
santos coros virginais,
dai-nos sermos os convivas
do Senhor, com quem reinais.

Nossa voz à vossa unimos,
dando graças ao Senhor.
E paguemos, na alegria,
nossa dívida em louvor.
C√Ęntico¬†¬†¬† ¬†¬†¬† ¬†¬†¬† ¬†¬†¬† ¬†¬†¬† ¬†¬†¬† ¬†¬†¬† ¬†¬†¬† Ap 4,11; 5,9.10.12

Vós sois digno, Senhor nosso Deus,
de receber honra, glória e poder!

Porque todas as coisas criastes,
é por vossa vontade que existem
e subsistem porque vós mandais.

Vós sois digno, Senhor nosso Deus,
de o livro nas m√£os receber
e de abrir suas folhas lacradas!

Porque fostes por nós imolado;
para Deus nos remiu vosso sangue
dentre todas as tribos e línguas,
dentre os povos da terra e na√ß√Ķes.

Pois fizestes de nós, para Deus,
sacerdotes e povo de reis,
e iremos reinar sobre a terra.

O Cordeiro imolado é digno
de receber honra, glória e poder,
sabedoria, louvor, divindade!

Glória ao Pai...

Leitura                                                                                                       2Cor 6,16b; 7,1
Vós sois templo de Deus vivo, como disse o próprio Deus: Eu habitarei no meio deles e andarei entre eles. Serei o seu Deus e eles serão o meu povo. Caríssimos, nós que recebemos essas promessas, purifiquemo-nos de toda mancha da carne e do espírito, completando a nossa santificação, no temor de Deus.

Vós santos e eleitos, alegrai-vos no Senhor!
Porque Deus vos escolheu para serdes sua herança.

MAGNIFICAT
Oh, quão glorioso é o Reino onde gozam os santos com Cristo.
Vestidos de brancas roupagens, seguem sempre o Cordeiro onde for.

A minha alma engrandece ao Senhor
e se alegrou o meu espírito em Deus, meu Salvador;
pois ele viu a pequenez de sua serva,
desde agora as gera√ß√Ķes h√£o de chamar-me de bendita.¬†

O Poderoso fez por mim maravilhas
e Santo é o seu nome! 
Seu amor, de geração em geração,
chega a todos que o respeitam; 

demonstrou o poder de seu braço,
dispersou os orgulhosos;
derrubou os poderosos de seus tronos
e os humildes exaltou;

De bens saciou os famintos,
e despediu, sem nada, os ricos.
Acolheu Israel, seu servidor,
fiel ao seu amor,

como havia prometido aos nossos pais,
em favor de Abraão e de seus filhos, para sempre. 

Glória ao Pai...

Preces
Repletos de alegria, invoquemos a Deus, recompensa e glória de todos os santos e santas; e digamos:

R. Salvai-nos, Senhor, por intercess√£o de vossos santos!

Deus de infinita sabedoria que, por Cristo, constituístes os apóstolos como fundamentos da fé da Igreja,
‚Äď conservai-nos fi√©is √† f√© que eles nos ensinaram. R.

Vós, que destes aos mártires a coragem do testemunho até derramarem o próprio sangue,
‚Äď tornai os crist√£os testemunhas fi√©is do vosso Filho. R.

Vós, que concedestes às santas Virgens o dom inestimável de imitar a Cristo virgem,
‚Äď fazei que todos reconhe√ßam a virgindade consagrada a v√≥s como aut√™ntico sinal do reino dos c√©us. R.

Vós, que manifestais em todos os santos e santas a vossa presença, o vosso rosto e a vossa palavra,
‚Äď dai-nos a gra√ßa de nos sentirmos mais pr√≥ximos de v√≥s quando os honramos. R.

(Inten√ß√Ķes livres)

Concedei aos que morreram viver eternamente no céu com a Virgem Maria, São José e todos os santos e santas,
‚Äď e, por intercess√£o deles, fazei-nos participar da sua companhia. R.

Pai nosso...

ANT√ćFONA MARIANA
Salve Rainha, Mãe de Misericórdia, vida e doçura esperança nossa salve! A vós bradamos os degredados filhos de Eva.
A vós suspiramos gemendo e chorando neste vale de lágrimas.
Eia, pois advogada nossa, esses vossos olhos misericordiosos a nós volvei, e depois deste desterro, mostrai-nos Jesus, bendito fruto do vosso ventre, ó clemente, ó piedosa ó doce e sempre Virgem Maria.
Rogai por nós Santa Mãe de Deus, para que sejamos dignos das promessas de Cristo. Amém

Só em Deus encontramos repouso:

somente dele nos vem o auxílio!

Glória ao Pai, ao Filho e ao Espírito Santo,

como era no princípio, agora e sempre.

Amém.

Só em Deus encontramos repouso:
somente dele nos vem o auxílio!
Glória ao Pai, ao Filho e ao Espírito Santo,
como era no princípio, agora e sempre.
Amém.

Hino
Redentor de todos, Cristo,
vossos servos conservais,
abrandado pela Virgem
com suas preces maternais.

Multid√Ķes celestiais
dos espíritos amigos,
ontem, hoje e no futuro
defendei-nos do inimigo.

Do eternal Juiz profetas
e apóstolos do Senhor,
nos salvai com vossos rogos,
escutai nosso clamor.

Santos m√°rtires de Deus,
confessores luminosos,
vossas preces nos conduzam
para o céu, vitoriosos.

Santos monges e eremitas,
santos coros virginais,
dai-nos sermos os convivas
do Senhor, com quem reinais.

Nossa voz à vossa unimos,
dando graças ao Senhor.
E paguemos, na alegria,
nossa dívida em louvor.
C√Ęntico¬†¬†¬† ¬†¬†¬† ¬†¬†¬† ¬†¬†¬† ¬†¬†¬† ¬†¬†¬† ¬†¬†¬† ¬†¬†¬† Ap 4,11; 5,9.10.12

Vós sois digno, Senhor nosso Deus,
de receber honra, glória e poder!

Porque todas as coisas criastes,
é por vossa vontade que existem
e subsistem porque vós mandais.

Vós sois digno, Senhor nosso Deus,
de o livro nas m√£os receber
e de abrir suas folhas lacradas!

Porque fostes por nós imolado;
para Deus nos remiu vosso sangue
dentre todas as tribos e línguas,
dentre os povos da terra e na√ß√Ķes.

Pois fizestes de nós, para Deus,
sacerdotes e povo de reis,
e iremos reinar sobre a terra.

O Cordeiro imolado é digno
de receber honra, glória e poder,
sabedoria, louvor, divindade!

Glória ao Pai...

Leitura                                                                                                       2Cor 6,16b; 7,1
Vós sois templo de Deus vivo, como disse o próprio Deus: Eu habitarei no meio deles e andarei entre eles. Serei o seu Deus e eles serão o meu povo. Caríssimos, nós que recebemos essas promessas, purifiquemo-nos de toda mancha da carne e do espírito, completando a nossa santificação, no temor de Deus.

Vós santos e eleitos, alegrai-vos no Senhor!
Porque Deus vos escolheu para serdes sua herança.

MAGNIFICAT
Oh, quão glorioso é o Reino onde gozam os santos com Cristo.
Vestidos de brancas roupagens, seguem sempre o Cordeiro onde for.

A minha alma engrandece ao Senhor
e se alegrou o meu espírito em Deus, meu Salvador;
pois ele viu a pequenez de sua serva,
desde agora as gera√ß√Ķes h√£o de chamar-me de bendita.¬†

O Poderoso fez por mim maravilhas
e Santo é o seu nome! 
Seu amor, de geração em geração,
chega a todos que o respeitam; 

demonstrou o poder de seu braço,
dispersou os orgulhosos;
derrubou os poderosos de seus tronos
e os humildes exaltou;

De bens saciou os famintos,
e despediu, sem nada, os ricos.
Acolheu Israel, seu servidor,
fiel ao seu amor,

como havia prometido aos nossos pais,
em favor de Abraão e de seus filhos, para sempre. 

Glória ao Pai...

Preces
Repletos de alegria, invoquemos a Deus, recompensa e glória de todos os santos e santas; e digamos:

R. Salvai-nos, Senhor, por intercess√£o de vossos santos!

Deus de infinita sabedoria que, por Cristo, constituístes os apóstolos como fundamentos da fé da Igreja,
‚Äď conservai-nos fi√©is √† f√© que eles nos ensinaram. R.

Vós, que destes aos mártires a coragem do testemunho até derramarem o próprio sangue,
‚Äď tornai os crist√£os testemunhas fi√©is do vosso Filho. R.

Vós, que concedestes às santas Virgens o dom inestimável de imitar a Cristo virgem,
‚Äď fazei que todos reconhe√ßam a virgindade consagrada a v√≥s como aut√™ntico sinal do reino dos c√©us. R.

Vós, que manifestais em todos os santos e santas a vossa presença, o vosso rosto e a vossa palavra,
‚Äď dai-nos a gra√ßa de nos sentirmos mais pr√≥ximos de v√≥s quando os honramos. R.

(Inten√ß√Ķes livres)

Concedei aos que morreram viver eternamente no céu com a Virgem Maria, São José e todos os santos e santas,
‚Äď e, por intercess√£o deles, fazei-nos participar da sua companhia. R.

Pai nosso...

ANT√ćFONA MARIANA
Salve Rainha, Mãe de Misericórdia, vida e doçura esperança nossa salve! A vós bradamos os degredados filhos de Eva.
A vós suspiramos gemendo e chorando neste vale de lágrimas.
Eia, pois advogada nossa, esses vossos olhos misericordiosos a nós volvei, e depois deste desterro, mostrai-nos Jesus, bendito fruto do vosso ventre, ó clemente, ó piedosa ó doce e sempre Virgem Maria.
Rogai por nós Santa Mãe de Deus, para que sejamos dignos das promessas de Cristo. Amém

Hino

Redentor de todos, Cristo,

vossos servos conservais,

abrandado pela Virgem

com suas preces maternais.

Só em Deus encontramos repouso:
somente dele nos vem o auxílio!
Glória ao Pai, ao Filho e ao Espírito Santo,
como era no princípio, agora e sempre.
Amém.

Hino
Redentor de todos, Cristo,
vossos servos conservais,
abrandado pela Virgem
com suas preces maternais.

Multid√Ķes celestiais
dos espíritos amigos,
ontem, hoje e no futuro
defendei-nos do inimigo.

Do eternal Juiz profetas
e apóstolos do Senhor,
nos salvai com vossos rogos,
escutai nosso clamor.

Santos m√°rtires de Deus,
confessores luminosos,
vossas preces nos conduzam
para o céu, vitoriosos.

Santos monges e eremitas,
santos coros virginais,
dai-nos sermos os convivas
do Senhor, com quem reinais.

Nossa voz à vossa unimos,
dando graças ao Senhor.
E paguemos, na alegria,
nossa dívida em louvor.
C√Ęntico¬†¬†¬† ¬†¬†¬† ¬†¬†¬† ¬†¬†¬† ¬†¬†¬† ¬†¬†¬† ¬†¬†¬† ¬†¬†¬† Ap 4,11; 5,9.10.12

Vós sois digno, Senhor nosso Deus,
de receber honra, glória e poder!

Porque todas as coisas criastes,
é por vossa vontade que existem
e subsistem porque vós mandais.

Vós sois digno, Senhor nosso Deus,
de o livro nas m√£os receber
e de abrir suas folhas lacradas!

Porque fostes por nós imolado;
para Deus nos remiu vosso sangue
dentre todas as tribos e línguas,
dentre os povos da terra e na√ß√Ķes.

Pois fizestes de nós, para Deus,
sacerdotes e povo de reis,
e iremos reinar sobre a terra.

O Cordeiro imolado é digno
de receber honra, glória e poder,
sabedoria, louvor, divindade!

Glória ao Pai...

Leitura                                                                                                       2Cor 6,16b; 7,1
Vós sois templo de Deus vivo, como disse o próprio Deus: Eu habitarei no meio deles e andarei entre eles. Serei o seu Deus e eles serão o meu povo. Caríssimos, nós que recebemos essas promessas, purifiquemo-nos de toda mancha da carne e do espírito, completando a nossa santificação, no temor de Deus.

Vós santos e eleitos, alegrai-vos no Senhor!
Porque Deus vos escolheu para serdes sua herança.

MAGNIFICAT
Oh, quão glorioso é o Reino onde gozam os santos com Cristo.
Vestidos de brancas roupagens, seguem sempre o Cordeiro onde for.

A minha alma engrandece ao Senhor
e se alegrou o meu espírito em Deus, meu Salvador;
pois ele viu a pequenez de sua serva,
desde agora as gera√ß√Ķes h√£o de chamar-me de bendita.¬†

O Poderoso fez por mim maravilhas
e Santo é o seu nome! 
Seu amor, de geração em geração,
chega a todos que o respeitam; 

demonstrou o poder de seu braço,
dispersou os orgulhosos;
derrubou os poderosos de seus tronos
e os humildes exaltou;

De bens saciou os famintos,
e despediu, sem nada, os ricos.
Acolheu Israel, seu servidor,
fiel ao seu amor,

como havia prometido aos nossos pais,
em favor de Abraão e de seus filhos, para sempre. 

Glória ao Pai...

Preces
Repletos de alegria, invoquemos a Deus, recompensa e glória de todos os santos e santas; e digamos:

R. Salvai-nos, Senhor, por intercess√£o de vossos santos!

Deus de infinita sabedoria que, por Cristo, constituístes os apóstolos como fundamentos da fé da Igreja,
‚Äď conservai-nos fi√©is √† f√© que eles nos ensinaram. R.

Vós, que destes aos mártires a coragem do testemunho até derramarem o próprio sangue,
‚Äď tornai os crist√£os testemunhas fi√©is do vosso Filho. R.

Vós, que concedestes às santas Virgens o dom inestimável de imitar a Cristo virgem,
‚Äď fazei que todos reconhe√ßam a virgindade consagrada a v√≥s como aut√™ntico sinal do reino dos c√©us. R.

Vós, que manifestais em todos os santos e santas a vossa presença, o vosso rosto e a vossa palavra,
‚Äď dai-nos a gra√ßa de nos sentirmos mais pr√≥ximos de v√≥s quando os honramos. R.

(Inten√ß√Ķes livres)

Concedei aos que morreram viver eternamente no céu com a Virgem Maria, São José e todos os santos e santas,
‚Äď e, por intercess√£o deles, fazei-nos participar da sua companhia. R.

Pai nosso...

ANT√ćFONA MARIANA
Salve Rainha, Mãe de Misericórdia, vida e doçura esperança nossa salve! A vós bradamos os degredados filhos de Eva.
A vós suspiramos gemendo e chorando neste vale de lágrimas.
Eia, pois advogada nossa, esses vossos olhos misericordiosos a nós volvei, e depois deste desterro, mostrai-nos Jesus, bendito fruto do vosso ventre, ó clemente, ó piedosa ó doce e sempre Virgem Maria.
Rogai por nós Santa Mãe de Deus, para que sejamos dignos das promessas de Cristo. Amém

Multid√Ķes celestiais

dos espíritos amigos,

ontem, hoje e no futuro

defendei-nos do inimigo.

Só em Deus encontramos repouso:
somente dele nos vem o auxílio!
Glória ao Pai, ao Filho e ao Espírito Santo,
como era no princípio, agora e sempre.
Amém.

Hino
Redentor de todos, Cristo,
vossos servos conservais,
abrandado pela Virgem
com suas preces maternais.

Multid√Ķes celestiais
dos espíritos amigos,
ontem, hoje e no futuro
defendei-nos do inimigo.

Do eternal Juiz profetas
e apóstolos do Senhor,
nos salvai com vossos rogos,
escutai nosso clamor.

Santos m√°rtires de Deus,
confessores luminosos,
vossas preces nos conduzam
para o céu, vitoriosos.

Santos monges e eremitas,
santos coros virginais,
dai-nos sermos os convivas
do Senhor, com quem reinais.

Nossa voz à vossa unimos,
dando graças ao Senhor.
E paguemos, na alegria,
nossa dívida em louvor.
C√Ęntico¬†¬†¬† ¬†¬†¬† ¬†¬†¬† ¬†¬†¬† ¬†¬†¬† ¬†¬†¬† ¬†¬†¬† ¬†¬†¬† Ap 4,11; 5,9.10.12

Vós sois digno, Senhor nosso Deus,
de receber honra, glória e poder!

Porque todas as coisas criastes,
é por vossa vontade que existem
e subsistem porque vós mandais.

Vós sois digno, Senhor nosso Deus,
de o livro nas m√£os receber
e de abrir suas folhas lacradas!

Porque fostes por nós imolado;
para Deus nos remiu vosso sangue
dentre todas as tribos e línguas,
dentre os povos da terra e na√ß√Ķes.

Pois fizestes de nós, para Deus,
sacerdotes e povo de reis,
e iremos reinar sobre a terra.

O Cordeiro imolado é digno
de receber honra, glória e poder,
sabedoria, louvor, divindade!

Glória ao Pai...

Leitura                                                                                                       2Cor 6,16b; 7,1
Vós sois templo de Deus vivo, como disse o próprio Deus: Eu habitarei no meio deles e andarei entre eles. Serei o seu Deus e eles serão o meu povo. Caríssimos, nós que recebemos essas promessas, purifiquemo-nos de toda mancha da carne e do espírito, completando a nossa santificação, no temor de Deus.

Vós santos e eleitos, alegrai-vos no Senhor!
Porque Deus vos escolheu para serdes sua herança.

MAGNIFICAT
Oh, quão glorioso é o Reino onde gozam os santos com Cristo.
Vestidos de brancas roupagens, seguem sempre o Cordeiro onde for.

A minha alma engrandece ao Senhor
e se alegrou o meu espírito em Deus, meu Salvador;
pois ele viu a pequenez de sua serva,
desde agora as gera√ß√Ķes h√£o de chamar-me de bendita.¬†

O Poderoso fez por mim maravilhas
e Santo é o seu nome! 
Seu amor, de geração em geração,
chega a todos que o respeitam; 

demonstrou o poder de seu braço,
dispersou os orgulhosos;
derrubou os poderosos de seus tronos
e os humildes exaltou;

De bens saciou os famintos,
e despediu, sem nada, os ricos.
Acolheu Israel, seu servidor,
fiel ao seu amor,

como havia prometido aos nossos pais,
em favor de Abraão e de seus filhos, para sempre. 

Glória ao Pai...

Preces
Repletos de alegria, invoquemos a Deus, recompensa e glória de todos os santos e santas; e digamos:

R. Salvai-nos, Senhor, por intercess√£o de vossos santos!

Deus de infinita sabedoria que, por Cristo, constituístes os apóstolos como fundamentos da fé da Igreja,
‚Äď conservai-nos fi√©is √† f√© que eles nos ensinaram. R.

Vós, que destes aos mártires a coragem do testemunho até derramarem o próprio sangue,
‚Äď tornai os crist√£os testemunhas fi√©is do vosso Filho. R.

Vós, que concedestes às santas Virgens o dom inestimável de imitar a Cristo virgem,
‚Äď fazei que todos reconhe√ßam a virgindade consagrada a v√≥s como aut√™ntico sinal do reino dos c√©us. R.

Vós, que manifestais em todos os santos e santas a vossa presença, o vosso rosto e a vossa palavra,
‚Äď dai-nos a gra√ßa de nos sentirmos mais pr√≥ximos de v√≥s quando os honramos. R.

(Inten√ß√Ķes livres)

Concedei aos que morreram viver eternamente no céu com a Virgem Maria, São José e todos os santos e santas,
‚Äď e, por intercess√£o deles, fazei-nos participar da sua companhia. R.

Pai nosso...

ANT√ćFONA MARIANA
Salve Rainha, Mãe de Misericórdia, vida e doçura esperança nossa salve! A vós bradamos os degredados filhos de Eva.
A vós suspiramos gemendo e chorando neste vale de lágrimas.
Eia, pois advogada nossa, esses vossos olhos misericordiosos a nós volvei, e depois deste desterro, mostrai-nos Jesus, bendito fruto do vosso ventre, ó clemente, ó piedosa ó doce e sempre Virgem Maria.
Rogai por nós Santa Mãe de Deus, para que sejamos dignos das promessas de Cristo. Amém

Do eternal Juiz profetas

e apóstolos do Senhor,

nos salvai com vossos rogos,

escutai nosso clamor.

Só em Deus encontramos repouso:
somente dele nos vem o auxílio!
Glória ao Pai, ao Filho e ao Espírito Santo,
como era no princípio, agora e sempre.
Amém.

Hino
Redentor de todos, Cristo,
vossos servos conservais,
abrandado pela Virgem
com suas preces maternais.

Multid√Ķes celestiais
dos espíritos amigos,
ontem, hoje e no futuro
defendei-nos do inimigo.

Do eternal Juiz profetas
e apóstolos do Senhor,
nos salvai com vossos rogos,
escutai nosso clamor.

Santos m√°rtires de Deus,
confessores luminosos,
vossas preces nos conduzam
para o céu, vitoriosos.

Santos monges e eremitas,
santos coros virginais,
dai-nos sermos os convivas
do Senhor, com quem reinais.

Nossa voz à vossa unimos,
dando graças ao Senhor.
E paguemos, na alegria,
nossa dívida em louvor.
C√Ęntico¬†¬†¬† ¬†¬†¬† ¬†¬†¬† ¬†¬†¬† ¬†¬†¬† ¬†¬†¬† ¬†¬†¬† ¬†¬†¬† Ap 4,11; 5,9.10.12

Vós sois digno, Senhor nosso Deus,
de receber honra, glória e poder!

Porque todas as coisas criastes,
é por vossa vontade que existem
e subsistem porque vós mandais.

Vós sois digno, Senhor nosso Deus,
de o livro nas m√£os receber
e de abrir suas folhas lacradas!

Porque fostes por nós imolado;
para Deus nos remiu vosso sangue
dentre todas as tribos e línguas,
dentre os povos da terra e na√ß√Ķes.

Pois fizestes de nós, para Deus,
sacerdotes e povo de reis,
e iremos reinar sobre a terra.

O Cordeiro imolado é digno
de receber honra, glória e poder,
sabedoria, louvor, divindade!

Glória ao Pai...

Leitura                                                                                                       2Cor 6,16b; 7,1
Vós sois templo de Deus vivo, como disse o próprio Deus: Eu habitarei no meio deles e andarei entre eles. Serei o seu Deus e eles serão o meu povo. Caríssimos, nós que recebemos essas promessas, purifiquemo-nos de toda mancha da carne e do espírito, completando a nossa santificação, no temor de Deus.

Vós santos e eleitos, alegrai-vos no Senhor!
Porque Deus vos escolheu para serdes sua herança.

MAGNIFICAT
Oh, quão glorioso é o Reino onde gozam os santos com Cristo.
Vestidos de brancas roupagens, seguem sempre o Cordeiro onde for.

A minha alma engrandece ao Senhor
e se alegrou o meu espírito em Deus, meu Salvador;
pois ele viu a pequenez de sua serva,
desde agora as gera√ß√Ķes h√£o de chamar-me de bendita.¬†

O Poderoso fez por mim maravilhas
e Santo é o seu nome! 
Seu amor, de geração em geração,
chega a todos que o respeitam; 

demonstrou o poder de seu braço,
dispersou os orgulhosos;
derrubou os poderosos de seus tronos
e os humildes exaltou;

De bens saciou os famintos,
e despediu, sem nada, os ricos.
Acolheu Israel, seu servidor,
fiel ao seu amor,

como havia prometido aos nossos pais,
em favor de Abraão e de seus filhos, para sempre. 

Glória ao Pai...

Preces
Repletos de alegria, invoquemos a Deus, recompensa e glória de todos os santos e santas; e digamos:

R. Salvai-nos, Senhor, por intercess√£o de vossos santos!

Deus de infinita sabedoria que, por Cristo, constituístes os apóstolos como fundamentos da fé da Igreja,
‚Äď conservai-nos fi√©is √† f√© que eles nos ensinaram. R.

Vós, que destes aos mártires a coragem do testemunho até derramarem o próprio sangue,
‚Äď tornai os crist√£os testemunhas fi√©is do vosso Filho. R.

Vós, que concedestes às santas Virgens o dom inestimável de imitar a Cristo virgem,
‚Äď fazei que todos reconhe√ßam a virgindade consagrada a v√≥s como aut√™ntico sinal do reino dos c√©us. R.

Vós, que manifestais em todos os santos e santas a vossa presença, o vosso rosto e a vossa palavra,
‚Äď dai-nos a gra√ßa de nos sentirmos mais pr√≥ximos de v√≥s quando os honramos. R.

(Inten√ß√Ķes livres)

Concedei aos que morreram viver eternamente no céu com a Virgem Maria, São José e todos os santos e santas,
‚Äď e, por intercess√£o deles, fazei-nos participar da sua companhia. R.

Pai nosso...

ANT√ćFONA MARIANA
Salve Rainha, Mãe de Misericórdia, vida e doçura esperança nossa salve! A vós bradamos os degredados filhos de Eva.
A vós suspiramos gemendo e chorando neste vale de lágrimas.
Eia, pois advogada nossa, esses vossos olhos misericordiosos a nós volvei, e depois deste desterro, mostrai-nos Jesus, bendito fruto do vosso ventre, ó clemente, ó piedosa ó doce e sempre Virgem Maria.
Rogai por nós Santa Mãe de Deus, para que sejamos dignos das promessas de Cristo. Amém

Santos m√°rtires de Deus,

confessores luminosos,

vossas preces nos conduzam

para o céu, vitoriosos.

Só em Deus encontramos repouso:
somente dele nos vem o auxílio!
Glória ao Pai, ao Filho e ao Espírito Santo,
como era no princípio, agora e sempre.
Amém.

Hino
Redentor de todos, Cristo,
vossos servos conservais,
abrandado pela Virgem
com suas preces maternais.

Multid√Ķes celestiais
dos espíritos amigos,
ontem, hoje e no futuro
defendei-nos do inimigo.

Do eternal Juiz profetas
e apóstolos do Senhor,
nos salvai com vossos rogos,
escutai nosso clamor.

Santos m√°rtires de Deus,
confessores luminosos,
vossas preces nos conduzam
para o céu, vitoriosos.

Santos monges e eremitas,
santos coros virginais,
dai-nos sermos os convivas
do Senhor, com quem reinais.

Nossa voz à vossa unimos,
dando graças ao Senhor.
E paguemos, na alegria,
nossa dívida em louvor.
C√Ęntico¬†¬†¬† ¬†¬†¬† ¬†¬†¬† ¬†¬†¬† ¬†¬†¬† ¬†¬†¬† ¬†¬†¬† ¬†¬†¬† Ap 4,11; 5,9.10.12

Vós sois digno, Senhor nosso Deus,
de receber honra, glória e poder!

Porque todas as coisas criastes,
é por vossa vontade que existem
e subsistem porque vós mandais.

Vós sois digno, Senhor nosso Deus,
de o livro nas m√£os receber
e de abrir suas folhas lacradas!

Porque fostes por nós imolado;
para Deus nos remiu vosso sangue
dentre todas as tribos e línguas,
dentre os povos da terra e na√ß√Ķes.

Pois fizestes de nós, para Deus,
sacerdotes e povo de reis,
e iremos reinar sobre a terra.

O Cordeiro imolado é digno
de receber honra, glória e poder,
sabedoria, louvor, divindade!

Glória ao Pai...

Leitura                                                                                                       2Cor 6,16b; 7,1
Vós sois templo de Deus vivo, como disse o próprio Deus: Eu habitarei no meio deles e andarei entre eles. Serei o seu Deus e eles serão o meu povo. Caríssimos, nós que recebemos essas promessas, purifiquemo-nos de toda mancha da carne e do espírito, completando a nossa santificação, no temor de Deus.

Vós santos e eleitos, alegrai-vos no Senhor!
Porque Deus vos escolheu para serdes sua herança.

MAGNIFICAT
Oh, quão glorioso é o Reino onde gozam os santos com Cristo.
Vestidos de brancas roupagens, seguem sempre o Cordeiro onde for.

A minha alma engrandece ao Senhor
e se alegrou o meu espírito em Deus, meu Salvador;
pois ele viu a pequenez de sua serva,
desde agora as gera√ß√Ķes h√£o de chamar-me de bendita.¬†

O Poderoso fez por mim maravilhas
e Santo é o seu nome! 
Seu amor, de geração em geração,
chega a todos que o respeitam; 

demonstrou o poder de seu braço,
dispersou os orgulhosos;
derrubou os poderosos de seus tronos
e os humildes exaltou;

De bens saciou os famintos,
e despediu, sem nada, os ricos.
Acolheu Israel, seu servidor,
fiel ao seu amor,

como havia prometido aos nossos pais,
em favor de Abraão e de seus filhos, para sempre. 

Glória ao Pai...

Preces
Repletos de alegria, invoquemos a Deus, recompensa e glória de todos os santos e santas; e digamos:

R. Salvai-nos, Senhor, por intercess√£o de vossos santos!

Deus de infinita sabedoria que, por Cristo, constituístes os apóstolos como fundamentos da fé da Igreja,
‚Äď conservai-nos fi√©is √† f√© que eles nos ensinaram. R.

Vós, que destes aos mártires a coragem do testemunho até derramarem o próprio sangue,
‚Äď tornai os crist√£os testemunhas fi√©is do vosso Filho. R.

Vós, que concedestes às santas Virgens o dom inestimável de imitar a Cristo virgem,
‚Äď fazei que todos reconhe√ßam a virgindade consagrada a v√≥s como aut√™ntico sinal do reino dos c√©us. R.

Vós, que manifestais em todos os santos e santas a vossa presença, o vosso rosto e a vossa palavra,
‚Äď dai-nos a gra√ßa de nos sentirmos mais pr√≥ximos de v√≥s quando os honramos. R.

(Inten√ß√Ķes livres)

Concedei aos que morreram viver eternamente no céu com a Virgem Maria, São José e todos os santos e santas,
‚Äď e, por intercess√£o deles, fazei-nos participar da sua companhia. R.

Pai nosso...

ANT√ćFONA MARIANA
Salve Rainha, Mãe de Misericórdia, vida e doçura esperança nossa salve! A vós bradamos os degredados filhos de Eva.
A vós suspiramos gemendo e chorando neste vale de lágrimas.
Eia, pois advogada nossa, esses vossos olhos misericordiosos a nós volvei, e depois deste desterro, mostrai-nos Jesus, bendito fruto do vosso ventre, ó clemente, ó piedosa ó doce e sempre Virgem Maria.
Rogai por nós Santa Mãe de Deus, para que sejamos dignos das promessas de Cristo. Amém

Santos monges e eremitas,

santos coros virginais,

dai-nos sermos os convivas

do Senhor, com quem reinais.

Só em Deus encontramos repouso:
somente dele nos vem o auxílio!
Glória ao Pai, ao Filho e ao Espírito Santo,
como era no princípio, agora e sempre.
Amém.

Hino
Redentor de todos, Cristo,
vossos servos conservais,
abrandado pela Virgem
com suas preces maternais.

Multid√Ķes celestiais
dos espíritos amigos,
ontem, hoje e no futuro
defendei-nos do inimigo.

Do eternal Juiz profetas
e apóstolos do Senhor,
nos salvai com vossos rogos,
escutai nosso clamor.

Santos m√°rtires de Deus,
confessores luminosos,
vossas preces nos conduzam
para o céu, vitoriosos.

Santos monges e eremitas,
santos coros virginais,
dai-nos sermos os convivas
do Senhor, com quem reinais.

Nossa voz à vossa unimos,
dando graças ao Senhor.
E paguemos, na alegria,
nossa dívida em louvor.
C√Ęntico¬†¬†¬† ¬†¬†¬† ¬†¬†¬† ¬†¬†¬† ¬†¬†¬† ¬†¬†¬† ¬†¬†¬† ¬†¬†¬† Ap 4,11; 5,9.10.12

Vós sois digno, Senhor nosso Deus,
de receber honra, glória e poder!

Porque todas as coisas criastes,
é por vossa vontade que existem
e subsistem porque vós mandais.

Vós sois digno, Senhor nosso Deus,
de o livro nas m√£os receber
e de abrir suas folhas lacradas!

Porque fostes por nós imolado;
para Deus nos remiu vosso sangue
dentre todas as tribos e línguas,
dentre os povos da terra e na√ß√Ķes.

Pois fizestes de nós, para Deus,
sacerdotes e povo de reis,
e iremos reinar sobre a terra.

O Cordeiro imolado é digno
de receber honra, glória e poder,
sabedoria, louvor, divindade!

Glória ao Pai...

Leitura                                                                                                       2Cor 6,16b; 7,1
Vós sois templo de Deus vivo, como disse o próprio Deus: Eu habitarei no meio deles e andarei entre eles. Serei o seu Deus e eles serão o meu povo. Caríssimos, nós que recebemos essas promessas, purifiquemo-nos de toda mancha da carne e do espírito, completando a nossa santificação, no temor de Deus.

Vós santos e eleitos, alegrai-vos no Senhor!
Porque Deus vos escolheu para serdes sua herança.

MAGNIFICAT
Oh, quão glorioso é o Reino onde gozam os santos com Cristo.
Vestidos de brancas roupagens, seguem sempre o Cordeiro onde for.

A minha alma engrandece ao Senhor
e se alegrou o meu espírito em Deus, meu Salvador;
pois ele viu a pequenez de sua serva,
desde agora as gera√ß√Ķes h√£o de chamar-me de bendita.¬†

O Poderoso fez por mim maravilhas
e Santo é o seu nome! 
Seu amor, de geração em geração,
chega a todos que o respeitam; 

demonstrou o poder de seu braço,
dispersou os orgulhosos;
derrubou os poderosos de seus tronos
e os humildes exaltou;

De bens saciou os famintos,
e despediu, sem nada, os ricos.
Acolheu Israel, seu servidor,
fiel ao seu amor,

como havia prometido aos nossos pais,
em favor de Abraão e de seus filhos, para sempre. 

Glória ao Pai...

Preces
Repletos de alegria, invoquemos a Deus, recompensa e glória de todos os santos e santas; e digamos:

R. Salvai-nos, Senhor, por intercess√£o de vossos santos!

Deus de infinita sabedoria que, por Cristo, constituístes os apóstolos como fundamentos da fé da Igreja,
‚Äď conservai-nos fi√©is √† f√© que eles nos ensinaram. R.

Vós, que destes aos mártires a coragem do testemunho até derramarem o próprio sangue,
‚Äď tornai os crist√£os testemunhas fi√©is do vosso Filho. R.

Vós, que concedestes às santas Virgens o dom inestimável de imitar a Cristo virgem,
‚Äď fazei que todos reconhe√ßam a virgindade consagrada a v√≥s como aut√™ntico sinal do reino dos c√©us. R.

Vós, que manifestais em todos os santos e santas a vossa presença, o vosso rosto e a vossa palavra,
‚Äď dai-nos a gra√ßa de nos sentirmos mais pr√≥ximos de v√≥s quando os honramos. R.

(Inten√ß√Ķes livres)

Concedei aos que morreram viver eternamente no céu com a Virgem Maria, São José e todos os santos e santas,
‚Äď e, por intercess√£o deles, fazei-nos participar da sua companhia. R.

Pai nosso...

ANT√ćFONA MARIANA
Salve Rainha, Mãe de Misericórdia, vida e doçura esperança nossa salve! A vós bradamos os degredados filhos de Eva.
A vós suspiramos gemendo e chorando neste vale de lágrimas.
Eia, pois advogada nossa, esses vossos olhos misericordiosos a nós volvei, e depois deste desterro, mostrai-nos Jesus, bendito fruto do vosso ventre, ó clemente, ó piedosa ó doce e sempre Virgem Maria.
Rogai por nós Santa Mãe de Deus, para que sejamos dignos das promessas de Cristo. Amém

Nossa voz à vossa unimos,

dando graças ao Senhor.

E paguemos, na alegria,

nossa dívida em louvor.

C√Ęntico¬†¬†¬† ¬†¬†¬† ¬†¬†¬† ¬†¬†¬† ¬†¬†¬† ¬†¬†¬† ¬†¬†¬† ¬†¬†¬† Ap 4,11; 5,9.10.12

Só em Deus encontramos repouso:
somente dele nos vem o auxílio!
Glória ao Pai, ao Filho e ao Espírito Santo,
como era no princípio, agora e sempre.
Amém.

Hino
Redentor de todos, Cristo,
vossos servos conservais,
abrandado pela Virgem
com suas preces maternais.

Multid√Ķes celestiais
dos espíritos amigos,
ontem, hoje e no futuro
defendei-nos do inimigo.

Do eternal Juiz profetas
e apóstolos do Senhor,
nos salvai com vossos rogos,
escutai nosso clamor.

Santos m√°rtires de Deus,
confessores luminosos,
vossas preces nos conduzam
para o céu, vitoriosos.

Santos monges e eremitas,
santos coros virginais,
dai-nos sermos os convivas
do Senhor, com quem reinais.

Nossa voz à vossa unimos,
dando graças ao Senhor.
E paguemos, na alegria,
nossa dívida em louvor.
C√Ęntico¬†¬†¬† ¬†¬†¬† ¬†¬†¬† ¬†¬†¬† ¬†¬†¬† ¬†¬†¬† ¬†¬†¬† ¬†¬†¬† Ap 4,11; 5,9.10.12

Vós sois digno, Senhor nosso Deus,
de receber honra, glória e poder!

Porque todas as coisas criastes,
é por vossa vontade que existem
e subsistem porque vós mandais.

Vós sois digno, Senhor nosso Deus,
de o livro nas m√£os receber
e de abrir suas folhas lacradas!

Porque fostes por nós imolado;
para Deus nos remiu vosso sangue
dentre todas as tribos e línguas,
dentre os povos da terra e na√ß√Ķes.

Pois fizestes de nós, para Deus,
sacerdotes e povo de reis,
e iremos reinar sobre a terra.

O Cordeiro imolado é digno
de receber honra, glória e poder,
sabedoria, louvor, divindade!

Glória ao Pai...

Leitura                                                                                                       2Cor 6,16b; 7,1
Vós sois templo de Deus vivo, como disse o próprio Deus: Eu habitarei no meio deles e andarei entre eles. Serei o seu Deus e eles serão o meu povo. Caríssimos, nós que recebemos essas promessas, purifiquemo-nos de toda mancha da carne e do espírito, completando a nossa santificação, no temor de Deus.

Vós santos e eleitos, alegrai-vos no Senhor!
Porque Deus vos escolheu para serdes sua herança.

MAGNIFICAT
Oh, quão glorioso é o Reino onde gozam os santos com Cristo.
Vestidos de brancas roupagens, seguem sempre o Cordeiro onde for.

A minha alma engrandece ao Senhor
e se alegrou o meu espírito em Deus, meu Salvador;
pois ele viu a pequenez de sua serva,
desde agora as gera√ß√Ķes h√£o de chamar-me de bendita.¬†

O Poderoso fez por mim maravilhas
e Santo é o seu nome! 
Seu amor, de geração em geração,
chega a todos que o respeitam; 

demonstrou o poder de seu braço,
dispersou os orgulhosos;
derrubou os poderosos de seus tronos
e os humildes exaltou;

De bens saciou os famintos,
e despediu, sem nada, os ricos.
Acolheu Israel, seu servidor,
fiel ao seu amor,

como havia prometido aos nossos pais,
em favor de Abraão e de seus filhos, para sempre. 

Glória ao Pai...

Preces
Repletos de alegria, invoquemos a Deus, recompensa e glória de todos os santos e santas; e digamos:

R. Salvai-nos, Senhor, por intercess√£o de vossos santos!

Deus de infinita sabedoria que, por Cristo, constituístes os apóstolos como fundamentos da fé da Igreja,
‚Äď conservai-nos fi√©is √† f√© que eles nos ensinaram. R.

Vós, que destes aos mártires a coragem do testemunho até derramarem o próprio sangue,
‚Äď tornai os crist√£os testemunhas fi√©is do vosso Filho. R.

Vós, que concedestes às santas Virgens o dom inestimável de imitar a Cristo virgem,
‚Äď fazei que todos reconhe√ßam a virgindade consagrada a v√≥s como aut√™ntico sinal do reino dos c√©us. R.

Vós, que manifestais em todos os santos e santas a vossa presença, o vosso rosto e a vossa palavra,
‚Äď dai-nos a gra√ßa de nos sentirmos mais pr√≥ximos de v√≥s quando os honramos. R.

(Inten√ß√Ķes livres)

Concedei aos que morreram viver eternamente no céu com a Virgem Maria, São José e todos os santos e santas,
‚Äď e, por intercess√£o deles, fazei-nos participar da sua companhia. R.

Pai nosso...

ANT√ćFONA MARIANA
Salve Rainha, Mãe de Misericórdia, vida e doçura esperança nossa salve! A vós bradamos os degredados filhos de Eva.
A vós suspiramos gemendo e chorando neste vale de lágrimas.
Eia, pois advogada nossa, esses vossos olhos misericordiosos a nós volvei, e depois deste desterro, mostrai-nos Jesus, bendito fruto do vosso ventre, ó clemente, ó piedosa ó doce e sempre Virgem Maria.
Rogai por nós Santa Mãe de Deus, para que sejamos dignos das promessas de Cristo. Amém

Vós sois digno, Senhor nosso Deus,

de receber honra, glória e poder!

Só em Deus encontramos repouso:
somente dele nos vem o auxílio!
Glória ao Pai, ao Filho e ao Espírito Santo,
como era no princípio, agora e sempre.
Amém.

Hino
Redentor de todos, Cristo,
vossos servos conservais,
abrandado pela Virgem
com suas preces maternais.

Multid√Ķes celestiais
dos espíritos amigos,
ontem, hoje e no futuro
defendei-nos do inimigo.

Do eternal Juiz profetas
e apóstolos do Senhor,
nos salvai com vossos rogos,
escutai nosso clamor.

Santos m√°rtires de Deus,
confessores luminosos,
vossas preces nos conduzam
para o céu, vitoriosos.

Santos monges e eremitas,
santos coros virginais,
dai-nos sermos os convivas
do Senhor, com quem reinais.

Nossa voz à vossa unimos,
dando graças ao Senhor.
E paguemos, na alegria,
nossa dívida em louvor.
C√Ęntico¬†¬†¬† ¬†¬†¬† ¬†¬†¬† ¬†¬†¬† ¬†¬†¬† ¬†¬†¬† ¬†¬†¬† ¬†¬†¬† Ap 4,11; 5,9.10.12

Vós sois digno, Senhor nosso Deus,
de receber honra, glória e poder!

Porque todas as coisas criastes,
é por vossa vontade que existem
e subsistem porque vós mandais.

Vós sois digno, Senhor nosso Deus,
de o livro nas m√£os receber
e de abrir suas folhas lacradas!

Porque fostes por nós imolado;
para Deus nos remiu vosso sangue
dentre todas as tribos e línguas,
dentre os povos da terra e na√ß√Ķes.

Pois fizestes de nós, para Deus,
sacerdotes e povo de reis,
e iremos reinar sobre a terra.

O Cordeiro imolado é digno
de receber honra, glória e poder,
sabedoria, louvor, divindade!

Glória ao Pai...

Leitura                                                                                                       2Cor 6,16b; 7,1
Vós sois templo de Deus vivo, como disse o próprio Deus: Eu habitarei no meio deles e andarei entre eles. Serei o seu Deus e eles serão o meu povo. Caríssimos, nós que recebemos essas promessas, purifiquemo-nos de toda mancha da carne e do espírito, completando a nossa santificação, no temor de Deus.

Vós santos e eleitos, alegrai-vos no Senhor!
Porque Deus vos escolheu para serdes sua herança.

MAGNIFICAT
Oh, quão glorioso é o Reino onde gozam os santos com Cristo.
Vestidos de brancas roupagens, seguem sempre o Cordeiro onde for.

A minha alma engrandece ao Senhor
e se alegrou o meu espírito em Deus, meu Salvador;
pois ele viu a pequenez de sua serva,
desde agora as gera√ß√Ķes h√£o de chamar-me de bendita.¬†

O Poderoso fez por mim maravilhas
e Santo é o seu nome! 
Seu amor, de geração em geração,
chega a todos que o respeitam; 

demonstrou o poder de seu braço,
dispersou os orgulhosos;
derrubou os poderosos de seus tronos
e os humildes exaltou;

De bens saciou os famintos,
e despediu, sem nada, os ricos.
Acolheu Israel, seu servidor,
fiel ao seu amor,

como havia prometido aos nossos pais,
em favor de Abraão e de seus filhos, para sempre. 

Glória ao Pai...

Preces
Repletos de alegria, invoquemos a Deus, recompensa e glória de todos os santos e santas; e digamos:

R. Salvai-nos, Senhor, por intercess√£o de vossos santos!

Deus de infinita sabedoria que, por Cristo, constituístes os apóstolos como fundamentos da fé da Igreja,
‚Äď conservai-nos fi√©is √† f√© que eles nos ensinaram. R.

Vós, que destes aos mártires a coragem do testemunho até derramarem o próprio sangue,
‚Äď tornai os crist√£os testemunhas fi√©is do vosso Filho. R.

Vós, que concedestes às santas Virgens o dom inestimável de imitar a Cristo virgem,
‚Äď fazei que todos reconhe√ßam a virgindade consagrada a v√≥s como aut√™ntico sinal do reino dos c√©us. R.

Vós, que manifestais em todos os santos e santas a vossa presença, o vosso rosto e a vossa palavra,
‚Äď dai-nos a gra√ßa de nos sentirmos mais pr√≥ximos de v√≥s quando os honramos. R.

(Inten√ß√Ķes livres)

Concedei aos que morreram viver eternamente no céu com a Virgem Maria, São José e todos os santos e santas,
‚Äď e, por intercess√£o deles, fazei-nos participar da sua companhia. R.

Pai nosso...

ANT√ćFONA MARIANA
Salve Rainha, Mãe de Misericórdia, vida e doçura esperança nossa salve! A vós bradamos os degredados filhos de Eva.
A vós suspiramos gemendo e chorando neste vale de lágrimas.
Eia, pois advogada nossa, esses vossos olhos misericordiosos a nós volvei, e depois deste desterro, mostrai-nos Jesus, bendito fruto do vosso ventre, ó clemente, ó piedosa ó doce e sempre Virgem Maria.
Rogai por nós Santa Mãe de Deus, para que sejamos dignos das promessas de Cristo. Amém

Porque todas as coisas criastes,

é por vossa vontade que existem

e subsistem porque vós mandais.

Só em Deus encontramos repouso:
somente dele nos vem o auxílio!
Glória ao Pai, ao Filho e ao Espírito Santo,
como era no princípio, agora e sempre.
Amém.

Hino
Redentor de todos, Cristo,
vossos servos conservais,
abrandado pela Virgem
com suas preces maternais.

Multid√Ķes celestiais
dos espíritos amigos,
ontem, hoje e no futuro
defendei-nos do inimigo.

Do eternal Juiz profetas
e apóstolos do Senhor,
nos salvai com vossos rogos,
escutai nosso clamor.

Santos m√°rtires de Deus,
confessores luminosos,
vossas preces nos conduzam
para o céu, vitoriosos.

Santos monges e eremitas,
santos coros virginais,
dai-nos sermos os convivas
do Senhor, com quem reinais.

Nossa voz à vossa unimos,
dando graças ao Senhor.
E paguemos, na alegria,
nossa dívida em louvor.
C√Ęntico¬†¬†¬† ¬†¬†¬† ¬†¬†¬† ¬†¬†¬† ¬†¬†¬† ¬†¬†¬† ¬†¬†¬† ¬†¬†¬† Ap 4,11; 5,9.10.12

Vós sois digno, Senhor nosso Deus,
de receber honra, glória e poder!

Porque todas as coisas criastes,
é por vossa vontade que existem
e subsistem porque vós mandais.

Vós sois digno, Senhor nosso Deus,
de o livro nas m√£os receber
e de abrir suas folhas lacradas!

Porque fostes por nós imolado;
para Deus nos remiu vosso sangue
dentre todas as tribos e línguas,
dentre os povos da terra e na√ß√Ķes.

Pois fizestes de nós, para Deus,
sacerdotes e povo de reis,
e iremos reinar sobre a terra.

O Cordeiro imolado é digno
de receber honra, glória e poder,
sabedoria, louvor, divindade!

Glória ao Pai...

Leitura                                                                                                       2Cor 6,16b; 7,1
Vós sois templo de Deus vivo, como disse o próprio Deus: Eu habitarei no meio deles e andarei entre eles. Serei o seu Deus e eles serão o meu povo. Caríssimos, nós que recebemos essas promessas, purifiquemo-nos de toda mancha da carne e do espírito, completando a nossa santificação, no temor de Deus.

Vós santos e eleitos, alegrai-vos no Senhor!
Porque Deus vos escolheu para serdes sua herança.

MAGNIFICAT
Oh, quão glorioso é o Reino onde gozam os santos com Cristo.
Vestidos de brancas roupagens, seguem sempre o Cordeiro onde for.

A minha alma engrandece ao Senhor
e se alegrou o meu espírito em Deus, meu Salvador;
pois ele viu a pequenez de sua serva,
desde agora as gera√ß√Ķes h√£o de chamar-me de bendita.¬†

O Poderoso fez por mim maravilhas
e Santo é o seu nome! 
Seu amor, de geração em geração,
chega a todos que o respeitam; 

demonstrou o poder de seu braço,
dispersou os orgulhosos;
derrubou os poderosos de seus tronos
e os humildes exaltou;

De bens saciou os famintos,
e despediu, sem nada, os ricos.
Acolheu Israel, seu servidor,
fiel ao seu amor,

como havia prometido aos nossos pais,
em favor de Abraão e de seus filhos, para sempre. 

Glória ao Pai...

Preces
Repletos de alegria, invoquemos a Deus, recompensa e glória de todos os santos e santas; e digamos:

R. Salvai-nos, Senhor, por intercess√£o de vossos santos!

Deus de infinita sabedoria que, por Cristo, constituístes os apóstolos como fundamentos da fé da Igreja,
‚Äď conservai-nos fi√©is √† f√© que eles nos ensinaram. R.

Vós, que destes aos mártires a coragem do testemunho até derramarem o próprio sangue,
‚Äď tornai os crist√£os testemunhas fi√©is do vosso Filho. R.

Vós, que concedestes às santas Virgens o dom inestimável de imitar a Cristo virgem,
‚Äď fazei que todos reconhe√ßam a virgindade consagrada a v√≥s como aut√™ntico sinal do reino dos c√©us. R.

Vós, que manifestais em todos os santos e santas a vossa presença, o vosso rosto e a vossa palavra,
‚Äď dai-nos a gra√ßa de nos sentirmos mais pr√≥ximos de v√≥s quando os honramos. R.

(Inten√ß√Ķes livres)

Concedei aos que morreram viver eternamente no céu com a Virgem Maria, São José e todos os santos e santas,
‚Äď e, por intercess√£o deles, fazei-nos participar da sua companhia. R.

Pai nosso...

ANT√ćFONA MARIANA
Salve Rainha, Mãe de Misericórdia, vida e doçura esperança nossa salve! A vós bradamos os degredados filhos de Eva.
A vós suspiramos gemendo e chorando neste vale de lágrimas.
Eia, pois advogada nossa, esses vossos olhos misericordiosos a nós volvei, e depois deste desterro, mostrai-nos Jesus, bendito fruto do vosso ventre, ó clemente, ó piedosa ó doce e sempre Virgem Maria.
Rogai por nós Santa Mãe de Deus, para que sejamos dignos das promessas de Cristo. Amém

Vós sois digno, Senhor nosso Deus,

de o livro nas m√£os receber

e de abrir suas folhas lacradas!

Só em Deus encontramos repouso:
somente dele nos vem o auxílio!
Glória ao Pai, ao Filho e ao Espírito Santo,
como era no princípio, agora e sempre.
Amém.

Hino
Redentor de todos, Cristo,
vossos servos conservais,
abrandado pela Virgem
com suas preces maternais.

Multid√Ķes celestiais
dos espíritos amigos,
ontem, hoje e no futuro
defendei-nos do inimigo.

Do eternal Juiz profetas
e apóstolos do Senhor,
nos salvai com vossos rogos,
escutai nosso clamor.

Santos m√°rtires de Deus,
confessores luminosos,
vossas preces nos conduzam
para o céu, vitoriosos.

Santos monges e eremitas,
santos coros virginais,
dai-nos sermos os convivas
do Senhor, com quem reinais.

Nossa voz à vossa unimos,
dando graças ao Senhor.
E paguemos, na alegria,
nossa dívida em louvor.
C√Ęntico¬†¬†¬† ¬†¬†¬† ¬†¬†¬† ¬†¬†¬† ¬†¬†¬† ¬†¬†¬† ¬†¬†¬† ¬†¬†¬† Ap 4,11; 5,9.10.12

Vós sois digno, Senhor nosso Deus,
de receber honra, glória e poder!

Porque todas as coisas criastes,
é por vossa vontade que existem
e subsistem porque vós mandais.

Vós sois digno, Senhor nosso Deus,
de o livro nas m√£os receber
e de abrir suas folhas lacradas!

Porque fostes por nós imolado;
para Deus nos remiu vosso sangue
dentre todas as tribos e línguas,
dentre os povos da terra e na√ß√Ķes.

Pois fizestes de nós, para Deus,
sacerdotes e povo de reis,
e iremos reinar sobre a terra.

O Cordeiro imolado é digno
de receber honra, glória e poder,
sabedoria, louvor, divindade!

Glória ao Pai...

Leitura                                                                                                       2Cor 6,16b; 7,1
Vós sois templo de Deus vivo, como disse o próprio Deus: Eu habitarei no meio deles e andarei entre eles. Serei o seu Deus e eles serão o meu povo. Caríssimos, nós que recebemos essas promessas, purifiquemo-nos de toda mancha da carne e do espírito, completando a nossa santificação, no temor de Deus.

Vós santos e eleitos, alegrai-vos no Senhor!
Porque Deus vos escolheu para serdes sua herança.

MAGNIFICAT
Oh, quão glorioso é o Reino onde gozam os santos com Cristo.
Vestidos de brancas roupagens, seguem sempre o Cordeiro onde for.

A minha alma engrandece ao Senhor
e se alegrou o meu espírito em Deus, meu Salvador;
pois ele viu a pequenez de sua serva,
desde agora as gera√ß√Ķes h√£o de chamar-me de bendita.¬†

O Poderoso fez por mim maravilhas
e Santo é o seu nome! 
Seu amor, de geração em geração,
chega a todos que o respeitam; 

demonstrou o poder de seu braço,
dispersou os orgulhosos;
derrubou os poderosos de seus tronos
e os humildes exaltou;

De bens saciou os famintos,
e despediu, sem nada, os ricos.
Acolheu Israel, seu servidor,
fiel ao seu amor,

como havia prometido aos nossos pais,
em favor de Abraão e de seus filhos, para sempre. 

Glória ao Pai...

Preces
Repletos de alegria, invoquemos a Deus, recompensa e glória de todos os santos e santas; e digamos:

R. Salvai-nos, Senhor, por intercess√£o de vossos santos!

Deus de infinita sabedoria que, por Cristo, constituístes os apóstolos como fundamentos da fé da Igreja,
‚Äď conservai-nos fi√©is √† f√© que eles nos ensinaram. R.

Vós, que destes aos mártires a coragem do testemunho até derramarem o próprio sangue,
‚Äď tornai os crist√£os testemunhas fi√©is do vosso Filho. R.

Vós, que concedestes às santas Virgens o dom inestimável de imitar a Cristo virgem,
‚Äď fazei que todos reconhe√ßam a virgindade consagrada a v√≥s como aut√™ntico sinal do reino dos c√©us. R.

Vós, que manifestais em todos os santos e santas a vossa presença, o vosso rosto e a vossa palavra,
‚Äď dai-nos a gra√ßa de nos sentirmos mais pr√≥ximos de v√≥s quando os honramos. R.

(Inten√ß√Ķes livres)

Concedei aos que morreram viver eternamente no céu com a Virgem Maria, São José e todos os santos e santas,
‚Äď e, por intercess√£o deles, fazei-nos participar da sua companhia. R.

Pai nosso...

ANT√ćFONA MARIANA
Salve Rainha, Mãe de Misericórdia, vida e doçura esperança nossa salve! A vós bradamos os degredados filhos de Eva.
A vós suspiramos gemendo e chorando neste vale de lágrimas.
Eia, pois advogada nossa, esses vossos olhos misericordiosos a nós volvei, e depois deste desterro, mostrai-nos Jesus, bendito fruto do vosso ventre, ó clemente, ó piedosa ó doce e sempre Virgem Maria.
Rogai por nós Santa Mãe de Deus, para que sejamos dignos das promessas de Cristo. Amém

Porque fostes por nós imolado;

para Deus nos remiu vosso sangue

dentre todas as tribos e línguas,

dentre os povos da terra e na√ß√Ķes.

Só em Deus encontramos repouso:
somente dele nos vem o auxílio!
Glória ao Pai, ao Filho e ao Espírito Santo,
como era no princípio, agora e sempre.
Amém.

Hino
Redentor de todos, Cristo,
vossos servos conservais,
abrandado pela Virgem
com suas preces maternais.

Multid√Ķes celestiais
dos espíritos amigos,
ontem, hoje e no futuro
defendei-nos do inimigo.

Do eternal Juiz profetas
e apóstolos do Senhor,
nos salvai com vossos rogos,
escutai nosso clamor.

Santos m√°rtires de Deus,
confessores luminosos,
vossas preces nos conduzam
para o céu, vitoriosos.

Santos monges e eremitas,
santos coros virginais,
dai-nos sermos os convivas
do Senhor, com quem reinais.

Nossa voz à vossa unimos,
dando graças ao Senhor.
E paguemos, na alegria,
nossa dívida em louvor.
C√Ęntico¬†¬†¬† ¬†¬†¬† ¬†¬†¬† ¬†¬†¬† ¬†¬†¬† ¬†¬†¬† ¬†¬†¬† ¬†¬†¬† Ap 4,11; 5,9.10.12

Vós sois digno, Senhor nosso Deus,
de receber honra, glória e poder!

Porque todas as coisas criastes,
é por vossa vontade que existem
e subsistem porque vós mandais.

Vós sois digno, Senhor nosso Deus,
de o livro nas m√£os receber
e de abrir suas folhas lacradas!

Porque fostes por nós imolado;
para Deus nos remiu vosso sangue
dentre todas as tribos e línguas,
dentre os povos da terra e na√ß√Ķes.

Pois fizestes de nós, para Deus,
sacerdotes e povo de reis,
e iremos reinar sobre a terra.

O Cordeiro imolado é digno
de receber honra, glória e poder,
sabedoria, louvor, divindade!

Glória ao Pai...

Leitura                                                                                                       2Cor 6,16b; 7,1
Vós sois templo de Deus vivo, como disse o próprio Deus: Eu habitarei no meio deles e andarei entre eles. Serei o seu Deus e eles serão o meu povo. Caríssimos, nós que recebemos essas promessas, purifiquemo-nos de toda mancha da carne e do espírito, completando a nossa santificação, no temor de Deus.

Vós santos e eleitos, alegrai-vos no Senhor!
Porque Deus vos escolheu para serdes sua herança.

MAGNIFICAT
Oh, quão glorioso é o Reino onde gozam os santos com Cristo.
Vestidos de brancas roupagens, seguem sempre o Cordeiro onde for.

A minha alma engrandece ao Senhor
e se alegrou o meu espírito em Deus, meu Salvador;
pois ele viu a pequenez de sua serva,
desde agora as gera√ß√Ķes h√£o de chamar-me de bendita.¬†

O Poderoso fez por mim maravilhas
e Santo é o seu nome! 
Seu amor, de geração em geração,
chega a todos que o respeitam; 

demonstrou o poder de seu braço,
dispersou os orgulhosos;
derrubou os poderosos de seus tronos
e os humildes exaltou;

De bens saciou os famintos,
e despediu, sem nada, os ricos.
Acolheu Israel, seu servidor,
fiel ao seu amor,

como havia prometido aos nossos pais,
em favor de Abraão e de seus filhos, para sempre. 

Glória ao Pai...

Preces
Repletos de alegria, invoquemos a Deus, recompensa e glória de todos os santos e santas; e digamos:

R. Salvai-nos, Senhor, por intercess√£o de vossos santos!

Deus de infinita sabedoria que, por Cristo, constituístes os apóstolos como fundamentos da fé da Igreja,
‚Äď conservai-nos fi√©is √† f√© que eles nos ensinaram. R.

Vós, que destes aos mártires a coragem do testemunho até derramarem o próprio sangue,
‚Äď tornai os crist√£os testemunhas fi√©is do vosso Filho. R.

Vós, que concedestes às santas Virgens o dom inestimável de imitar a Cristo virgem,
‚Äď fazei que todos reconhe√ßam a virgindade consagrada a v√≥s como aut√™ntico sinal do reino dos c√©us. R.

Vós, que manifestais em todos os santos e santas a vossa presença, o vosso rosto e a vossa palavra,
‚Äď dai-nos a gra√ßa de nos sentirmos mais pr√≥ximos de v√≥s quando os honramos. R.

(Inten√ß√Ķes livres)

Concedei aos que morreram viver eternamente no céu com a Virgem Maria, São José e todos os santos e santas,
‚Äď e, por intercess√£o deles, fazei-nos participar da sua companhia. R.

Pai nosso...

ANT√ćFONA MARIANA
Salve Rainha, Mãe de Misericórdia, vida e doçura esperança nossa salve! A vós bradamos os degredados filhos de Eva.
A vós suspiramos gemendo e chorando neste vale de lágrimas.
Eia, pois advogada nossa, esses vossos olhos misericordiosos a nós volvei, e depois deste desterro, mostrai-nos Jesus, bendito fruto do vosso ventre, ó clemente, ó piedosa ó doce e sempre Virgem Maria.
Rogai por nós Santa Mãe de Deus, para que sejamos dignos das promessas de Cristo. Amém

Pois fizestes de nós, para Deus,

sacerdotes e povo de reis,

e iremos reinar sobre a terra.

Só em Deus encontramos repouso:
somente dele nos vem o auxílio!
Glória ao Pai, ao Filho e ao Espírito Santo,
como era no princípio, agora e sempre.
Amém.

Hino
Redentor de todos, Cristo,
vossos servos conservais,
abrandado pela Virgem
com suas preces maternais.

Multid√Ķes celestiais
dos espíritos amigos,
ontem, hoje e no futuro
defendei-nos do inimigo.

Do eternal Juiz profetas
e apóstolos do Senhor,
nos salvai com vossos rogos,
escutai nosso clamor.

Santos m√°rtires de Deus,
confessores luminosos,
vossas preces nos conduzam
para o céu, vitoriosos.

Santos monges e eremitas,
santos coros virginais,
dai-nos sermos os convivas
do Senhor, com quem reinais.

Nossa voz à vossa unimos,
dando graças ao Senhor.
E paguemos, na alegria,
nossa dívida em louvor.
C√Ęntico¬†¬†¬† ¬†¬†¬† ¬†¬†¬† ¬†¬†¬† ¬†¬†¬† ¬†¬†¬† ¬†¬†¬† ¬†¬†¬† Ap 4,11; 5,9.10.12

Vós sois digno, Senhor nosso Deus,
de receber honra, glória e poder!

Porque todas as coisas criastes,
é por vossa vontade que existem
e subsistem porque vós mandais.

Vós sois digno, Senhor nosso Deus,
de o livro nas m√£os receber
e de abrir suas folhas lacradas!

Porque fostes por nós imolado;
para Deus nos remiu vosso sangue
dentre todas as tribos e línguas,
dentre os povos da terra e na√ß√Ķes.

Pois fizestes de nós, para Deus,
sacerdotes e povo de reis,
e iremos reinar sobre a terra.

O Cordeiro imolado é digno
de receber honra, glória e poder,
sabedoria, louvor, divindade!

Glória ao Pai...

Leitura                                                                                                       2Cor 6,16b; 7,1
Vós sois templo de Deus vivo, como disse o próprio Deus: Eu habitarei no meio deles e andarei entre eles. Serei o seu Deus e eles serão o meu povo. Caríssimos, nós que recebemos essas promessas, purifiquemo-nos de toda mancha da carne e do espírito, completando a nossa santificação, no temor de Deus.

Vós santos e eleitos, alegrai-vos no Senhor!
Porque Deus vos escolheu para serdes sua herança.

MAGNIFICAT
Oh, quão glorioso é o Reino onde gozam os santos com Cristo.
Vestidos de brancas roupagens, seguem sempre o Cordeiro onde for.

A minha alma engrandece ao Senhor
e se alegrou o meu espírito em Deus, meu Salvador;
pois ele viu a pequenez de sua serva,
desde agora as gera√ß√Ķes h√£o de chamar-me de bendita.¬†

O Poderoso fez por mim maravilhas
e Santo é o seu nome! 
Seu amor, de geração em geração,
chega a todos que o respeitam; 

demonstrou o poder de seu braço,
dispersou os orgulhosos;
derrubou os poderosos de seus tronos
e os humildes exaltou;

De bens saciou os famintos,
e despediu, sem nada, os ricos.
Acolheu Israel, seu servidor,
fiel ao seu amor,

como havia prometido aos nossos pais,
em favor de Abraão e de seus filhos, para sempre. 

Glória ao Pai...

Preces
Repletos de alegria, invoquemos a Deus, recompensa e glória de todos os santos e santas; e digamos:

R. Salvai-nos, Senhor, por intercess√£o de vossos santos!

Deus de infinita sabedoria que, por Cristo, constituístes os apóstolos como fundamentos da fé da Igreja,
‚Äď conservai-nos fi√©is √† f√© que eles nos ensinaram. R.

Vós, que destes aos mártires a coragem do testemunho até derramarem o próprio sangue,
‚Äď tornai os crist√£os testemunhas fi√©is do vosso Filho. R.

Vós, que concedestes às santas Virgens o dom inestimável de imitar a Cristo virgem,
‚Äď fazei que todos reconhe√ßam a virgindade consagrada a v√≥s como aut√™ntico sinal do reino dos c√©us. R.

Vós, que manifestais em todos os santos e santas a vossa presença, o vosso rosto e a vossa palavra,
‚Äď dai-nos a gra√ßa de nos sentirmos mais pr√≥ximos de v√≥s quando os honramos. R.

(Inten√ß√Ķes livres)

Concedei aos que morreram viver eternamente no céu com a Virgem Maria, São José e todos os santos e santas,
‚Äď e, por intercess√£o deles, fazei-nos participar da sua companhia. R.

Pai nosso...

ANT√ćFONA MARIANA
Salve Rainha, Mãe de Misericórdia, vida e doçura esperança nossa salve! A vós bradamos os degredados filhos de Eva.
A vós suspiramos gemendo e chorando neste vale de lágrimas.
Eia, pois advogada nossa, esses vossos olhos misericordiosos a nós volvei, e depois deste desterro, mostrai-nos Jesus, bendito fruto do vosso ventre, ó clemente, ó piedosa ó doce e sempre Virgem Maria.
Rogai por nós Santa Mãe de Deus, para que sejamos dignos das promessas de Cristo. Amém

O Cordeiro imolado é digno

de receber honra, glória e poder,

sabedoria, louvor, divindade!

Só em Deus encontramos repouso:
somente dele nos vem o auxílio!
Glória ao Pai, ao Filho e ao Espírito Santo,
como era no princípio, agora e sempre.
Amém.

Hino
Redentor de todos, Cristo,
vossos servos conservais,
abrandado pela Virgem
com suas preces maternais.

Multid√Ķes celestiais
dos espíritos amigos,
ontem, hoje e no futuro
defendei-nos do inimigo.

Do eternal Juiz profetas
e apóstolos do Senhor,
nos salvai com vossos rogos,
escutai nosso clamor.

Santos m√°rtires de Deus,
confessores luminosos,
vossas preces nos conduzam
para o céu, vitoriosos.

Santos monges e eremitas,
santos coros virginais,
dai-nos sermos os convivas
do Senhor, com quem reinais.

Nossa voz à vossa unimos,
dando graças ao Senhor.
E paguemos, na alegria,
nossa dívida em louvor.
C√Ęntico¬†¬†¬† ¬†¬†¬† ¬†¬†¬† ¬†¬†¬† ¬†¬†¬† ¬†¬†¬† ¬†¬†¬† ¬†¬†¬† Ap 4,11; 5,9.10.12

Vós sois digno, Senhor nosso Deus,
de receber honra, glória e poder!

Porque todas as coisas criastes,
é por vossa vontade que existem
e subsistem porque vós mandais.

Vós sois digno, Senhor nosso Deus,
de o livro nas m√£os receber
e de abrir suas folhas lacradas!

Porque fostes por nós imolado;
para Deus nos remiu vosso sangue
dentre todas as tribos e línguas,
dentre os povos da terra e na√ß√Ķes.

Pois fizestes de nós, para Deus,
sacerdotes e povo de reis,
e iremos reinar sobre a terra.

O Cordeiro imolado é digno
de receber honra, glória e poder,
sabedoria, louvor, divindade!

Glória ao Pai...

Leitura                                                                                                       2Cor 6,16b; 7,1
Vós sois templo de Deus vivo, como disse o próprio Deus: Eu habitarei no meio deles e andarei entre eles. Serei o seu Deus e eles serão o meu povo. Caríssimos, nós que recebemos essas promessas, purifiquemo-nos de toda mancha da carne e do espírito, completando a nossa santificação, no temor de Deus.

Vós santos e eleitos, alegrai-vos no Senhor!
Porque Deus vos escolheu para serdes sua herança.

MAGNIFICAT
Oh, quão glorioso é o Reino onde gozam os santos com Cristo.
Vestidos de brancas roupagens, seguem sempre o Cordeiro onde for.

A minha alma engrandece ao Senhor
e se alegrou o meu espírito em Deus, meu Salvador;
pois ele viu a pequenez de sua serva,
desde agora as gera√ß√Ķes h√£o de chamar-me de bendita.¬†

O Poderoso fez por mim maravilhas
e Santo é o seu nome! 
Seu amor, de geração em geração,
chega a todos que o respeitam; 

demonstrou o poder de seu braço,
dispersou os orgulhosos;
derrubou os poderosos de seus tronos
e os humildes exaltou;

De bens saciou os famintos,
e despediu, sem nada, os ricos.
Acolheu Israel, seu servidor,
fiel ao seu amor,

como havia prometido aos nossos pais,
em favor de Abraão e de seus filhos, para sempre. 

Glória ao Pai...

Preces
Repletos de alegria, invoquemos a Deus, recompensa e glória de todos os santos e santas; e digamos:

R. Salvai-nos, Senhor, por intercess√£o de vossos santos!

Deus de infinita sabedoria que, por Cristo, constituístes os apóstolos como fundamentos da fé da Igreja,
‚Äď conservai-nos fi√©is √† f√© que eles nos ensinaram. R.

Vós, que destes aos mártires a coragem do testemunho até derramarem o próprio sangue,
‚Äď tornai os crist√£os testemunhas fi√©is do vosso Filho. R.

Vós, que concedestes às santas Virgens o dom inestimável de imitar a Cristo virgem,
‚Äď fazei que todos reconhe√ßam a virgindade consagrada a v√≥s como aut√™ntico sinal do reino dos c√©us. R.

Vós, que manifestais em todos os santos e santas a vossa presença, o vosso rosto e a vossa palavra,
‚Äď dai-nos a gra√ßa de nos sentirmos mais pr√≥ximos de v√≥s quando os honramos. R.

(Inten√ß√Ķes livres)

Concedei aos que morreram viver eternamente no céu com a Virgem Maria, São José e todos os santos e santas,
‚Äď e, por intercess√£o deles, fazei-nos participar da sua companhia. R.

Pai nosso...

ANT√ćFONA MARIANA
Salve Rainha, Mãe de Misericórdia, vida e doçura esperança nossa salve! A vós bradamos os degredados filhos de Eva.
A vós suspiramos gemendo e chorando neste vale de lágrimas.
Eia, pois advogada nossa, esses vossos olhos misericordiosos a nós volvei, e depois deste desterro, mostrai-nos Jesus, bendito fruto do vosso ventre, ó clemente, ó piedosa ó doce e sempre Virgem Maria.
Rogai por nós Santa Mãe de Deus, para que sejamos dignos das promessas de Cristo. Amém

Glória ao Pai...

Só em Deus encontramos repouso:
somente dele nos vem o auxílio!
Glória ao Pai, ao Filho e ao Espírito Santo,
como era no princípio, agora e sempre.
Amém.

Hino
Redentor de todos, Cristo,
vossos servos conservais,
abrandado pela Virgem
com suas preces maternais.

Multid√Ķes celestiais
dos espíritos amigos,
ontem, hoje e no futuro
defendei-nos do inimigo.

Do eternal Juiz profetas
e apóstolos do Senhor,
nos salvai com vossos rogos,
escutai nosso clamor.

Santos m√°rtires de Deus,
confessores luminosos,
vossas preces nos conduzam
para o céu, vitoriosos.

Santos monges e eremitas,
santos coros virginais,
dai-nos sermos os convivas
do Senhor, com quem reinais.

Nossa voz à vossa unimos,
dando graças ao Senhor.
E paguemos, na alegria,
nossa dívida em louvor.
C√Ęntico¬†¬†¬† ¬†¬†¬† ¬†¬†¬† ¬†¬†¬† ¬†¬†¬† ¬†¬†¬† ¬†¬†¬† ¬†¬†¬† Ap 4,11; 5,9.10.12

Vós sois digno, Senhor nosso Deus,
de receber honra, glória e poder!

Porque todas as coisas criastes,
é por vossa vontade que existem
e subsistem porque vós mandais.

Vós sois digno, Senhor nosso Deus,
de o livro nas m√£os receber
e de abrir suas folhas lacradas!

Porque fostes por nós imolado;
para Deus nos remiu vosso sangue
dentre todas as tribos e línguas,
dentre os povos da terra e na√ß√Ķes.

Pois fizestes de nós, para Deus,
sacerdotes e povo de reis,
e iremos reinar sobre a terra.

O Cordeiro imolado é digno
de receber honra, glória e poder,
sabedoria, louvor, divindade!

Glória ao Pai...

Leitura                                                                                                       2Cor 6,16b; 7,1
Vós sois templo de Deus vivo, como disse o próprio Deus: Eu habitarei no meio deles e andarei entre eles. Serei o seu Deus e eles serão o meu povo. Caríssimos, nós que recebemos essas promessas, purifiquemo-nos de toda mancha da carne e do espírito, completando a nossa santificação, no temor de Deus.

Vós santos e eleitos, alegrai-vos no Senhor!
Porque Deus vos escolheu para serdes sua herança.

MAGNIFICAT
Oh, quão glorioso é o Reino onde gozam os santos com Cristo.
Vestidos de brancas roupagens, seguem sempre o Cordeiro onde for.

A minha alma engrandece ao Senhor
e se alegrou o meu espírito em Deus, meu Salvador;
pois ele viu a pequenez de sua serva,
desde agora as gera√ß√Ķes h√£o de chamar-me de bendita.¬†

O Poderoso fez por mim maravilhas
e Santo é o seu nome! 
Seu amor, de geração em geração,
chega a todos que o respeitam; 

demonstrou o poder de seu braço,
dispersou os orgulhosos;
derrubou os poderosos de seus tronos
e os humildes exaltou;

De bens saciou os famintos,
e despediu, sem nada, os ricos.
Acolheu Israel, seu servidor,
fiel ao seu amor,

como havia prometido aos nossos pais,
em favor de Abraão e de seus filhos, para sempre. 

Glória ao Pai...

Preces
Repletos de alegria, invoquemos a Deus, recompensa e glória de todos os santos e santas; e digamos:

R. Salvai-nos, Senhor, por intercess√£o de vossos santos!

Deus de infinita sabedoria que, por Cristo, constituístes os apóstolos como fundamentos da fé da Igreja,
‚Äď conservai-nos fi√©is √† f√© que eles nos ensinaram. R.

Vós, que destes aos mártires a coragem do testemunho até derramarem o próprio sangue,
‚Äď tornai os crist√£os testemunhas fi√©is do vosso Filho. R.

Vós, que concedestes às santas Virgens o dom inestimável de imitar a Cristo virgem,
‚Äď fazei que todos reconhe√ßam a virgindade consagrada a v√≥s como aut√™ntico sinal do reino dos c√©us. R.

Vós, que manifestais em todos os santos e santas a vossa presença, o vosso rosto e a vossa palavra,
‚Äď dai-nos a gra√ßa de nos sentirmos mais pr√≥ximos de v√≥s quando os honramos. R.

(Inten√ß√Ķes livres)

Concedei aos que morreram viver eternamente no céu com a Virgem Maria, São José e todos os santos e santas,
‚Äď e, por intercess√£o deles, fazei-nos participar da sua companhia. R.

Pai nosso...

ANT√ćFONA MARIANA
Salve Rainha, Mãe de Misericórdia, vida e doçura esperança nossa salve! A vós bradamos os degredados filhos de Eva.
A vós suspiramos gemendo e chorando neste vale de lágrimas.
Eia, pois advogada nossa, esses vossos olhos misericordiosos a nós volvei, e depois deste desterro, mostrai-nos Jesus, bendito fruto do vosso ventre, ó clemente, ó piedosa ó doce e sempre Virgem Maria.
Rogai por nós Santa Mãe de Deus, para que sejamos dignos das promessas de Cristo. Amém

Leitura                                                                                                       2Cor 6,16b; 7,1

Vós sois templo de Deus vivo, como disse o próprio Deus: Eu habitarei no meio deles e andarei entre eles. Serei o seu Deus e eles serão o meu povo. Caríssimos, nós que recebemos essas promessas, purifiquemo-nos de toda mancha da carne e do espírito, completando a nossa santificação, no temor de Deus.

Só em Deus encontramos repouso:
somente dele nos vem o auxílio!
Glória ao Pai, ao Filho e ao Espírito Santo,
como era no princípio, agora e sempre.
Amém.

Hino
Redentor de todos, Cristo,
vossos servos conservais,
abrandado pela Virgem
com suas preces maternais.

Multid√Ķes celestiais
dos espíritos amigos,
ontem, hoje e no futuro
defendei-nos do inimigo.

Do eternal Juiz profetas
e apóstolos do Senhor,
nos salvai com vossos rogos,
escutai nosso clamor.

Santos m√°rtires de Deus,
confessores luminosos,
vossas preces nos conduzam
para o céu, vitoriosos.

Santos monges e eremitas,
santos coros virginais,
dai-nos sermos os convivas
do Senhor, com quem reinais.

Nossa voz à vossa unimos,
dando graças ao Senhor.
E paguemos, na alegria,
nossa dívida em louvor.
C√Ęntico¬†¬†¬† ¬†¬†¬† ¬†¬†¬† ¬†¬†¬† ¬†¬†¬† ¬†¬†¬† ¬†¬†¬† ¬†¬†¬† Ap 4,11; 5,9.10.12

Vós sois digno, Senhor nosso Deus,
de receber honra, glória e poder!

Porque todas as coisas criastes,
é por vossa vontade que existem
e subsistem porque vós mandais.

Vós sois digno, Senhor nosso Deus,
de o livro nas m√£os receber
e de abrir suas folhas lacradas!

Porque fostes por nós imolado;
para Deus nos remiu vosso sangue
dentre todas as tribos e línguas,
dentre os povos da terra e na√ß√Ķes.

Pois fizestes de nós, para Deus,
sacerdotes e povo de reis,
e iremos reinar sobre a terra.

O Cordeiro imolado é digno
de receber honra, glória e poder,
sabedoria, louvor, divindade!

Glória ao Pai...

Leitura                                                                                                       2Cor 6,16b; 7,1
Vós sois templo de Deus vivo, como disse o próprio Deus: Eu habitarei no meio deles e andarei entre eles. Serei o seu Deus e eles serão o meu povo. Caríssimos, nós que recebemos essas promessas, purifiquemo-nos de toda mancha da carne e do espírito, completando a nossa santificação, no temor de Deus.

Vós santos e eleitos, alegrai-vos no Senhor!
Porque Deus vos escolheu para serdes sua herança.

MAGNIFICAT
Oh, quão glorioso é o Reino onde gozam os santos com Cristo.
Vestidos de brancas roupagens, seguem sempre o Cordeiro onde for.

A minha alma engrandece ao Senhor
e se alegrou o meu espírito em Deus, meu Salvador;
pois ele viu a pequenez de sua serva,
desde agora as gera√ß√Ķes h√£o de chamar-me de bendita.¬†

O Poderoso fez por mim maravilhas
e Santo é o seu nome! 
Seu amor, de geração em geração,
chega a todos que o respeitam; 

demonstrou o poder de seu braço,
dispersou os orgulhosos;
derrubou os poderosos de seus tronos
e os humildes exaltou;

De bens saciou os famintos,
e despediu, sem nada, os ricos.
Acolheu Israel, seu servidor,
fiel ao seu amor,

como havia prometido aos nossos pais,
em favor de Abraão e de seus filhos, para sempre. 

Glória ao Pai...

Preces
Repletos de alegria, invoquemos a Deus, recompensa e glória de todos os santos e santas; e digamos:

R. Salvai-nos, Senhor, por intercess√£o de vossos santos!

Deus de infinita sabedoria que, por Cristo, constituístes os apóstolos como fundamentos da fé da Igreja,
‚Äď conservai-nos fi√©is √† f√© que eles nos ensinaram. R.

Vós, que destes aos mártires a coragem do testemunho até derramarem o próprio sangue,
‚Äď tornai os crist√£os testemunhas fi√©is do vosso Filho. R.

Vós, que concedestes às santas Virgens o dom inestimável de imitar a Cristo virgem,
‚Äď fazei que todos reconhe√ßam a virgindade consagrada a v√≥s como aut√™ntico sinal do reino dos c√©us. R.

Vós, que manifestais em todos os santos e santas a vossa presença, o vosso rosto e a vossa palavra,
‚Äď dai-nos a gra√ßa de nos sentirmos mais pr√≥ximos de v√≥s quando os honramos. R.

(Inten√ß√Ķes livres)

Concedei aos que morreram viver eternamente no céu com a Virgem Maria, São José e todos os santos e santas,
‚Äď e, por intercess√£o deles, fazei-nos participar da sua companhia. R.

Pai nosso...

ANT√ćFONA MARIANA
Salve Rainha, Mãe de Misericórdia, vida e doçura esperança nossa salve! A vós bradamos os degredados filhos de Eva.
A vós suspiramos gemendo e chorando neste vale de lágrimas.
Eia, pois advogada nossa, esses vossos olhos misericordiosos a nós volvei, e depois deste desterro, mostrai-nos Jesus, bendito fruto do vosso ventre, ó clemente, ó piedosa ó doce e sempre Virgem Maria.
Rogai por nós Santa Mãe de Deus, para que sejamos dignos das promessas de Cristo. Amém

Vós santos e eleitos, alegrai-vos no Senhor!

Porque Deus vos escolheu para serdes sua herança.

Só em Deus encontramos repouso:
somente dele nos vem o auxílio!
Glória ao Pai, ao Filho e ao Espírito Santo,
como era no princípio, agora e sempre.
Amém.

Hino
Redentor de todos, Cristo,
vossos servos conservais,
abrandado pela Virgem
com suas preces maternais.

Multid√Ķes celestiais
dos espíritos amigos,
ontem, hoje e no futuro
defendei-nos do inimigo.

Do eternal Juiz profetas
e apóstolos do Senhor,
nos salvai com vossos rogos,
escutai nosso clamor.

Santos m√°rtires de Deus,
confessores luminosos,
vossas preces nos conduzam
para o céu, vitoriosos.

Santos monges e eremitas,
santos coros virginais,
dai-nos sermos os convivas
do Senhor, com quem reinais.

Nossa voz à vossa unimos,
dando graças ao Senhor.
E paguemos, na alegria,
nossa dívida em louvor.
C√Ęntico¬†¬†¬† ¬†¬†¬† ¬†¬†¬† ¬†¬†¬† ¬†¬†¬† ¬†¬†¬† ¬†¬†¬† ¬†¬†¬† Ap 4,11; 5,9.10.12

Vós sois digno, Senhor nosso Deus,
de receber honra, glória e poder!

Porque todas as coisas criastes,
é por vossa vontade que existem
e subsistem porque vós mandais.

Vós sois digno, Senhor nosso Deus,
de o livro nas m√£os receber
e de abrir suas folhas lacradas!

Porque fostes por nós imolado;
para Deus nos remiu vosso sangue
dentre todas as tribos e línguas,
dentre os povos da terra e na√ß√Ķes.

Pois fizestes de nós, para Deus,
sacerdotes e povo de reis,
e iremos reinar sobre a terra.

O Cordeiro imolado é digno
de receber honra, glória e poder,
sabedoria, louvor, divindade!

Glória ao Pai...

Leitura                                                                                                       2Cor 6,16b; 7,1
Vós sois templo de Deus vivo, como disse o próprio Deus: Eu habitarei no meio deles e andarei entre eles. Serei o seu Deus e eles serão o meu povo. Caríssimos, nós que recebemos essas promessas, purifiquemo-nos de toda mancha da carne e do espírito, completando a nossa santificação, no temor de Deus.

Vós santos e eleitos, alegrai-vos no Senhor!
Porque Deus vos escolheu para serdes sua herança.

MAGNIFICAT
Oh, quão glorioso é o Reino onde gozam os santos com Cristo.
Vestidos de brancas roupagens, seguem sempre o Cordeiro onde for.

A minha alma engrandece ao Senhor
e se alegrou o meu espírito em Deus, meu Salvador;
pois ele viu a pequenez de sua serva,
desde agora as gera√ß√Ķes h√£o de chamar-me de bendita.¬†

O Poderoso fez por mim maravilhas
e Santo é o seu nome! 
Seu amor, de geração em geração,
chega a todos que o respeitam; 

demonstrou o poder de seu braço,
dispersou os orgulhosos;
derrubou os poderosos de seus tronos
e os humildes exaltou;

De bens saciou os famintos,
e despediu, sem nada, os ricos.
Acolheu Israel, seu servidor,
fiel ao seu amor,

como havia prometido aos nossos pais,
em favor de Abraão e de seus filhos, para sempre. 

Glória ao Pai...

Preces
Repletos de alegria, invoquemos a Deus, recompensa e glória de todos os santos e santas; e digamos:

R. Salvai-nos, Senhor, por intercess√£o de vossos santos!

Deus de infinita sabedoria que, por Cristo, constituístes os apóstolos como fundamentos da fé da Igreja,
‚Äď conservai-nos fi√©is √† f√© que eles nos ensinaram. R.

Vós, que destes aos mártires a coragem do testemunho até derramarem o próprio sangue,
‚Äď tornai os crist√£os testemunhas fi√©is do vosso Filho. R.

Vós, que concedestes às santas Virgens o dom inestimável de imitar a Cristo virgem,
‚Äď fazei que todos reconhe√ßam a virgindade consagrada a v√≥s como aut√™ntico sinal do reino dos c√©us. R.

Vós, que manifestais em todos os santos e santas a vossa presença, o vosso rosto e a vossa palavra,
‚Äď dai-nos a gra√ßa de nos sentirmos mais pr√≥ximos de v√≥s quando os honramos. R.

(Inten√ß√Ķes livres)

Concedei aos que morreram viver eternamente no céu com a Virgem Maria, São José e todos os santos e santas,
‚Äď e, por intercess√£o deles, fazei-nos participar da sua companhia. R.

Pai nosso...

ANT√ćFONA MARIANA
Salve Rainha, Mãe de Misericórdia, vida e doçura esperança nossa salve! A vós bradamos os degredados filhos de Eva.
A vós suspiramos gemendo e chorando neste vale de lágrimas.
Eia, pois advogada nossa, esses vossos olhos misericordiosos a nós volvei, e depois deste desterro, mostrai-nos Jesus, bendito fruto do vosso ventre, ó clemente, ó piedosa ó doce e sempre Virgem Maria.
Rogai por nós Santa Mãe de Deus, para que sejamos dignos das promessas de Cristo. Amém

MAGNIFICAT

Oh, quão glorioso é o Reino onde gozam os santos com Cristo.

Vestidos de brancas roupagens, seguem sempre o Cordeiro onde for.

Só em Deus encontramos repouso:
somente dele nos vem o auxílio!
Glória ao Pai, ao Filho e ao Espírito Santo,
como era no princípio, agora e sempre.
Amém.

Hino
Redentor de todos, Cristo,
vossos servos conservais,
abrandado pela Virgem
com suas preces maternais.

Multid√Ķes celestiais
dos espíritos amigos,
ontem, hoje e no futuro
defendei-nos do inimigo.

Do eternal Juiz profetas
e apóstolos do Senhor,
nos salvai com vossos rogos,
escutai nosso clamor.

Santos m√°rtires de Deus,
confessores luminosos,
vossas preces nos conduzam
para o céu, vitoriosos.

Santos monges e eremitas,
santos coros virginais,
dai-nos sermos os convivas
do Senhor, com quem reinais.

Nossa voz à vossa unimos,
dando graças ao Senhor.
E paguemos, na alegria,
nossa dívida em louvor.
C√Ęntico¬†¬†¬† ¬†¬†¬† ¬†¬†¬† ¬†¬†¬† ¬†¬†¬† ¬†¬†¬† ¬†¬†¬† ¬†¬†¬† Ap 4,11; 5,9.10.12

Vós sois digno, Senhor nosso Deus,
de receber honra, glória e poder!

Porque todas as coisas criastes,
é por vossa vontade que existem
e subsistem porque vós mandais.

Vós sois digno, Senhor nosso Deus,
de o livro nas m√£os receber
e de abrir suas folhas lacradas!

Porque fostes por nós imolado;
para Deus nos remiu vosso sangue
dentre todas as tribos e línguas,
dentre os povos da terra e na√ß√Ķes.

Pois fizestes de nós, para Deus,
sacerdotes e povo de reis,
e iremos reinar sobre a terra.

O Cordeiro imolado é digno
de receber honra, glória e poder,
sabedoria, louvor, divindade!

Glória ao Pai...

Leitura                                                                                                       2Cor 6,16b; 7,1
Vós sois templo de Deus vivo, como disse o próprio Deus: Eu habitarei no meio deles e andarei entre eles. Serei o seu Deus e eles serão o meu povo. Caríssimos, nós que recebemos essas promessas, purifiquemo-nos de toda mancha da carne e do espírito, completando a nossa santificação, no temor de Deus.

Vós santos e eleitos, alegrai-vos no Senhor!
Porque Deus vos escolheu para serdes sua herança.

MAGNIFICAT
Oh, quão glorioso é o Reino onde gozam os santos com Cristo.
Vestidos de brancas roupagens, seguem sempre o Cordeiro onde for.

A minha alma engrandece ao Senhor
e se alegrou o meu espírito em Deus, meu Salvador;
pois ele viu a pequenez de sua serva,
desde agora as gera√ß√Ķes h√£o de chamar-me de bendita.¬†

O Poderoso fez por mim maravilhas
e Santo é o seu nome! 
Seu amor, de geração em geração,
chega a todos que o respeitam; 

demonstrou o poder de seu braço,
dispersou os orgulhosos;
derrubou os poderosos de seus tronos
e os humildes exaltou;

De bens saciou os famintos,
e despediu, sem nada, os ricos.
Acolheu Israel, seu servidor,
fiel ao seu amor,

como havia prometido aos nossos pais,
em favor de Abraão e de seus filhos, para sempre. 

Glória ao Pai...

Preces
Repletos de alegria, invoquemos a Deus, recompensa e glória de todos os santos e santas; e digamos:

R. Salvai-nos, Senhor, por intercess√£o de vossos santos!

Deus de infinita sabedoria que, por Cristo, constituístes os apóstolos como fundamentos da fé da Igreja,
‚Äď conservai-nos fi√©is √† f√© que eles nos ensinaram. R.

Vós, que destes aos mártires a coragem do testemunho até derramarem o próprio sangue,
‚Äď tornai os crist√£os testemunhas fi√©is do vosso Filho. R.

Vós, que concedestes às santas Virgens o dom inestimável de imitar a Cristo virgem,
‚Äď fazei que todos reconhe√ßam a virgindade consagrada a v√≥s como aut√™ntico sinal do reino dos c√©us. R.

Vós, que manifestais em todos os santos e santas a vossa presença, o vosso rosto e a vossa palavra,
‚Äď dai-nos a gra√ßa de nos sentirmos mais pr√≥ximos de v√≥s quando os honramos. R.

(Inten√ß√Ķes livres)

Concedei aos que morreram viver eternamente no céu com a Virgem Maria, São José e todos os santos e santas,
‚Äď e, por intercess√£o deles, fazei-nos participar da sua companhia. R.

Pai nosso...

ANT√ćFONA MARIANA
Salve Rainha, Mãe de Misericórdia, vida e doçura esperança nossa salve! A vós bradamos os degredados filhos de Eva.
A vós suspiramos gemendo e chorando neste vale de lágrimas.
Eia, pois advogada nossa, esses vossos olhos misericordiosos a nós volvei, e depois deste desterro, mostrai-nos Jesus, bendito fruto do vosso ventre, ó clemente, ó piedosa ó doce e sempre Virgem Maria.
Rogai por nós Santa Mãe de Deus, para que sejamos dignos das promessas de Cristo. Amém

A minha alma engrandece ao Senhor

e se alegrou o meu espírito em Deus, meu Salvador;

pois ele viu a pequenez de sua serva,

desde agora as gera√ß√Ķes h√£o de chamar-me de bendita.

O Poderoso fez por mim maravilhas

e Santo é o seu nome!
Seu amor, de geração em geração,

chega a todos que o respeitam;

demonstrou o poder de seu braço,

dispersou os orgulhosos;

derrubou os poderosos de seus tronos

e os humildes exaltou;

Só em Deus encontramos repouso:
somente dele nos vem o auxílio!
Glória ao Pai, ao Filho e ao Espírito Santo,
como era no princípio, agora e sempre.
Amém.

Hino
Redentor de todos, Cristo,
vossos servos conservais,
abrandado pela Virgem
com suas preces maternais.

Multid√Ķes celestiais
dos espíritos amigos,
ontem, hoje e no futuro
defendei-nos do inimigo.

Do eternal Juiz profetas
e apóstolos do Senhor,
nos salvai com vossos rogos,
escutai nosso clamor.

Santos m√°rtires de Deus,
confessores luminosos,
vossas preces nos conduzam
para o céu, vitoriosos.

Santos monges e eremitas,
santos coros virginais,
dai-nos sermos os convivas
do Senhor, com quem reinais.

Nossa voz à vossa unimos,
dando graças ao Senhor.
E paguemos, na alegria,
nossa dívida em louvor.
C√Ęntico¬†¬†¬† ¬†¬†¬† ¬†¬†¬† ¬†¬†¬† ¬†¬†¬† ¬†¬†¬† ¬†¬†¬† ¬†¬†¬† Ap 4,11; 5,9.10.12

Vós sois digno, Senhor nosso Deus,
de receber honra, glória e poder!

Porque todas as coisas criastes,
é por vossa vontade que existem
e subsistem porque vós mandais.

Vós sois digno, Senhor nosso Deus,
de o livro nas m√£os receber
e de abrir suas folhas lacradas!

Porque fostes por nós imolado;
para Deus nos remiu vosso sangue
dentre todas as tribos e línguas,
dentre os povos da terra e na√ß√Ķes.

Pois fizestes de nós, para Deus,
sacerdotes e povo de reis,
e iremos reinar sobre a terra.

O Cordeiro imolado é digno
de receber honra, glória e poder,
sabedoria, louvor, divindade!

Glória ao Pai...

Leitura                                                                                                       2Cor 6,16b; 7,1
Vós sois templo de Deus vivo, como disse o próprio Deus: Eu habitarei no meio deles e andarei entre eles. Serei o seu Deus e eles serão o meu povo. Caríssimos, nós que recebemos essas promessas, purifiquemo-nos de toda mancha da carne e do espírito, completando a nossa santificação, no temor de Deus.

Vós santos e eleitos, alegrai-vos no Senhor!
Porque Deus vos escolheu para serdes sua herança.

MAGNIFICAT
Oh, quão glorioso é o Reino onde gozam os santos com Cristo.
Vestidos de brancas roupagens, seguem sempre o Cordeiro onde for.

A minha alma engrandece ao Senhor
e se alegrou o meu espírito em Deus, meu Salvador;
pois ele viu a pequenez de sua serva,
desde agora as gera√ß√Ķes h√£o de chamar-me de bendita.¬†

O Poderoso fez por mim maravilhas
e Santo é o seu nome! 
Seu amor, de geração em geração,
chega a todos que o respeitam; 

demonstrou o poder de seu braço,
dispersou os orgulhosos;
derrubou os poderosos de seus tronos
e os humildes exaltou;

De bens saciou os famintos,
e despediu, sem nada, os ricos.
Acolheu Israel, seu servidor,
fiel ao seu amor,

como havia prometido aos nossos pais,
em favor de Abraão e de seus filhos, para sempre. 

Glória ao Pai...

Preces
Repletos de alegria, invoquemos a Deus, recompensa e glória de todos os santos e santas; e digamos:

R. Salvai-nos, Senhor, por intercess√£o de vossos santos!

Deus de infinita sabedoria que, por Cristo, constituístes os apóstolos como fundamentos da fé da Igreja,
‚Äď conservai-nos fi√©is √† f√© que eles nos ensinaram. R.

Vós, que destes aos mártires a coragem do testemunho até derramarem o próprio sangue,
‚Äď tornai os crist√£os testemunhas fi√©is do vosso Filho. R.

Vós, que concedestes às santas Virgens o dom inestimável de imitar a Cristo virgem,
‚Äď fazei que todos reconhe√ßam a virgindade consagrada a v√≥s como aut√™ntico sinal do reino dos c√©us. R.

Vós, que manifestais em todos os santos e santas a vossa presença, o vosso rosto e a vossa palavra,
‚Äď dai-nos a gra√ßa de nos sentirmos mais pr√≥ximos de v√≥s quando os honramos. R.

(Inten√ß√Ķes livres)

Concedei aos que morreram viver eternamente no céu com a Virgem Maria, São José e todos os santos e santas,
‚Äď e, por intercess√£o deles, fazei-nos participar da sua companhia. R.

Pai nosso...

ANT√ćFONA MARIANA
Salve Rainha, Mãe de Misericórdia, vida e doçura esperança nossa salve! A vós bradamos os degredados filhos de Eva.
A vós suspiramos gemendo e chorando neste vale de lágrimas.
Eia, pois advogada nossa, esses vossos olhos misericordiosos a nós volvei, e depois deste desterro, mostrai-nos Jesus, bendito fruto do vosso ventre, ó clemente, ó piedosa ó doce e sempre Virgem Maria.
Rogai por nós Santa Mãe de Deus, para que sejamos dignos das promessas de Cristo. Amém

De bens saciou os famintos,

e despediu, sem nada, os ricos.

Acolheu Israel, seu servidor,

fiel ao seu amor,

Só em Deus encontramos repouso:
somente dele nos vem o auxílio!
Glória ao Pai, ao Filho e ao Espírito Santo,
como era no princípio, agora e sempre.
Amém.

Hino
Redentor de todos, Cristo,
vossos servos conservais,
abrandado pela Virgem
com suas preces maternais.

Multid√Ķes celestiais
dos espíritos amigos,
ontem, hoje e no futuro
defendei-nos do inimigo.

Do eternal Juiz profetas
e apóstolos do Senhor,
nos salvai com vossos rogos,
escutai nosso clamor.

Santos m√°rtires de Deus,
confessores luminosos,
vossas preces nos conduzam
para o céu, vitoriosos.

Santos monges e eremitas,
santos coros virginais,
dai-nos sermos os convivas
do Senhor, com quem reinais.

Nossa voz à vossa unimos,
dando graças ao Senhor.
E paguemos, na alegria,
nossa dívida em louvor.
C√Ęntico¬†¬†¬† ¬†¬†¬† ¬†¬†¬† ¬†¬†¬† ¬†¬†¬† ¬†¬†¬† ¬†¬†¬† ¬†¬†¬† Ap 4,11; 5,9.10.12

Vós sois digno, Senhor nosso Deus,
de receber honra, glória e poder!

Porque todas as coisas criastes,
é por vossa vontade que existem
e subsistem porque vós mandais.

Vós sois digno, Senhor nosso Deus,
de o livro nas m√£os receber
e de abrir suas folhas lacradas!

Porque fostes por nós imolado;
para Deus nos remiu vosso sangue
dentre todas as tribos e línguas,
dentre os povos da terra e na√ß√Ķes.

Pois fizestes de nós, para Deus,
sacerdotes e povo de reis,
e iremos reinar sobre a terra.

O Cordeiro imolado é digno
de receber honra, glória e poder,
sabedoria, louvor, divindade!

Glória ao Pai...

Leitura                                                                                                       2Cor 6,16b; 7,1
Vós sois templo de Deus vivo, como disse o próprio Deus: Eu habitarei no meio deles e andarei entre eles. Serei o seu Deus e eles serão o meu povo. Caríssimos, nós que recebemos essas promessas, purifiquemo-nos de toda mancha da carne e do espírito, completando a nossa santificação, no temor de Deus.

Vós santos e eleitos, alegrai-vos no Senhor!
Porque Deus vos escolheu para serdes sua herança.

MAGNIFICAT
Oh, quão glorioso é o Reino onde gozam os santos com Cristo.
Vestidos de brancas roupagens, seguem sempre o Cordeiro onde for.

A minha alma engrandece ao Senhor
e se alegrou o meu espírito em Deus, meu Salvador;
pois ele viu a pequenez de sua serva,
desde agora as gera√ß√Ķes h√£o de chamar-me de bendita.¬†

O Poderoso fez por mim maravilhas
e Santo é o seu nome! 
Seu amor, de geração em geração,
chega a todos que o respeitam; 

demonstrou o poder de seu braço,
dispersou os orgulhosos;
derrubou os poderosos de seus tronos
e os humildes exaltou;

De bens saciou os famintos,
e despediu, sem nada, os ricos.
Acolheu Israel, seu servidor,
fiel ao seu amor,

como havia prometido aos nossos pais,
em favor de Abraão e de seus filhos, para sempre. 

Glória ao Pai...

Preces
Repletos de alegria, invoquemos a Deus, recompensa e glória de todos os santos e santas; e digamos:

R. Salvai-nos, Senhor, por intercess√£o de vossos santos!

Deus de infinita sabedoria que, por Cristo, constituístes os apóstolos como fundamentos da fé da Igreja,
‚Äď conservai-nos fi√©is √† f√© que eles nos ensinaram. R.

Vós, que destes aos mártires a coragem do testemunho até derramarem o próprio sangue,
‚Äď tornai os crist√£os testemunhas fi√©is do vosso Filho. R.

Vós, que concedestes às santas Virgens o dom inestimável de imitar a Cristo virgem,
‚Äď fazei que todos reconhe√ßam a virgindade consagrada a v√≥s como aut√™ntico sinal do reino dos c√©us. R.

Vós, que manifestais em todos os santos e santas a vossa presença, o vosso rosto e a vossa palavra,
‚Äď dai-nos a gra√ßa de nos sentirmos mais pr√≥ximos de v√≥s quando os honramos. R.

(Inten√ß√Ķes livres)

Concedei aos que morreram viver eternamente no céu com a Virgem Maria, São José e todos os santos e santas,
‚Äď e, por intercess√£o deles, fazei-nos participar da sua companhia. R.

Pai nosso...

ANT√ćFONA MARIANA
Salve Rainha, Mãe de Misericórdia, vida e doçura esperança nossa salve! A vós bradamos os degredados filhos de Eva.
A vós suspiramos gemendo e chorando neste vale de lágrimas.
Eia, pois advogada nossa, esses vossos olhos misericordiosos a nós volvei, e depois deste desterro, mostrai-nos Jesus, bendito fruto do vosso ventre, ó clemente, ó piedosa ó doce e sempre Virgem Maria.
Rogai por nós Santa Mãe de Deus, para que sejamos dignos das promessas de Cristo. Amém

como havia prometido aos nossos pais,

em favor de Abra√£o e de seus filhos, para sempre.

Glória ao Pai...

Só em Deus encontramos repouso:
somente dele nos vem o auxílio!
Glória ao Pai, ao Filho e ao Espírito Santo,
como era no princípio, agora e sempre.
Amém.

Hino
Redentor de todos, Cristo,
vossos servos conservais,
abrandado pela Virgem
com suas preces maternais.

Multid√Ķes celestiais
dos espíritos amigos,
ontem, hoje e no futuro
defendei-nos do inimigo.

Do eternal Juiz profetas
e apóstolos do Senhor,
nos salvai com vossos rogos,
escutai nosso clamor.

Santos m√°rtires de Deus,
confessores luminosos,
vossas preces nos conduzam
para o céu, vitoriosos.

Santos monges e eremitas,
santos coros virginais,
dai-nos sermos os convivas
do Senhor, com quem reinais.

Nossa voz à vossa unimos,
dando graças ao Senhor.
E paguemos, na alegria,
nossa dívida em louvor.
C√Ęntico¬†¬†¬† ¬†¬†¬† ¬†¬†¬† ¬†¬†¬† ¬†¬†¬† ¬†¬†¬† ¬†¬†¬† ¬†¬†¬† Ap 4,11; 5,9.10.12

Vós sois digno, Senhor nosso Deus,
de receber honra, glória e poder!

Porque todas as coisas criastes,
é por vossa vontade que existem
e subsistem porque vós mandais.

Vós sois digno, Senhor nosso Deus,
de o livro nas m√£os receber
e de abrir suas folhas lacradas!

Porque fostes por nós imolado;
para Deus nos remiu vosso sangue
dentre todas as tribos e línguas,
dentre os povos da terra e na√ß√Ķes.

Pois fizestes de nós, para Deus,
sacerdotes e povo de reis,
e iremos reinar sobre a terra.

O Cordeiro imolado é digno
de receber honra, glória e poder,
sabedoria, louvor, divindade!

Glória ao Pai...

Leitura                                                                                                       2Cor 6,16b; 7,1
Vós sois templo de Deus vivo, como disse o próprio Deus: Eu habitarei no meio deles e andarei entre eles. Serei o seu Deus e eles serão o meu povo. Caríssimos, nós que recebemos essas promessas, purifiquemo-nos de toda mancha da carne e do espírito, completando a nossa santificação, no temor de Deus.

Vós santos e eleitos, alegrai-vos no Senhor!
Porque Deus vos escolheu para serdes sua herança.

MAGNIFICAT
Oh, quão glorioso é o Reino onde gozam os santos com Cristo.
Vestidos de brancas roupagens, seguem sempre o Cordeiro onde for.

A minha alma engrandece ao Senhor
e se alegrou o meu espírito em Deus, meu Salvador;
pois ele viu a pequenez de sua serva,
desde agora as gera√ß√Ķes h√£o de chamar-me de bendita.¬†

O Poderoso fez por mim maravilhas
e Santo é o seu nome! 
Seu amor, de geração em geração,
chega a todos que o respeitam; 

demonstrou o poder de seu braço,
dispersou os orgulhosos;
derrubou os poderosos de seus tronos
e os humildes exaltou;

De bens saciou os famintos,
e despediu, sem nada, os ricos.
Acolheu Israel, seu servidor,
fiel ao seu amor,

como havia prometido aos nossos pais,
em favor de Abraão e de seus filhos, para sempre. 

Glória ao Pai...

Preces
Repletos de alegria, invoquemos a Deus, recompensa e glória de todos os santos e santas; e digamos:

R. Salvai-nos, Senhor, por intercess√£o de vossos santos!

Deus de infinita sabedoria que, por Cristo, constituístes os apóstolos como fundamentos da fé da Igreja,
‚Äď conservai-nos fi√©is √† f√© que eles nos ensinaram. R.

Vós, que destes aos mártires a coragem do testemunho até derramarem o próprio sangue,
‚Äď tornai os crist√£os testemunhas fi√©is do vosso Filho. R.

Vós, que concedestes às santas Virgens o dom inestimável de imitar a Cristo virgem,
‚Äď fazei que todos reconhe√ßam a virgindade consagrada a v√≥s como aut√™ntico sinal do reino dos c√©us. R.

Vós, que manifestais em todos os santos e santas a vossa presença, o vosso rosto e a vossa palavra,
‚Äď dai-nos a gra√ßa de nos sentirmos mais pr√≥ximos de v√≥s quando os honramos. R.

(Inten√ß√Ķes livres)

Concedei aos que morreram viver eternamente no céu com a Virgem Maria, São José e todos os santos e santas,
‚Äď e, por intercess√£o deles, fazei-nos participar da sua companhia. R.

Pai nosso...

ANT√ćFONA MARIANA
Salve Rainha, Mãe de Misericórdia, vida e doçura esperança nossa salve! A vós bradamos os degredados filhos de Eva.
A vós suspiramos gemendo e chorando neste vale de lágrimas.
Eia, pois advogada nossa, esses vossos olhos misericordiosos a nós volvei, e depois deste desterro, mostrai-nos Jesus, bendito fruto do vosso ventre, ó clemente, ó piedosa ó doce e sempre Virgem Maria.
Rogai por nós Santa Mãe de Deus, para que sejamos dignos das promessas de Cristo. Amém

Preces

Repletos de alegria, invoquemos a Deus, recompensa e glória de todos os santos e santas; e digamos:

Só em Deus encontramos repouso:
somente dele nos vem o auxílio!
Glória ao Pai, ao Filho e ao Espírito Santo,
como era no princípio, agora e sempre.
Amém.

Hino
Redentor de todos, Cristo,
vossos servos conservais,
abrandado pela Virgem
com suas preces maternais.

Multid√Ķes celestiais
dos espíritos amigos,
ontem, hoje e no futuro
defendei-nos do inimigo.

Do eternal Juiz profetas
e apóstolos do Senhor,
nos salvai com vossos rogos,
escutai nosso clamor.

Santos m√°rtires de Deus,
confessores luminosos,
vossas preces nos conduzam
para o céu, vitoriosos.

Santos monges e eremitas,
santos coros virginais,
dai-nos sermos os convivas
do Senhor, com quem reinais.

Nossa voz à vossa unimos,
dando graças ao Senhor.
E paguemos, na alegria,
nossa dívida em louvor.
C√Ęntico¬†¬†¬† ¬†¬†¬† ¬†¬†¬† ¬†¬†¬† ¬†¬†¬† ¬†¬†¬† ¬†¬†¬† ¬†¬†¬† Ap 4,11; 5,9.10.12

Vós sois digno, Senhor nosso Deus,
de receber honra, glória e poder!

Porque todas as coisas criastes,
é por vossa vontade que existem
e subsistem porque vós mandais.

Vós sois digno, Senhor nosso Deus,
de o livro nas m√£os receber
e de abrir suas folhas lacradas!

Porque fostes por nós imolado;
para Deus nos remiu vosso sangue
dentre todas as tribos e línguas,
dentre os povos da terra e na√ß√Ķes.

Pois fizestes de nós, para Deus,
sacerdotes e povo de reis,
e iremos reinar sobre a terra.

O Cordeiro imolado é digno
de receber honra, glória e poder,
sabedoria, louvor, divindade!

Glória ao Pai...

Leitura                                                                                                       2Cor 6,16b; 7,1
Vós sois templo de Deus vivo, como disse o próprio Deus: Eu habitarei no meio deles e andarei entre eles. Serei o seu Deus e eles serão o meu povo. Caríssimos, nós que recebemos essas promessas, purifiquemo-nos de toda mancha da carne e do espírito, completando a nossa santificação, no temor de Deus.

Vós santos e eleitos, alegrai-vos no Senhor!
Porque Deus vos escolheu para serdes sua herança.

MAGNIFICAT
Oh, quão glorioso é o Reino onde gozam os santos com Cristo.
Vestidos de brancas roupagens, seguem sempre o Cordeiro onde for.

A minha alma engrandece ao Senhor
e se alegrou o meu espírito em Deus, meu Salvador;
pois ele viu a pequenez de sua serva,
desde agora as gera√ß√Ķes h√£o de chamar-me de bendita.¬†

O Poderoso fez por mim maravilhas
e Santo é o seu nome! 
Seu amor, de geração em geração,
chega a todos que o respeitam; 

demonstrou o poder de seu braço,
dispersou os orgulhosos;
derrubou os poderosos de seus tronos
e os humildes exaltou;

De bens saciou os famintos,
e despediu, sem nada, os ricos.
Acolheu Israel, seu servidor,
fiel ao seu amor,

como havia prometido aos nossos pais,
em favor de Abraão e de seus filhos, para sempre. 

Glória ao Pai...

Preces
Repletos de alegria, invoquemos a Deus, recompensa e glória de todos os santos e santas; e digamos:

R. Salvai-nos, Senhor, por intercess√£o de vossos santos!

Deus de infinita sabedoria que, por Cristo, constituístes os apóstolos como fundamentos da fé da Igreja,
‚Äď conservai-nos fi√©is √† f√© que eles nos ensinaram. R.

Vós, que destes aos mártires a coragem do testemunho até derramarem o próprio sangue,
‚Äď tornai os crist√£os testemunhas fi√©is do vosso Filho. R.

Vós, que concedestes às santas Virgens o dom inestimável de imitar a Cristo virgem,
‚Äď fazei que todos reconhe√ßam a virgindade consagrada a v√≥s como aut√™ntico sinal do reino dos c√©us. R.

Vós, que manifestais em todos os santos e santas a vossa presença, o vosso rosto e a vossa palavra,
‚Äď dai-nos a gra√ßa de nos sentirmos mais pr√≥ximos de v√≥s quando os honramos. R.

(Inten√ß√Ķes livres)

Concedei aos que morreram viver eternamente no céu com a Virgem Maria, São José e todos os santos e santas,
‚Äď e, por intercess√£o deles, fazei-nos participar da sua companhia. R.

Pai nosso...

ANT√ćFONA MARIANA
Salve Rainha, Mãe de Misericórdia, vida e doçura esperança nossa salve! A vós bradamos os degredados filhos de Eva.
A vós suspiramos gemendo e chorando neste vale de lágrimas.
Eia, pois advogada nossa, esses vossos olhos misericordiosos a nós volvei, e depois deste desterro, mostrai-nos Jesus, bendito fruto do vosso ventre, ó clemente, ó piedosa ó doce e sempre Virgem Maria.
Rogai por nós Santa Mãe de Deus, para que sejamos dignos das promessas de Cristo. Amém

  1. R. Salvai-nos, Senhor, por intercess√£o de vossos santos!

Só em Deus encontramos repouso:
somente dele nos vem o auxílio!
Glória ao Pai, ao Filho e ao Espírito Santo,
como era no princípio, agora e sempre.
Amém.

Hino
Redentor de todos, Cristo,
vossos servos conservais,
abrandado pela Virgem
com suas preces maternais.

Multid√Ķes celestiais
dos espíritos amigos,
ontem, hoje e no futuro
defendei-nos do inimigo.

Do eternal Juiz profetas
e apóstolos do Senhor,
nos salvai com vossos rogos,
escutai nosso clamor.

Santos m√°rtires de Deus,
confessores luminosos,
vossas preces nos conduzam
para o céu, vitoriosos.

Santos monges e eremitas,
santos coros virginais,
dai-nos sermos os convivas
do Senhor, com quem reinais.

Nossa voz à vossa unimos,
dando graças ao Senhor.
E paguemos, na alegria,
nossa dívida em louvor.
C√Ęntico¬†¬†¬† ¬†¬†¬† ¬†¬†¬† ¬†¬†¬† ¬†¬†¬† ¬†¬†¬† ¬†¬†¬† ¬†¬†¬† Ap 4,11; 5,9.10.12

Vós sois digno, Senhor nosso Deus,
de receber honra, glória e poder!

Porque todas as coisas criastes,
é por vossa vontade que existem
e subsistem porque vós mandais.

Vós sois digno, Senhor nosso Deus,
de o livro nas m√£os receber
e de abrir suas folhas lacradas!

Porque fostes por nós imolado;
para Deus nos remiu vosso sangue
dentre todas as tribos e línguas,
dentre os povos da terra e na√ß√Ķes.

Pois fizestes de nós, para Deus,
sacerdotes e povo de reis,
e iremos reinar sobre a terra.

O Cordeiro imolado é digno
de receber honra, glória e poder,
sabedoria, louvor, divindade!

Glória ao Pai...

Leitura                                                                                                       2Cor 6,16b; 7,1
Vós sois templo de Deus vivo, como disse o próprio Deus: Eu habitarei no meio deles e andarei entre eles. Serei o seu Deus e eles serão o meu povo. Caríssimos, nós que recebemos essas promessas, purifiquemo-nos de toda mancha da carne e do espírito, completando a nossa santificação, no temor de Deus.

Vós santos e eleitos, alegrai-vos no Senhor!
Porque Deus vos escolheu para serdes sua herança.

MAGNIFICAT
Oh, quão glorioso é o Reino onde gozam os santos com Cristo.
Vestidos de brancas roupagens, seguem sempre o Cordeiro onde for.

A minha alma engrandece ao Senhor
e se alegrou o meu espírito em Deus, meu Salvador;
pois ele viu a pequenez de sua serva,
desde agora as gera√ß√Ķes h√£o de chamar-me de bendita.¬†

O Poderoso fez por mim maravilhas
e Santo é o seu nome! 
Seu amor, de geração em geração,
chega a todos que o respeitam; 

demonstrou o poder de seu braço,
dispersou os orgulhosos;
derrubou os poderosos de seus tronos
e os humildes exaltou;

De bens saciou os famintos,
e despediu, sem nada, os ricos.
Acolheu Israel, seu servidor,
fiel ao seu amor,

como havia prometido aos nossos pais,
em favor de Abraão e de seus filhos, para sempre. 

Glória ao Pai...

Preces
Repletos de alegria, invoquemos a Deus, recompensa e glória de todos os santos e santas; e digamos:

R. Salvai-nos, Senhor, por intercess√£o de vossos santos!

Deus de infinita sabedoria que, por Cristo, constituístes os apóstolos como fundamentos da fé da Igreja,
‚Äď conservai-nos fi√©is √† f√© que eles nos ensinaram. R.

Vós, que destes aos mártires a coragem do testemunho até derramarem o próprio sangue,
‚Äď tornai os crist√£os testemunhas fi√©is do vosso Filho. R.

Vós, que concedestes às santas Virgens o dom inestimável de imitar a Cristo virgem,
‚Äď fazei que todos reconhe√ßam a virgindade consagrada a v√≥s como aut√™ntico sinal do reino dos c√©us. R.

Vós, que manifestais em todos os santos e santas a vossa presença, o vosso rosto e a vossa palavra,
‚Äď dai-nos a gra√ßa de nos sentirmos mais pr√≥ximos de v√≥s quando os honramos. R.

(Inten√ß√Ķes livres)

Concedei aos que morreram viver eternamente no céu com a Virgem Maria, São José e todos os santos e santas,
‚Äď e, por intercess√£o deles, fazei-nos participar da sua companhia. R.

Pai nosso...

ANT√ćFONA MARIANA
Salve Rainha, Mãe de Misericórdia, vida e doçura esperança nossa salve! A vós bradamos os degredados filhos de Eva.
A vós suspiramos gemendo e chorando neste vale de lágrimas.
Eia, pois advogada nossa, esses vossos olhos misericordiosos a nós volvei, e depois deste desterro, mostrai-nos Jesus, bendito fruto do vosso ventre, ó clemente, ó piedosa ó doce e sempre Virgem Maria.
Rogai por nós Santa Mãe de Deus, para que sejamos dignos das promessas de Cristo. Amém

Deus de infinita sabedoria que, por Cristo, constituístes os apóstolos como fundamentos da fé da Igreja,

‚Äď conservai-nos fi√©is √† f√© que eles nos ensinaram. R.

Só em Deus encontramos repouso:
somente dele nos vem o auxílio!
Glória ao Pai, ao Filho e ao Espírito Santo,
como era no princípio, agora e sempre.
Amém.

Hino
Redentor de todos, Cristo,
vossos servos conservais,
abrandado pela Virgem
com suas preces maternais.

Multid√Ķes celestiais
dos espíritos amigos,
ontem, hoje e no futuro
defendei-nos do inimigo.

Do eternal Juiz profetas
e apóstolos do Senhor,
nos salvai com vossos rogos,
escutai nosso clamor.

Santos m√°rtires de Deus,
confessores luminosos,
vossas preces nos conduzam
para o céu, vitoriosos.

Santos monges e eremitas,
santos coros virginais,
dai-nos sermos os convivas
do Senhor, com quem reinais.

Nossa voz à vossa unimos,
dando graças ao Senhor.
E paguemos, na alegria,
nossa dívida em louvor.
C√Ęntico¬†¬†¬† ¬†¬†¬† ¬†¬†¬† ¬†¬†¬† ¬†¬†¬† ¬†¬†¬† ¬†¬†¬† ¬†¬†¬† Ap 4,11; 5,9.10.12

Vós sois digno, Senhor nosso Deus,
de receber honra, glória e poder!

Porque todas as coisas criastes,
é por vossa vontade que existem
e subsistem porque vós mandais.

Vós sois digno, Senhor nosso Deus,
de o livro nas m√£os receber
e de abrir suas folhas lacradas!

Porque fostes por nós imolado;
para Deus nos remiu vosso sangue
dentre todas as tribos e línguas,
dentre os povos da terra e na√ß√Ķes.

Pois fizestes de nós, para Deus,
sacerdotes e povo de reis,
e iremos reinar sobre a terra.

O Cordeiro imolado é digno
de receber honra, glória e poder,
sabedoria, louvor, divindade!

Glória ao Pai...

Leitura                                                                                                       2Cor 6,16b; 7,1
Vós sois templo de Deus vivo, como disse o próprio Deus: Eu habitarei no meio deles e andarei entre eles. Serei o seu Deus e eles serão o meu povo. Caríssimos, nós que recebemos essas promessas, purifiquemo-nos de toda mancha da carne e do espírito, completando a nossa santificação, no temor de Deus.

Vós santos e eleitos, alegrai-vos no Senhor!
Porque Deus vos escolheu para serdes sua herança.

MAGNIFICAT
Oh, quão glorioso é o Reino onde gozam os santos com Cristo.
Vestidos de brancas roupagens, seguem sempre o Cordeiro onde for.

A minha alma engrandece ao Senhor
e se alegrou o meu espírito em Deus, meu Salvador;
pois ele viu a pequenez de sua serva,
desde agora as gera√ß√Ķes h√£o de chamar-me de bendita.¬†

O Poderoso fez por mim maravilhas
e Santo é o seu nome! 
Seu amor, de geração em geração,
chega a todos que o respeitam; 

demonstrou o poder de seu braço,
dispersou os orgulhosos;
derrubou os poderosos de seus tronos
e os humildes exaltou;

De bens saciou os famintos,
e despediu, sem nada, os ricos.
Acolheu Israel, seu servidor,
fiel ao seu amor,

como havia prometido aos nossos pais,
em favor de Abraão e de seus filhos, para sempre. 

Glória ao Pai...

Preces
Repletos de alegria, invoquemos a Deus, recompensa e glória de todos os santos e santas; e digamos:

R. Salvai-nos, Senhor, por intercess√£o de vossos santos!

Deus de infinita sabedoria que, por Cristo, constituístes os apóstolos como fundamentos da fé da Igreja,
‚Äď conservai-nos fi√©is √† f√© que eles nos ensinaram. R.

Vós, que destes aos mártires a coragem do testemunho até derramarem o próprio sangue,
‚Äď tornai os crist√£os testemunhas fi√©is do vosso Filho. R.

Vós, que concedestes às santas Virgens o dom inestimável de imitar a Cristo virgem,
‚Äď fazei que todos reconhe√ßam a virgindade consagrada a v√≥s como aut√™ntico sinal do reino dos c√©us. R.

Vós, que manifestais em todos os santos e santas a vossa presença, o vosso rosto e a vossa palavra,
‚Äď dai-nos a gra√ßa de nos sentirmos mais pr√≥ximos de v√≥s quando os honramos. R.

(Inten√ß√Ķes livres)

Concedei aos que morreram viver eternamente no céu com a Virgem Maria, São José e todos os santos e santas,
‚Äď e, por intercess√£o deles, fazei-nos participar da sua companhia. R.

Pai nosso...

ANT√ćFONA MARIANA
Salve Rainha, Mãe de Misericórdia, vida e doçura esperança nossa salve! A vós bradamos os degredados filhos de Eva.
A vós suspiramos gemendo e chorando neste vale de lágrimas.
Eia, pois advogada nossa, esses vossos olhos misericordiosos a nós volvei, e depois deste desterro, mostrai-nos Jesus, bendito fruto do vosso ventre, ó clemente, ó piedosa ó doce e sempre Virgem Maria.
Rogai por nós Santa Mãe de Deus, para que sejamos dignos das promessas de Cristo. Amém

Vós, que destes aos mártires a coragem do testemunho até derramarem o próprio sangue,

‚Äď tornai os crist√£os testemunhas fi√©is do vosso Filho. R.

Só em Deus encontramos repouso:
somente dele nos vem o auxílio!
Glória ao Pai, ao Filho e ao Espírito Santo,
como era no princípio, agora e sempre.
Amém.

Hino
Redentor de todos, Cristo,
vossos servos conservais,
abrandado pela Virgem
com suas preces maternais.

Multid√Ķes celestiais
dos espíritos amigos,
ontem, hoje e no futuro
defendei-nos do inimigo.

Do eternal Juiz profetas
e apóstolos do Senhor,
nos salvai com vossos rogos,
escutai nosso clamor.

Santos m√°rtires de Deus,
confessores luminosos,
vossas preces nos conduzam
para o céu, vitoriosos.

Santos monges e eremitas,
santos coros virginais,
dai-nos sermos os convivas
do Senhor, com quem reinais.

Nossa voz à vossa unimos,
dando graças ao Senhor.
E paguemos, na alegria,
nossa dívida em louvor.
C√Ęntico¬†¬†¬† ¬†¬†¬† ¬†¬†¬† ¬†¬†¬† ¬†¬†¬† ¬†¬†¬† ¬†¬†¬† ¬†¬†¬† Ap 4,11; 5,9.10.12

Vós sois digno, Senhor nosso Deus,
de receber honra, glória e poder!

Porque todas as coisas criastes,
é por vossa vontade que existem
e subsistem porque vós mandais.

Vós sois digno, Senhor nosso Deus,
de o livro nas m√£os receber
e de abrir suas folhas lacradas!

Porque fostes por nós imolado;
para Deus nos remiu vosso sangue
dentre todas as tribos e línguas,
dentre os povos da terra e na√ß√Ķes.

Pois fizestes de nós, para Deus,
sacerdotes e povo de reis,
e iremos reinar sobre a terra.

O Cordeiro imolado é digno
de receber honra, glória e poder,
sabedoria, louvor, divindade!

Glória ao Pai...

Leitura                                                                                                       2Cor 6,16b; 7,1
Vós sois templo de Deus vivo, como disse o próprio Deus: Eu habitarei no meio deles e andarei entre eles. Serei o seu Deus e eles serão o meu povo. Caríssimos, nós que recebemos essas promessas, purifiquemo-nos de toda mancha da carne e do espírito, completando a nossa santificação, no temor de Deus.

Vós santos e eleitos, alegrai-vos no Senhor!
Porque Deus vos escolheu para serdes sua herança.

MAGNIFICAT
Oh, quão glorioso é o Reino onde gozam os santos com Cristo.
Vestidos de brancas roupagens, seguem sempre o Cordeiro onde for.

A minha alma engrandece ao Senhor
e se alegrou o meu espírito em Deus, meu Salvador;
pois ele viu a pequenez de sua serva,
desde agora as gera√ß√Ķes h√£o de chamar-me de bendita.¬†

O Poderoso fez por mim maravilhas
e Santo é o seu nome! 
Seu amor, de geração em geração,
chega a todos que o respeitam; 

demonstrou o poder de seu braço,
dispersou os orgulhosos;
derrubou os poderosos de seus tronos
e os humildes exaltou;

De bens saciou os famintos,
e despediu, sem nada, os ricos.
Acolheu Israel, seu servidor,
fiel ao seu amor,

como havia prometido aos nossos pais,
em favor de Abraão e de seus filhos, para sempre. 

Glória ao Pai...

Preces
Repletos de alegria, invoquemos a Deus, recompensa e glória de todos os santos e santas; e digamos:

R. Salvai-nos, Senhor, por intercess√£o de vossos santos!

Deus de infinita sabedoria que, por Cristo, constituístes os apóstolos como fundamentos da fé da Igreja,
‚Äď conservai-nos fi√©is √† f√© que eles nos ensinaram. R.

Vós, que destes aos mártires a coragem do testemunho até derramarem o próprio sangue,
‚Äď tornai os crist√£os testemunhas fi√©is do vosso Filho. R.

Vós, que concedestes às santas Virgens o dom inestimável de imitar a Cristo virgem,
‚Äď fazei que todos reconhe√ßam a virgindade consagrada a v√≥s como aut√™ntico sinal do reino dos c√©us. R.

Vós, que manifestais em todos os santos e santas a vossa presença, o vosso rosto e a vossa palavra,
‚Äď dai-nos a gra√ßa de nos sentirmos mais pr√≥ximos de v√≥s quando os honramos. R.

(Inten√ß√Ķes livres)

Concedei aos que morreram viver eternamente no céu com a Virgem Maria, São José e todos os santos e santas,
‚Äď e, por intercess√£o deles, fazei-nos participar da sua companhia. R.

Pai nosso...

ANT√ćFONA MARIANA
Salve Rainha, Mãe de Misericórdia, vida e doçura esperança nossa salve! A vós bradamos os degredados filhos de Eva.
A vós suspiramos gemendo e chorando neste vale de lágrimas.
Eia, pois advogada nossa, esses vossos olhos misericordiosos a nós volvei, e depois deste desterro, mostrai-nos Jesus, bendito fruto do vosso ventre, ó clemente, ó piedosa ó doce e sempre Virgem Maria.
Rogai por nós Santa Mãe de Deus, para que sejamos dignos das promessas de Cristo. Amém

Vós, que concedestes às santas Virgens o dom inestimável de imitar a Cristo virgem,

‚Äď fazei que todos reconhe√ßam a virgindade consagrada a v√≥s como aut√™ntico sinal do reino dos c√©us. R.

Só em Deus encontramos repouso:
somente dele nos vem o auxílio!
Glória ao Pai, ao Filho e ao Espírito Santo,
como era no princípio, agora e sempre.
Amém.

Hino
Redentor de todos, Cristo,
vossos servos conservais,
abrandado pela Virgem
com suas preces maternais.

Multid√Ķes celestiais
dos espíritos amigos,
ontem, hoje e no futuro
defendei-nos do inimigo.

Do eternal Juiz profetas
e apóstolos do Senhor,
nos salvai com vossos rogos,
escutai nosso clamor.

Santos m√°rtires de Deus,
confessores luminosos,
vossas preces nos conduzam
para o céu, vitoriosos.

Santos monges e eremitas,
santos coros virginais,
dai-nos sermos os convivas
do Senhor, com quem reinais.

Nossa voz à vossa unimos,
dando graças ao Senhor.
E paguemos, na alegria,
nossa dívida em louvor.
C√Ęntico¬†¬†¬† ¬†¬†¬† ¬†¬†¬† ¬†¬†¬† ¬†¬†¬† ¬†¬†¬† ¬†¬†¬† ¬†¬†¬† Ap 4,11; 5,9.10.12

Vós sois digno, Senhor nosso Deus,
de receber honra, glória e poder!

Porque todas as coisas criastes,
é por vossa vontade que existem
e subsistem porque vós mandais.

Vós sois digno, Senhor nosso Deus,
de o livro nas m√£os receber
e de abrir suas folhas lacradas!

Porque fostes por nós imolado;
para Deus nos remiu vosso sangue
dentre todas as tribos e línguas,
dentre os povos da terra e na√ß√Ķes.

Pois fizestes de nós, para Deus,
sacerdotes e povo de reis,
e iremos reinar sobre a terra.

O Cordeiro imolado é digno
de receber honra, glória e poder,
sabedoria, louvor, divindade!

Glória ao Pai...

Leitura                                                                                                       2Cor 6,16b; 7,1
Vós sois templo de Deus vivo, como disse o próprio Deus: Eu habitarei no meio deles e andarei entre eles. Serei o seu Deus e eles serão o meu povo. Caríssimos, nós que recebemos essas promessas, purifiquemo-nos de toda mancha da carne e do espírito, completando a nossa santificação, no temor de Deus.

Vós santos e eleitos, alegrai-vos no Senhor!
Porque Deus vos escolheu para serdes sua herança.

MAGNIFICAT
Oh, quão glorioso é o Reino onde gozam os santos com Cristo.
Vestidos de brancas roupagens, seguem sempre o Cordeiro onde for.

A minha alma engrandece ao Senhor
e se alegrou o meu espírito em Deus, meu Salvador;
pois ele viu a pequenez de sua serva,
desde agora as gera√ß√Ķes h√£o de chamar-me de bendita.¬†

O Poderoso fez por mim maravilhas
e Santo é o seu nome! 
Seu amor, de geração em geração,
chega a todos que o respeitam; 

demonstrou o poder de seu braço,
dispersou os orgulhosos;
derrubou os poderosos de seus tronos
e os humildes exaltou;

De bens saciou os famintos,
e despediu, sem nada, os ricos.
Acolheu Israel, seu servidor,
fiel ao seu amor,

como havia prometido aos nossos pais,
em favor de Abraão e de seus filhos, para sempre. 

Glória ao Pai...

Preces
Repletos de alegria, invoquemos a Deus, recompensa e glória de todos os santos e santas; e digamos:

R. Salvai-nos, Senhor, por intercess√£o de vossos santos!

Deus de infinita sabedoria que, por Cristo, constituístes os apóstolos como fundamentos da fé da Igreja,
‚Äď conservai-nos fi√©is √† f√© que eles nos ensinaram. R.

Vós, que destes aos mártires a coragem do testemunho até derramarem o próprio sangue,
‚Äď tornai os crist√£os testemunhas fi√©is do vosso Filho. R.

Vós, que concedestes às santas Virgens o dom inestimável de imitar a Cristo virgem,
‚Äď fazei que todos reconhe√ßam a virgindade consagrada a v√≥s como aut√™ntico sinal do reino dos c√©us. R.

Vós, que manifestais em todos os santos e santas a vossa presença, o vosso rosto e a vossa palavra,
‚Äď dai-nos a gra√ßa de nos sentirmos mais pr√≥ximos de v√≥s quando os honramos. R.

(Inten√ß√Ķes livres)

Concedei aos que morreram viver eternamente no céu com a Virgem Maria, São José e todos os santos e santas,
‚Äď e, por intercess√£o deles, fazei-nos participar da sua companhia. R.

Pai nosso...

ANT√ćFONA MARIANA
Salve Rainha, Mãe de Misericórdia, vida e doçura esperança nossa salve! A vós bradamos os degredados filhos de Eva.
A vós suspiramos gemendo e chorando neste vale de lágrimas.
Eia, pois advogada nossa, esses vossos olhos misericordiosos a nós volvei, e depois deste desterro, mostrai-nos Jesus, bendito fruto do vosso ventre, ó clemente, ó piedosa ó doce e sempre Virgem Maria.
Rogai por nós Santa Mãe de Deus, para que sejamos dignos das promessas de Cristo. Amém

Vós, que manifestais em todos os santos e santas a vossa presença, o vosso rosto e a vossa palavra,

‚Äď dai-nos a gra√ßa de nos sentirmos mais pr√≥ximos de v√≥s quando os honramos. R.

Só em Deus encontramos repouso:
somente dele nos vem o auxílio!
Glória ao Pai, ao Filho e ao Espírito Santo,
como era no princípio, agora e sempre.
Amém.

Hino
Redentor de todos, Cristo,
vossos servos conservais,
abrandado pela Virgem
com suas preces maternais.

Multid√Ķes celestiais
dos espíritos amigos,
ontem, hoje e no futuro
defendei-nos do inimigo.

Do eternal Juiz profetas
e apóstolos do Senhor,
nos salvai com vossos rogos,
escutai nosso clamor.

Santos m√°rtires de Deus,
confessores luminosos,
vossas preces nos conduzam
para o céu, vitoriosos.

Santos monges e eremitas,
santos coros virginais,
dai-nos sermos os convivas
do Senhor, com quem reinais.

Nossa voz à vossa unimos,
dando graças ao Senhor.
E paguemos, na alegria,
nossa dívida em louvor.
C√Ęntico¬†¬†¬† ¬†¬†¬† ¬†¬†¬† ¬†¬†¬† ¬†¬†¬† ¬†¬†¬† ¬†¬†¬† ¬†¬†¬† Ap 4,11; 5,9.10.12

Vós sois digno, Senhor nosso Deus,
de receber honra, glória e poder!

Porque todas as coisas criastes,
é por vossa vontade que existem
e subsistem porque vós mandais.

Vós sois digno, Senhor nosso Deus,
de o livro nas m√£os receber
e de abrir suas folhas lacradas!

Porque fostes por nós imolado;
para Deus nos remiu vosso sangue
dentre todas as tribos e línguas,
dentre os povos da terra e na√ß√Ķes.

Pois fizestes de nós, para Deus,
sacerdotes e povo de reis,
e iremos reinar sobre a terra.

O Cordeiro imolado é digno
de receber honra, glória e poder,
sabedoria, louvor, divindade!

Glória ao Pai...

Leitura                                                                                                       2Cor 6,16b; 7,1
Vós sois templo de Deus vivo, como disse o próprio Deus: Eu habitarei no meio deles e andarei entre eles. Serei o seu Deus e eles serão o meu povo. Caríssimos, nós que recebemos essas promessas, purifiquemo-nos de toda mancha da carne e do espírito, completando a nossa santificação, no temor de Deus.

Vós santos e eleitos, alegrai-vos no Senhor!
Porque Deus vos escolheu para serdes sua herança.

MAGNIFICAT
Oh, quão glorioso é o Reino onde gozam os santos com Cristo.
Vestidos de brancas roupagens, seguem sempre o Cordeiro onde for.

A minha alma engrandece ao Senhor
e se alegrou o meu espírito em Deus, meu Salvador;
pois ele viu a pequenez de sua serva,
desde agora as gera√ß√Ķes h√£o de chamar-me de bendita.¬†

O Poderoso fez por mim maravilhas
e Santo é o seu nome! 
Seu amor, de geração em geração,
chega a todos que o respeitam; 

demonstrou o poder de seu braço,
dispersou os orgulhosos;
derrubou os poderosos de seus tronos
e os humildes exaltou;

De bens saciou os famintos,
e despediu, sem nada, os ricos.
Acolheu Israel, seu servidor,
fiel ao seu amor,

como havia prometido aos nossos pais,
em favor de Abraão e de seus filhos, para sempre. 

Glória ao Pai...

Preces
Repletos de alegria, invoquemos a Deus, recompensa e glória de todos os santos e santas; e digamos:

R. Salvai-nos, Senhor, por intercess√£o de vossos santos!

Deus de infinita sabedoria que, por Cristo, constituístes os apóstolos como fundamentos da fé da Igreja,
‚Äď conservai-nos fi√©is √† f√© que eles nos ensinaram. R.

Vós, que destes aos mártires a coragem do testemunho até derramarem o próprio sangue,
‚Äď tornai os crist√£os testemunhas fi√©is do vosso Filho. R.

Vós, que concedestes às santas Virgens o dom inestimável de imitar a Cristo virgem,
‚Äď fazei que todos reconhe√ßam a virgindade consagrada a v√≥s como aut√™ntico sinal do reino dos c√©us. R.

Vós, que manifestais em todos os santos e santas a vossa presença, o vosso rosto e a vossa palavra,
‚Äď dai-nos a gra√ßa de nos sentirmos mais pr√≥ximos de v√≥s quando os honramos. R.

(Inten√ß√Ķes livres)

Concedei aos que morreram viver eternamente no céu com a Virgem Maria, São José e todos os santos e santas,
‚Äď e, por intercess√£o deles, fazei-nos participar da sua companhia. R.

Pai nosso...

ANT√ćFONA MARIANA
Salve Rainha, Mãe de Misericórdia, vida e doçura esperança nossa salve! A vós bradamos os degredados filhos de Eva.
A vós suspiramos gemendo e chorando neste vale de lágrimas.
Eia, pois advogada nossa, esses vossos olhos misericordiosos a nós volvei, e depois deste desterro, mostrai-nos Jesus, bendito fruto do vosso ventre, ó clemente, ó piedosa ó doce e sempre Virgem Maria.
Rogai por nós Santa Mãe de Deus, para que sejamos dignos das promessas de Cristo. Amém

(Inten√ß√Ķes livres)

Só em Deus encontramos repouso:
somente dele nos vem o auxílio!
Glória ao Pai, ao Filho e ao Espírito Santo,
como era no princípio, agora e sempre.
Amém.

Hino
Redentor de todos, Cristo,
vossos servos conservais,
abrandado pela Virgem
com suas preces maternais.

Multid√Ķes celestiais
dos espíritos amigos,
ontem, hoje e no futuro
defendei-nos do inimigo.

Do eternal Juiz profetas
e apóstolos do Senhor,
nos salvai com vossos rogos,
escutai nosso clamor.

Santos m√°rtires de Deus,
confessores luminosos,
vossas preces nos conduzam
para o céu, vitoriosos.

Santos monges e eremitas,
santos coros virginais,
dai-nos sermos os convivas
do Senhor, com quem reinais.

Nossa voz à vossa unimos,
dando graças ao Senhor.
E paguemos, na alegria,
nossa dívida em louvor.
C√Ęntico¬†¬†¬† ¬†¬†¬† ¬†¬†¬† ¬†¬†¬† ¬†¬†¬† ¬†¬†¬† ¬†¬†¬† ¬†¬†¬† Ap 4,11; 5,9.10.12

Vós sois digno, Senhor nosso Deus,
de receber honra, glória e poder!

Porque todas as coisas criastes,
é por vossa vontade que existem
e subsistem porque vós mandais.

Vós sois digno, Senhor nosso Deus,
de o livro nas m√£os receber
e de abrir suas folhas lacradas!

Porque fostes por nós imolado;
para Deus nos remiu vosso sangue
dentre todas as tribos e línguas,
dentre os povos da terra e na√ß√Ķes.

Pois fizestes de nós, para Deus,
sacerdotes e povo de reis,
e iremos reinar sobre a terra.

O Cordeiro imolado é digno
de receber honra, glória e poder,
sabedoria, louvor, divindade!

Glória ao Pai...

Leitura                                                                                                       2Cor 6,16b; 7,1
Vós sois templo de Deus vivo, como disse o próprio Deus: Eu habitarei no meio deles e andarei entre eles. Serei o seu Deus e eles serão o meu povo. Caríssimos, nós que recebemos essas promessas, purifiquemo-nos de toda mancha da carne e do espírito, completando a nossa santificação, no temor de Deus.

Vós santos e eleitos, alegrai-vos no Senhor!
Porque Deus vos escolheu para serdes sua herança.

MAGNIFICAT
Oh, quão glorioso é o Reino onde gozam os santos com Cristo.
Vestidos de brancas roupagens, seguem sempre o Cordeiro onde for.

A minha alma engrandece ao Senhor
e se alegrou o meu espírito em Deus, meu Salvador;
pois ele viu a pequenez de sua serva,
desde agora as gera√ß√Ķes h√£o de chamar-me de bendita.¬†

O Poderoso fez por mim maravilhas
e Santo é o seu nome! 
Seu amor, de geração em geração,
chega a todos que o respeitam; 

demonstrou o poder de seu braço,
dispersou os orgulhosos;
derrubou os poderosos de seus tronos
e os humildes exaltou;

De bens saciou os famintos,
e despediu, sem nada, os ricos.
Acolheu Israel, seu servidor,
fiel ao seu amor,

como havia prometido aos nossos pais,
em favor de Abraão e de seus filhos, para sempre. 

Glória ao Pai...

Preces
Repletos de alegria, invoquemos a Deus, recompensa e glória de todos os santos e santas; e digamos:

R. Salvai-nos, Senhor, por intercess√£o de vossos santos!

Deus de infinita sabedoria que, por Cristo, constituístes os apóstolos como fundamentos da fé da Igreja,
‚Äď conservai-nos fi√©is √† f√© que eles nos ensinaram. R.

Vós, que destes aos mártires a coragem do testemunho até derramarem o próprio sangue,
‚Äď tornai os crist√£os testemunhas fi√©is do vosso Filho. R.

Vós, que concedestes às santas Virgens o dom inestimável de imitar a Cristo virgem,
‚Äď fazei que todos reconhe√ßam a virgindade consagrada a v√≥s como aut√™ntico sinal do reino dos c√©us. R.

Vós, que manifestais em todos os santos e santas a vossa presença, o vosso rosto e a vossa palavra,
‚Äď dai-nos a gra√ßa de nos sentirmos mais pr√≥ximos de v√≥s quando os honramos. R.

(Inten√ß√Ķes livres)

Concedei aos que morreram viver eternamente no céu com a Virgem Maria, São José e todos os santos e santas,
‚Äď e, por intercess√£o deles, fazei-nos participar da sua companhia. R.

Pai nosso...

ANT√ćFONA MARIANA
Salve Rainha, Mãe de Misericórdia, vida e doçura esperança nossa salve! A vós bradamos os degredados filhos de Eva.
A vós suspiramos gemendo e chorando neste vale de lágrimas.
Eia, pois advogada nossa, esses vossos olhos misericordiosos a nós volvei, e depois deste desterro, mostrai-nos Jesus, bendito fruto do vosso ventre, ó clemente, ó piedosa ó doce e sempre Virgem Maria.
Rogai por nós Santa Mãe de Deus, para que sejamos dignos das promessas de Cristo. Amém

Concedei aos que morreram viver eternamente no céu com a Virgem Maria, São José e todos os santos e santas,

‚Äď e, por intercess√£o deles, fazei-nos participar da sua companhia. R.

Só em Deus encontramos repouso:
somente dele nos vem o auxílio!
Glória ao Pai, ao Filho e ao Espírito Santo,
como era no princípio, agora e sempre.
Amém.

Hino
Redentor de todos, Cristo,
vossos servos conservais,
abrandado pela Virgem
com suas preces maternais.

Multid√Ķes celestiais
dos espíritos amigos,
ontem, hoje e no futuro
defendei-nos do inimigo.

Do eternal Juiz profetas
e apóstolos do Senhor,
nos salvai com vossos rogos,
escutai nosso clamor.

Santos m√°rtires de Deus,
confessores luminosos,
vossas preces nos conduzam
para o céu, vitoriosos.

Santos monges e eremitas,
santos coros virginais,
dai-nos sermos os convivas
do Senhor, com quem reinais.

Nossa voz à vossa unimos,
dando graças ao Senhor.
E paguemos, na alegria,
nossa dívida em louvor.
C√Ęntico¬†¬†¬† ¬†¬†¬† ¬†¬†¬† ¬†¬†¬† ¬†¬†¬† ¬†¬†¬† ¬†¬†¬† ¬†¬†¬† Ap 4,11; 5,9.10.12

Vós sois digno, Senhor nosso Deus,
de receber honra, glória e poder!

Porque todas as coisas criastes,
é por vossa vontade que existem
e subsistem porque vós mandais.

Vós sois digno, Senhor nosso Deus,
de o livro nas m√£os receber
e de abrir suas folhas lacradas!

Porque fostes por nós imolado;
para Deus nos remiu vosso sangue
dentre todas as tribos e línguas,
dentre os povos da terra e na√ß√Ķes.

Pois fizestes de nós, para Deus,
sacerdotes e povo de reis,
e iremos reinar sobre a terra.

O Cordeiro imolado é digno
de receber honra, glória e poder,
sabedoria, louvor, divindade!

Glória ao Pai...

Leitura                                                                                                       2Cor 6,16b; 7,1
Vós sois templo de Deus vivo, como disse o próprio Deus: Eu habitarei no meio deles e andarei entre eles. Serei o seu Deus e eles serão o meu povo. Caríssimos, nós que recebemos essas promessas, purifiquemo-nos de toda mancha da carne e do espírito, completando a nossa santificação, no temor de Deus.

Vós santos e eleitos, alegrai-vos no Senhor!
Porque Deus vos escolheu para serdes sua herança.

MAGNIFICAT
Oh, quão glorioso é o Reino onde gozam os santos com Cristo.
Vestidos de brancas roupagens, seguem sempre o Cordeiro onde for.

A minha alma engrandece ao Senhor
e se alegrou o meu espírito em Deus, meu Salvador;
pois ele viu a pequenez de sua serva,
desde agora as gera√ß√Ķes h√£o de chamar-me de bendita.¬†

O Poderoso fez por mim maravilhas
e Santo é o seu nome! 
Seu amor, de geração em geração,
chega a todos que o respeitam; 

demonstrou o poder de seu braço,
dispersou os orgulhosos;
derrubou os poderosos de seus tronos
e os humildes exaltou;

De bens saciou os famintos,
e despediu, sem nada, os ricos.
Acolheu Israel, seu servidor,
fiel ao seu amor,

como havia prometido aos nossos pais,
em favor de Abraão e de seus filhos, para sempre. 

Glória ao Pai...

Preces
Repletos de alegria, invoquemos a Deus, recompensa e glória de todos os santos e santas; e digamos:

R. Salvai-nos, Senhor, por intercess√£o de vossos santos!

Deus de infinita sabedoria que, por Cristo, constituístes os apóstolos como fundamentos da fé da Igreja,
‚Äď conservai-nos fi√©is √† f√© que eles nos ensinaram. R.

Vós, que destes aos mártires a coragem do testemunho até derramarem o próprio sangue,
‚Äď tornai os crist√£os testemunhas fi√©is do vosso Filho. R.

Vós, que concedestes às santas Virgens o dom inestimável de imitar a Cristo virgem,
‚Äď fazei que todos reconhe√ßam a virgindade consagrada a v√≥s como aut√™ntico sinal do reino dos c√©us. R.

Vós, que manifestais em todos os santos e santas a vossa presença, o vosso rosto e a vossa palavra,
‚Äď dai-nos a gra√ßa de nos sentirmos mais pr√≥ximos de v√≥s quando os honramos. R.

(Inten√ß√Ķes livres)

Concedei aos que morreram viver eternamente no céu com a Virgem Maria, São José e todos os santos e santas,
‚Äď e, por intercess√£o deles, fazei-nos participar da sua companhia. R.

Pai nosso...

ANT√ćFONA MARIANA
Salve Rainha, Mãe de Misericórdia, vida e doçura esperança nossa salve! A vós bradamos os degredados filhos de Eva.
A vós suspiramos gemendo e chorando neste vale de lágrimas.
Eia, pois advogada nossa, esses vossos olhos misericordiosos a nós volvei, e depois deste desterro, mostrai-nos Jesus, bendito fruto do vosso ventre, ó clemente, ó piedosa ó doce e sempre Virgem Maria.
Rogai por nós Santa Mãe de Deus, para que sejamos dignos das promessas de Cristo. Amém

Pai nosso...

Só em Deus encontramos repouso:
somente dele nos vem o auxílio!
Glória ao Pai, ao Filho e ao Espírito Santo,
como era no princípio, agora e sempre.
Amém.

Hino
Redentor de todos, Cristo,
vossos servos conservais,
abrandado pela Virgem
com suas preces maternais.

Multid√Ķes celestiais
dos espíritos amigos,
ontem, hoje e no futuro
defendei-nos do inimigo.

Do eternal Juiz profetas
e apóstolos do Senhor,
nos salvai com vossos rogos,
escutai nosso clamor.

Santos m√°rtires de Deus,
confessores luminosos,
vossas preces nos conduzam
para o céu, vitoriosos.

Santos monges e eremitas,
santos coros virginais,
dai-nos sermos os convivas
do Senhor, com quem reinais.

Nossa voz à vossa unimos,
dando graças ao Senhor.
E paguemos, na alegria,
nossa dívida em louvor.
C√Ęntico¬†¬†¬† ¬†¬†¬† ¬†¬†¬† ¬†¬†¬† ¬†¬†¬† ¬†¬†¬† ¬†¬†¬† ¬†¬†¬† Ap 4,11; 5,9.10.12

Vós sois digno, Senhor nosso Deus,
de receber honra, glória e poder!

Porque todas as coisas criastes,
é por vossa vontade que existem
e subsistem porque vós mandais.

Vós sois digno, Senhor nosso Deus,
de o livro nas m√£os receber
e de abrir suas folhas lacradas!

Porque fostes por nós imolado;
para Deus nos remiu vosso sangue
dentre todas as tribos e línguas,
dentre os povos da terra e na√ß√Ķes.

Pois fizestes de nós, para Deus,
sacerdotes e povo de reis,
e iremos reinar sobre a terra.

O Cordeiro imolado é digno
de receber honra, glória e poder,
sabedoria, louvor, divindade!

Glória ao Pai...

Leitura                                                                                                       2Cor 6,16b; 7,1
Vós sois templo de Deus vivo, como disse o próprio Deus: Eu habitarei no meio deles e andarei entre eles. Serei o seu Deus e eles serão o meu povo. Caríssimos, nós que recebemos essas promessas, purifiquemo-nos de toda mancha da carne e do espírito, completando a nossa santificação, no temor de Deus.

Vós santos e eleitos, alegrai-vos no Senhor!
Porque Deus vos escolheu para serdes sua herança.

MAGNIFICAT
Oh, quão glorioso é o Reino onde gozam os santos com Cristo.
Vestidos de brancas roupagens, seguem sempre o Cordeiro onde for.

A minha alma engrandece ao Senhor
e se alegrou o meu espírito em Deus, meu Salvador;
pois ele viu a pequenez de sua serva,
desde agora as gera√ß√Ķes h√£o de chamar-me de bendita.¬†

O Poderoso fez por mim maravilhas
e Santo é o seu nome! 
Seu amor, de geração em geração,
chega a todos que o respeitam; 

demonstrou o poder de seu braço,
dispersou os orgulhosos;
derrubou os poderosos de seus tronos
e os humildes exaltou;

De bens saciou os famintos,
e despediu, sem nada, os ricos.
Acolheu Israel, seu servidor,
fiel ao seu amor,

como havia prometido aos nossos pais,
em favor de Abraão e de seus filhos, para sempre. 

Glória ao Pai...

Preces
Repletos de alegria, invoquemos a Deus, recompensa e glória de todos os santos e santas; e digamos:

R. Salvai-nos, Senhor, por intercess√£o de vossos santos!

Deus de infinita sabedoria que, por Cristo, constituístes os apóstolos como fundamentos da fé da Igreja,
‚Äď conservai-nos fi√©is √† f√© que eles nos ensinaram. R.

Vós, que destes aos mártires a coragem do testemunho até derramarem o próprio sangue,
‚Äď tornai os crist√£os testemunhas fi√©is do vosso Filho. R.

Vós, que concedestes às santas Virgens o dom inestimável de imitar a Cristo virgem,
‚Äď fazei que todos reconhe√ßam a virgindade consagrada a v√≥s como aut√™ntico sinal do reino dos c√©us. R.

Vós, que manifestais em todos os santos e santas a vossa presença, o vosso rosto e a vossa palavra,
‚Äď dai-nos a gra√ßa de nos sentirmos mais pr√≥ximos de v√≥s quando os honramos. R.

(Inten√ß√Ķes livres)

Concedei aos que morreram viver eternamente no céu com a Virgem Maria, São José e todos os santos e santas,
‚Äď e, por intercess√£o deles, fazei-nos participar da sua companhia. R.

Pai nosso...

ANT√ćFONA MARIANA
Salve Rainha, Mãe de Misericórdia, vida e doçura esperança nossa salve! A vós bradamos os degredados filhos de Eva.
A vós suspiramos gemendo e chorando neste vale de lágrimas.
Eia, pois advogada nossa, esses vossos olhos misericordiosos a nós volvei, e depois deste desterro, mostrai-nos Jesus, bendito fruto do vosso ventre, ó clemente, ó piedosa ó doce e sempre Virgem Maria.
Rogai por nós Santa Mãe de Deus, para que sejamos dignos das promessas de Cristo. Amém

ANT√ćFONA MARIANA

Salve Rainha, Mãe de Misericórdia, vida e doçura esperança nossa salve! A vós bradamos os degredados filhos de Eva.

A vós suspiramos gemendo e chorando neste vale de lágrimas.

Eia, pois advogada nossa, esses vossos olhos misericordiosos a nós volvei, e depois deste desterro, mostrai-nos Jesus, bendito fruto do vosso ventre, ó clemente, ó piedosa ó doce e sempre Virgem Maria.

Rogai por nós Santa Mãe de Deus, para que sejamos dignos das promessas de Cristo. Amém

Evangelho do dia

Naquele tempo, Jesus falou à multidão e aos discípulos, dizendo:
¬ęNa cadeira de Mois√©s sentaram-se os escribas e os fariseus.
Fazei e observai tudo quanto vos disserem, mas n√£o imiteis as suas obras, porque eles dizem e n√£o fazem.
Atam fardos pesados e p√Ķem-nos aos ombros dos homens, mas eles nem com o dedo os querem mover.
Tudo o que fazem é para serem vistos pelos homens: alargam os filactérios e ampliam as borlas;
gostam do primeiro lugar nos banquetes e dos primeiros assentos nas sinagogas,
das sauda√ß√Ķes nas pra√ßas p√ļblicas e que os tratem por ‚ÄėMestres‚Äô. V√≥s, por√©m, n√£o vos deixeis tratar por ‚ÄėMestres‚Äô,
porque um só é o vosso Mestre e vós sois todos irmãos.
Na terra n√£o chameis a ningu√©m vosso ‚ÄėPai‚Äô, porque um s√≥ √© o vosso pai, o Pai celeste.
Nem vos deixeis tratar por ‚ÄėDoutores‚Äô, porque um s√≥ √© o vosso doutor, o Messias.
Aquele que for o maior entre vós será o vosso servo.
Quem se exalta ser√° humilhado e quem se humilha ser√° exaltado¬Ľ.

Newsletter
Recevez Aleteia chaque jour. Abonnez-vous gratuitement